12 de outubro de 2021 em Educação

Entrega de sete Centros de Educação Infantil é destaque entre ações para crianças na educação

Também são destaque a distribuição de chips e a entrega de kits de alimentação para alunos de toda a rede municipal de ensino


dois meninos brincando dentro de uma sala de um centro de educação infantil
Fortaleza é a capital do Nordeste com o maior número de crianças matriculadas na Educação Infantil (Fotos: Marcos Moura)

O investimento em educação é um dos principais esforços da Prefeitura de Fortaleza direcionados à infância. Entre as ações realizadas, destaca-se a entrega de sete Centros de Educação Infantil neste ano. Em meio à retomada das atividades presenciais na rede municipal de ensino, houve ainda distribuição de chips para todos os 240 mil alunos matriculados na rede municipal de ensino, além da entrega mensal de kits de alimentação, mantida até novembro.

Foram entregues neste ano: CEI Dalila Delmas Montenegro (São Bento); CEI Arievaldo Viana (Planalto Ayrton Senna); CEI Professor Genuíno Francisco de Sales (Granja Lisboa), doado pelo Governo do Estado, equipado e gerido pelo Município; CEI Dom Beda Pereira de Holanda (São Bento); CEI Antônia Agostinho de Sousa (Edson Queiroz), também doado pelo Governo do Estado, equipado e gerido pelo Município; CEI Professora Maria Luiza Mota Machado (José Walter); CEI Wilma Maria de Vasconcelos Leopércio (Papicu).

De acordo com o prefeito José Sarto, a educação é a melhor ferramenta para inclusão social e redução de desigualdades. “Estamos cumprindo o compromisso com a expansão de matrículas e entregamos até agora sete novos Centros de Educação infantil. Temos mais de 20 unidades em construção. Além de serem equipamentos com excelente infraestrutura, contam com equipes preparadas para ensinar e estimular o desenvolvimento dos nossos pequenos nesta etapa tão importante que é a primeira infância”, enfatizou o prefeito.

Todas as unidades contam com atendimento de berçário, promessa de campanha do prefeito José Sarto. As matrículas de berçário, destinadas a bebês de seis meses a um ano, serão preenchidas a partir de 2022.

Ampliação de vagas na Educação Infantil

A Educação Infantil é uma área prioritária da gestão municipal. Tanto que, de acordo com o Censo Escolar de 2020, Fortaleza é destaque na área, com a ampliação do número de vagas em 5% em um ano, de 2019 a 2020. O crescimento das capitais brasileiras no mesmo período foi de apenas 2,3%. Assim, conforme o estudo, que é realizado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), Fortaleza é a capital do Nordeste com o maior número de crianças matriculadas na Educação Infantil.

A expansão da oferta de vagas voltadas à Educação Infantil tem se consolidado uma marca da Educação de Fortaleza. A Prefeitura de Fortaleza chegou a 268 unidades educacionais, entre equipamentos construídos, reformados, municipalizados e oriundos de parcerias. Além disso, a Capital também possui 151 escolas municipais com turmas de pré-escola.

Em 2021, mais de 55 mil alunos estão regularmente matriculados na Educação Infantil da Rede Municipal. Na etapa creche, são cerca de 23 mil crianças atendidas.

Requalificação de escolas

a foto mostra a porta de uma sala de aula aberta e, em segundo plano, as carteiras estudantis
43 escola municipais estão sendo requalificadas (Foto: Thiago Gaspar)

Além disso, atualmente Fortaleza conta com 43 escolas municipais passando por requalificação, das quais cinco serão entregues este ano. Um exemplo de requalificação é a Escola Municipal Professora Maria Liduina Correa Leite, no Pici. A unidade atende 522 crianças, do Infantil IV ao 2º ano do Ensino Fundamental.

Entrega de kits pedagógicos

Em meio à retomada das atividades presenciais em toda a rede municipal de ensino, também têm ênfase os investimentos com objetivo de dar suporte a alunos e professores para a realização de atividades presenciais e domiciliares.

Os 240 mil alunos matriculados na Rede Municipal de Educação recebem, a cada ano letivo, um kit pedagógico conforme a especialidade de cada etapa (Educação Infantil ou Ensino Fundamental), com investimento de R$ 11.489.625,00. O kit inclui, entre outros itens, cadernos, canetinhas, lápis de grafite, lápis de cor, borracha, cola e tesoura.

Chips com pacotes de dados

Foram entregues 242 mil chips com pacote de dados de 20 GB – recarregados mensalmente – para os profissionais envolvidos nas ações de ensino e combate à evasão escolar e para todos os alunos matriculados na Rede Municipal Os recursos são da ordem de R$ 29.918.459,97.

Kits de alimentação

Mesmo com a retomada das aulas presenciais, a entrega dos kits de alimentação continua até novembro para todos os 240 mil alunos matriculados na Rede de Ensino, como parte do Pacote Volta às Aulas. Em 14 de setembro, a Prefeitura iniciou a entrega da 7ª etapa dos kits deste ano. A gestão municipal já entregou 14.250 toneladas de alimentos e 17.100.000 unidades de ovos às famílias dos estudantes, com as seis etapas já finalizadas neste ano.

Semana da Educação Inclusiva

crianças em uma aula de linguagem libras
O Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência contou com extensa programação

Entre os dias 20 e 24 de setembro, a programação em alusão ao Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência trouxe destaque para o tema “fortalecendo vínculos afetivos por meio do cuidar, brincar e educar”.

Foram realizadas apresentações artísticas, rodas de conversas com atletas paralímpicos, psicomotricidade relacional, Atendimento Educacional Especializado (AEE) e diálogos com familiares e comunidade escolar.

Semana da Educação Infantil

O evento ocorreu entre os dias 23 e 27 de agosto, em alusão ao Dia Nacional da Educação Infantil. A edição teve como tema “Cuidando de mim, eu cuido do outro, eu cuido do mundo”, e a programação incluiu seminário virtual sobre a temática, série de matérias especiais e revoada de pipas em unidades escolares.

Entrega de sete Centros de Educação Infantil é destaque entre ações para crianças na educação

Também são destaque a distribuição de chips e a entrega de kits de alimentação para alunos de toda a rede municipal de ensino

dois meninos brincando dentro de uma sala de um centro de educação infantil
Fortaleza é a capital do Nordeste com o maior número de crianças matriculadas na Educação Infantil (Fotos: Marcos Moura)

O investimento em educação é um dos principais esforços da Prefeitura de Fortaleza direcionados à infância. Entre as ações realizadas, destaca-se a entrega de sete Centros de Educação Infantil neste ano. Em meio à retomada das atividades presenciais na rede municipal de ensino, houve ainda distribuição de chips para todos os 240 mil alunos matriculados na rede municipal de ensino, além da entrega mensal de kits de alimentação, mantida até novembro.

Foram entregues neste ano: CEI Dalila Delmas Montenegro (São Bento); CEI Arievaldo Viana (Planalto Ayrton Senna); CEI Professor Genuíno Francisco de Sales (Granja Lisboa), doado pelo Governo do Estado, equipado e gerido pelo Município; CEI Dom Beda Pereira de Holanda (São Bento); CEI Antônia Agostinho de Sousa (Edson Queiroz), também doado pelo Governo do Estado, equipado e gerido pelo Município; CEI Professora Maria Luiza Mota Machado (José Walter); CEI Wilma Maria de Vasconcelos Leopércio (Papicu).

De acordo com o prefeito José Sarto, a educação é a melhor ferramenta para inclusão social e redução de desigualdades. “Estamos cumprindo o compromisso com a expansão de matrículas e entregamos até agora sete novos Centros de Educação infantil. Temos mais de 20 unidades em construção. Além de serem equipamentos com excelente infraestrutura, contam com equipes preparadas para ensinar e estimular o desenvolvimento dos nossos pequenos nesta etapa tão importante que é a primeira infância”, enfatizou o prefeito.

Todas as unidades contam com atendimento de berçário, promessa de campanha do prefeito José Sarto. As matrículas de berçário, destinadas a bebês de seis meses a um ano, serão preenchidas a partir de 2022.

Ampliação de vagas na Educação Infantil

A Educação Infantil é uma área prioritária da gestão municipal. Tanto que, de acordo com o Censo Escolar de 2020, Fortaleza é destaque na área, com a ampliação do número de vagas em 5% em um ano, de 2019 a 2020. O crescimento das capitais brasileiras no mesmo período foi de apenas 2,3%. Assim, conforme o estudo, que é realizado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), Fortaleza é a capital do Nordeste com o maior número de crianças matriculadas na Educação Infantil.

A expansão da oferta de vagas voltadas à Educação Infantil tem se consolidado uma marca da Educação de Fortaleza. A Prefeitura de Fortaleza chegou a 268 unidades educacionais, entre equipamentos construídos, reformados, municipalizados e oriundos de parcerias. Além disso, a Capital também possui 151 escolas municipais com turmas de pré-escola.

Em 2021, mais de 55 mil alunos estão regularmente matriculados na Educação Infantil da Rede Municipal. Na etapa creche, são cerca de 23 mil crianças atendidas.

Requalificação de escolas

a foto mostra a porta de uma sala de aula aberta e, em segundo plano, as carteiras estudantis
43 escola municipais estão sendo requalificadas (Foto: Thiago Gaspar)

Além disso, atualmente Fortaleza conta com 43 escolas municipais passando por requalificação, das quais cinco serão entregues este ano. Um exemplo de requalificação é a Escola Municipal Professora Maria Liduina Correa Leite, no Pici. A unidade atende 522 crianças, do Infantil IV ao 2º ano do Ensino Fundamental.

Entrega de kits pedagógicos

Em meio à retomada das atividades presenciais em toda a rede municipal de ensino, também têm ênfase os investimentos com objetivo de dar suporte a alunos e professores para a realização de atividades presenciais e domiciliares.

Os 240 mil alunos matriculados na Rede Municipal de Educação recebem, a cada ano letivo, um kit pedagógico conforme a especialidade de cada etapa (Educação Infantil ou Ensino Fundamental), com investimento de R$ 11.489.625,00. O kit inclui, entre outros itens, cadernos, canetinhas, lápis de grafite, lápis de cor, borracha, cola e tesoura.

Chips com pacotes de dados

Foram entregues 242 mil chips com pacote de dados de 20 GB – recarregados mensalmente – para os profissionais envolvidos nas ações de ensino e combate à evasão escolar e para todos os alunos matriculados na Rede Municipal Os recursos são da ordem de R$ 29.918.459,97.

Kits de alimentação

Mesmo com a retomada das aulas presenciais, a entrega dos kits de alimentação continua até novembro para todos os 240 mil alunos matriculados na Rede de Ensino, como parte do Pacote Volta às Aulas. Em 14 de setembro, a Prefeitura iniciou a entrega da 7ª etapa dos kits deste ano. A gestão municipal já entregou 14.250 toneladas de alimentos e 17.100.000 unidades de ovos às famílias dos estudantes, com as seis etapas já finalizadas neste ano.

Semana da Educação Inclusiva

crianças em uma aula de linguagem libras
O Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência contou com extensa programação

Entre os dias 20 e 24 de setembro, a programação em alusão ao Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência trouxe destaque para o tema “fortalecendo vínculos afetivos por meio do cuidar, brincar e educar”.

Foram realizadas apresentações artísticas, rodas de conversas com atletas paralímpicos, psicomotricidade relacional, Atendimento Educacional Especializado (AEE) e diálogos com familiares e comunidade escolar.

Semana da Educação Infantil

O evento ocorreu entre os dias 23 e 27 de agosto, em alusão ao Dia Nacional da Educação Infantil. A edição teve como tema “Cuidando de mim, eu cuido do outro, eu cuido do mundo”, e a programação incluiu seminário virtual sobre a temática, série de matérias especiais e revoada de pipas em unidades escolares.