17 de outubro de 2018 em Saúde

Prefeito Roberto Cláudio estimula prevenção do câncer de mama

Para atender a demanda de exames, a Rede Municipal de Saúde conta com três aparelhos de mamografia públicos


várias pessoas posam para a foto
Visita do prefeito Roberto Cláudio ao Hospital e Maternidade Zilda Arns nesta quarta-feira (17/10) faz parte da programação do Outubro Rosa

O prefeito Roberto Cláudio visitou, nesta quinta-feira (17/10), o Hospital e Maternidade Zilda Arns para alertar as mulheres fortalezenses sobre a importância da prevenção do câncer de mama. Visita faz parte da programação  em alusão ao Outubro Rosa, que tem por objetivo de combater a doença. “Estamos aqui para enviar uma mensagem de consciência a todas as mulheres da cidade de Fortaleza. Como vocês sabem, o câncer de mama é o tipo mais frequente entre as mulheres, uma das principais causa de morte entre elas. É muito importante que a gente possa prevenir. A melhor forma é o diagnóstico precoce, por isso, é necessário fazer o autoexame e buscar realizar uma mamografia a cada dois anos, entre 50 e 69 anos de idade”, afirmou o Prefeito, que esteve acompanhado da primeira-dama do Município, Carol Bezerra, e de secretárias municipais.

Para atender a demanda de exames, a Rede Municipal de Saúde conta com três aparelhos de mamografia públicos. Além disso, o exame pode ser feito em instituições conveniadas. Ao todo, são seis mil exames por mês. Só no Gonzaguinha da Barra, são 15 atendimentos de mamografia por turno, de segunda a sexta-feira, totalizando 600 por mês. Já no Gonzaguinha da Messejana, são 560 exames por mês, além dos 30 atendimentos por turno de segunda a segunda do Hospital da Mulher, totalizando 840 mensais.

Durante o período do Outubro Rosa, os exames no Hospital da Mulher serão ampliados, quando a população terá à disposição 120 exames nos fins de semana, sendo 60 aos sábados e os outros 60 nos domingos.

Joana Maciel, secretária da Saúde, ressaltou a importância das mulheres não faltarem aos exames marcados, pois acabam prejudicando a todas. “Temos um índice de faltas muito elevado, em torno de 40% em toda a rede. Devemos lembrar que quando você não vai para o seu exame, não avisa com antecedência, uma outra mulher deixa de ser beneficiada. Contamos com o apoio da população para, se marcar, não faltar”, declarou.

Flávia Maria Nunes, uma das mulheres beneficiadas com a ação do mês de prevenção, parabenizou a gestão pela atividade. “É muito importante esta campanha do Outubro Rosa no Hospital da Mulher. Quando venho, sempre sou bem atendida, sendo uma boa oportunidade para quem ganha pouco, pois não teríamos como pagar os exames, principalmente aquelas que são mais carentes. É muito importante podermos prevenir precocemente o câncer de mama, pois tratando, a pessoa fica curada e bem”, disse.

Caso a mulher observe alguma alteração na mama durante o autoexame, o procedimento adequado é procurar um posto de saúde mais próximo de casa. Lá, ela será encaminhada pelo médico à rede de diagnóstico da Capital.

Prefeito Roberto Cláudio estimula prevenção do câncer de mama

Para atender a demanda de exames, a Rede Municipal de Saúde conta com três aparelhos de mamografia públicos

várias pessoas posam para a foto
Visita do prefeito Roberto Cláudio ao Hospital e Maternidade Zilda Arns nesta quarta-feira (17/10) faz parte da programação do Outubro Rosa

O prefeito Roberto Cláudio visitou, nesta quinta-feira (17/10), o Hospital e Maternidade Zilda Arns para alertar as mulheres fortalezenses sobre a importância da prevenção do câncer de mama. Visita faz parte da programação  em alusão ao Outubro Rosa, que tem por objetivo de combater a doença. “Estamos aqui para enviar uma mensagem de consciência a todas as mulheres da cidade de Fortaleza. Como vocês sabem, o câncer de mama é o tipo mais frequente entre as mulheres, uma das principais causa de morte entre elas. É muito importante que a gente possa prevenir. A melhor forma é o diagnóstico precoce, por isso, é necessário fazer o autoexame e buscar realizar uma mamografia a cada dois anos, entre 50 e 69 anos de idade”, afirmou o Prefeito, que esteve acompanhado da primeira-dama do Município, Carol Bezerra, e de secretárias municipais.

Para atender a demanda de exames, a Rede Municipal de Saúde conta com três aparelhos de mamografia públicos. Além disso, o exame pode ser feito em instituições conveniadas. Ao todo, são seis mil exames por mês. Só no Gonzaguinha da Barra, são 15 atendimentos de mamografia por turno, de segunda a sexta-feira, totalizando 600 por mês. Já no Gonzaguinha da Messejana, são 560 exames por mês, além dos 30 atendimentos por turno de segunda a segunda do Hospital da Mulher, totalizando 840 mensais.

Durante o período do Outubro Rosa, os exames no Hospital da Mulher serão ampliados, quando a população terá à disposição 120 exames nos fins de semana, sendo 60 aos sábados e os outros 60 nos domingos.

Joana Maciel, secretária da Saúde, ressaltou a importância das mulheres não faltarem aos exames marcados, pois acabam prejudicando a todas. “Temos um índice de faltas muito elevado, em torno de 40% em toda a rede. Devemos lembrar que quando você não vai para o seu exame, não avisa com antecedência, uma outra mulher deixa de ser beneficiada. Contamos com o apoio da população para, se marcar, não faltar”, declarou.

Flávia Maria Nunes, uma das mulheres beneficiadas com a ação do mês de prevenção, parabenizou a gestão pela atividade. “É muito importante esta campanha do Outubro Rosa no Hospital da Mulher. Quando venho, sempre sou bem atendida, sendo uma boa oportunidade para quem ganha pouco, pois não teríamos como pagar os exames, principalmente aquelas que são mais carentes. É muito importante podermos prevenir precocemente o câncer de mama, pois tratando, a pessoa fica curada e bem”, disse.

Caso a mulher observe alguma alteração na mama durante o autoexame, o procedimento adequado é procurar um posto de saúde mais próximo de casa. Lá, ela será encaminhada pelo médico à rede de diagnóstico da Capital.