07 de novembro de 2013 em Social

Guardas municipais ajudam em parto no Cocó


A guarda municipal Daylene Henrique Beserra, que ajudou no parto, segundo ela, um acontecimento maravilhoso

Durante o retorno de uma ocorrência nas imediações do Parque do Cocó na noite da segunda-feira, dia 4 de novembro, quatro guardas municipais prestaram socorro a uma mulher em trabalho de parto no meio da rua. Marileide, de sobrenome e idade não divulgados solicitou ajuda enquanto a equipe cruzava a rua Monsenhor Salazar, próximo à igreja do São João do Tauape. Os agentes acionaram o Samu e enquanto aguardavam buscaram apoio junto às famílias residentes na área e tentaram acalmar a parturiente, poucos instantes depois, nasceu um menino de aparência saudável.


O bebê veio ao mundo pelas mãos da guarda municipal Daylene Henrique Beserra e contou com a solidariedade de transeuntes, incluindo uma estudante do primeiro semestre da faculdade de Medicina. “A senhora que cedeu a varanda de sua casa fez a doação de lençol e de fralda. Os socorristas, de uma ambulância particular, que passavam na hora verificaram a pressão, colocaram oxigênio e doaram material descartável.Foi um momento maravilhoso” disse Daylene. Após o atendimento do Samu, a nova mãe foi encaminhada ao Gonzaguinha da Barra do Ceará.


Daylene tem seis anos de Guarda Municipal e já passou por diversas experiências. Presenciou conflitos e acidentes, mas ajudar uma criança a nascer foi, segundo ela, um acontecimento maravilhoso. Além de Daylene, a equipe era formada pelos guardas municipais Valcélio Vasconcelos e Antônio Martins e pelo subinspetor Francisco José Silva.

 

Guardas municipais ajudam em parto no Cocó

A guarda municipal Daylene Henrique Beserra, que ajudou no parto, segundo ela, um acontecimento maravilhoso

Durante o retorno de uma ocorrência nas imediações do Parque do Cocó na noite da segunda-feira, dia 4 de novembro, quatro guardas municipais prestaram socorro a uma mulher em trabalho de parto no meio da rua. Marileide, de sobrenome e idade não divulgados solicitou ajuda enquanto a equipe cruzava a rua Monsenhor Salazar, próximo à igreja do São João do Tauape. Os agentes acionaram o Samu e enquanto aguardavam buscaram apoio junto às famílias residentes na área e tentaram acalmar a parturiente, poucos instantes depois, nasceu um menino de aparência saudável.


O bebê veio ao mundo pelas mãos da guarda municipal Daylene Henrique Beserra e contou com a solidariedade de transeuntes, incluindo uma estudante do primeiro semestre da faculdade de Medicina. “A senhora que cedeu a varanda de sua casa fez a doação de lençol e de fralda. Os socorristas, de uma ambulância particular, que passavam na hora verificaram a pressão, colocaram oxigênio e doaram material descartável.Foi um momento maravilhoso” disse Daylene. Após o atendimento do Samu, a nova mãe foi encaminhada ao Gonzaguinha da Barra do Ceará.


Daylene tem seis anos de Guarda Municipal e já passou por diversas experiências. Presenciou conflitos e acidentes, mas ajudar uma criança a nascer foi, segundo ela, um acontecimento maravilhoso. Além de Daylene, a equipe era formada pelos guardas municipais Valcélio Vasconcelos e Antônio Martins e pelo subinspetor Francisco José Silva.