21 de julho de 2021 em Saúde

Em Fortaleza, 1.353.072 pessoas foram contempladas com a primeira dose da vacina contra a Covid-19

O agendamento para a vacina já chegou à população nascida em 1993


Em Fortaleza, 1.353.072 pessoas receberam a primeira dose da vacina contra a Covid-19. Dessas, 436.785 também tomaram a segunda dose e outras 26.392, a dose única. A atualização da campanha foi apresentada nesta quarta-feira (21/07) pelo coordenador da Rede de Atenção Primária e Psicossocial. Erlemus Soares.

A cobertura da vacinação contra a Covid-19 atingiu mais de 50% da população da Capital com a primeira dose ou dose única, e 17% com a imunização completa (duas doses ou dose única).

Somente nesta quarta-feira, 39.712 pessoas estão agendadas para serem vacinadas. A SMS já tem lista de agendamento para pessoas nascidas em 1993.

Para conferir, é só acessar o Vacine Já (https://vacineja.sepog.fortaleza.ce.gov.br/) ou o site Corinavírus Fortaleza (https://coronavirus.fortaleza.ce.gov.br/).

Desde o início da semana, pessoas residentes na Capital a partir de 45 anos de idade que ainda não receberam a primeira dose podem buscar os centros de vacinação, após efetivação do cadastro no site Saúde Digital.

Para esse público, não há necessidade de aguardar agendamento, podendo procurar qualquer ponto de vacinação.

Fortaleza tem 113 centros de vacinação. Além dos 100 postos de saúde, são disponibilizadas três policlínicas (Passaré, Jóquei Clube e Bonsucesso) e seis centros de vacinação (shoppings RioMar Fortaleza e RioMar Kennedy, North Shopping Jóquei, Centro de Eventos, Sesi Parangaba e Arena Castelão), além dos quatro Cucas (Barra do Ceará, Jangurussu, Mondubim e José Walter).

Segunda dose da AstraZeneca

Para quem perdeu o agendamento da segunda dose da vacina AstraZeneca, a SMS continua realizando a repescagem dos faltosos. A vacinação desse público ocorre nos 100 postos de saúde destacados para a campanha.

Saiba mais: Prefeitura de Fortaleza amplia acesso à 2ª dose da AstraZeneca

Já aqueles que tomaram a CoronaVac e também perderam o prazo da segunda aplicação, a D2 é oferecida na Arena Castelão.

Para receber as vacinas, é necessário levar a comprovação do agendamento anterior, documento de identidade com foto, CPF, Cartão Nacional de Saúde (CNS), comprovante de residência e o cartão de vacinação.

Campanha contra a gripe

Além da força-tarefa para combater a Covid-19 na Capital, a Prefeitura de Fortaleza também está em campanha de vacinação contra a gripe. A vacinação ocorre nos 116 postos de saúde do Município, das 8h às 17h. Qualquer pessoa acima de 6 meses de idade pode tomar a vacina.

A vacina contra a gripe protege contra três tipos de vírus: Influenza A (H1N1), H3N2 e Influenza B. A gripe H1N1 foi declarada como pandemia em 2009 pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e infectou mais de 70 países. Em 2010, a vacina contra o vírus foi incorporada à vacinação contra as outras influenzas, e o H1N1 circula hoje como uma influenza sazonal.

Crianças de 6 meses a 9 anos que nunca tomaram a vacina contra gripe vão receber duas doses.

Quem já tomou a vacina contra a Covid-19 ou qualquer outra vacina deve aguardar um intervalo de 14 dias para receber a vacina contra a gripe, e vice-versa.

Em Fortaleza, 1.353.072 pessoas foram contempladas com a primeira dose da vacina contra a Covid-19

O agendamento para a vacina já chegou à população nascida em 1993

Em Fortaleza, 1.353.072 pessoas receberam a primeira dose da vacina contra a Covid-19. Dessas, 436.785 também tomaram a segunda dose e outras 26.392, a dose única. A atualização da campanha foi apresentada nesta quarta-feira (21/07) pelo coordenador da Rede de Atenção Primária e Psicossocial. Erlemus Soares.

A cobertura da vacinação contra a Covid-19 atingiu mais de 50% da população da Capital com a primeira dose ou dose única, e 17% com a imunização completa (duas doses ou dose única).

Somente nesta quarta-feira, 39.712 pessoas estão agendadas para serem vacinadas. A SMS já tem lista de agendamento para pessoas nascidas em 1993.

Para conferir, é só acessar o Vacine Já (https://vacineja.sepog.fortaleza.ce.gov.br/) ou o site Corinavírus Fortaleza (https://coronavirus.fortaleza.ce.gov.br/).

Desde o início da semana, pessoas residentes na Capital a partir de 45 anos de idade que ainda não receberam a primeira dose podem buscar os centros de vacinação, após efetivação do cadastro no site Saúde Digital.

Para esse público, não há necessidade de aguardar agendamento, podendo procurar qualquer ponto de vacinação.

Fortaleza tem 113 centros de vacinação. Além dos 100 postos de saúde, são disponibilizadas três policlínicas (Passaré, Jóquei Clube e Bonsucesso) e seis centros de vacinação (shoppings RioMar Fortaleza e RioMar Kennedy, North Shopping Jóquei, Centro de Eventos, Sesi Parangaba e Arena Castelão), além dos quatro Cucas (Barra do Ceará, Jangurussu, Mondubim e José Walter).

Segunda dose da AstraZeneca

Para quem perdeu o agendamento da segunda dose da vacina AstraZeneca, a SMS continua realizando a repescagem dos faltosos. A vacinação desse público ocorre nos 100 postos de saúde destacados para a campanha.

Saiba mais: Prefeitura de Fortaleza amplia acesso à 2ª dose da AstraZeneca

Já aqueles que tomaram a CoronaVac e também perderam o prazo da segunda aplicação, a D2 é oferecida na Arena Castelão.

Para receber as vacinas, é necessário levar a comprovação do agendamento anterior, documento de identidade com foto, CPF, Cartão Nacional de Saúde (CNS), comprovante de residência e o cartão de vacinação.

Campanha contra a gripe

Além da força-tarefa para combater a Covid-19 na Capital, a Prefeitura de Fortaleza também está em campanha de vacinação contra a gripe. A vacinação ocorre nos 116 postos de saúde do Município, das 8h às 17h. Qualquer pessoa acima de 6 meses de idade pode tomar a vacina.

A vacina contra a gripe protege contra três tipos de vírus: Influenza A (H1N1), H3N2 e Influenza B. A gripe H1N1 foi declarada como pandemia em 2009 pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e infectou mais de 70 países. Em 2010, a vacina contra o vírus foi incorporada à vacinação contra as outras influenzas, e o H1N1 circula hoje como uma influenza sazonal.

Crianças de 6 meses a 9 anos que nunca tomaram a vacina contra gripe vão receber duas doses.

Quem já tomou a vacina contra a Covid-19 ou qualquer outra vacina deve aguardar um intervalo de 14 dias para receber a vacina contra a gripe, e vice-versa.