Prefeitura abre acolhimento provisório para pessoas em situação de rua com suspeita ou com confirmação de Covid-19

29 de abril de 2021 em Social

Prefeitura abre acolhimento provisório para pessoas em situação de rua com suspeita ou com confirmação de Covid-19

O serviço amplia as estratégias de cuidados com a população de rua em Fortaleza durante a pandemia


A Prefeitura de Fortaleza abriu, na segunda-feira (26/04), acolhimento provisório para quarentena e isolamento para a população em situação de rua da capital. Inicialmente, estão sendo oferecidas 20 vagas, por meio Secretaria dos Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SDHDS). A iniciativa conta com a parceria do Instituto Maria da Hora

O serviço amplia as estratégias de cuidados com a população de rua em Fortaleza e reduz as transmissões comunitárias entre o segmento, além de conter a disseminação do coronavírus.

O serviço de acolhimento provisório para pessoas em situação de rua com suspeita ou com confirmação de Covid-19 será oferecido para indivíduos e grupos familiares que apresentem sintomas da doença ou diagnóstico positivo.

Os acolhidos com Covid-19 poderão ser encaminhados por serviços da própria SDHDS e demais políticas públicas, rede socioassistencial, rede de atuação com a população de rua, rede de saúde, dentre outras.

A porta de entrada para o serviço será a Central de Regulação de Vagas da SDHDS, que avaliará as situações e as possibilidades de vagas.

Prefeitura abre acolhimento provisório para pessoas em situação de rua com suspeita ou com confirmação de Covid-19

O serviço amplia as estratégias de cuidados com a população de rua em Fortaleza durante a pandemia

A Prefeitura de Fortaleza abriu, na segunda-feira (26/04), acolhimento provisório para quarentena e isolamento para a população em situação de rua da capital. Inicialmente, estão sendo oferecidas 20 vagas, por meio Secretaria dos Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SDHDS). A iniciativa conta com a parceria do Instituto Maria da Hora

O serviço amplia as estratégias de cuidados com a população de rua em Fortaleza e reduz as transmissões comunitárias entre o segmento, além de conter a disseminação do coronavírus.

O serviço de acolhimento provisório para pessoas em situação de rua com suspeita ou com confirmação de Covid-19 será oferecido para indivíduos e grupos familiares que apresentem sintomas da doença ou diagnóstico positivo.

Os acolhidos com Covid-19 poderão ser encaminhados por serviços da própria SDHDS e demais políticas públicas, rede socioassistencial, rede de atuação com a população de rua, rede de saúde, dentre outras.

A porta de entrada para o serviço será a Central de Regulação de Vagas da SDHDS, que avaliará as situações e as possibilidades de vagas.