15 de janeiro de 2014 em Saúde

Prefeitura completa 25 postos de saúde reformados e ampliados entregues em Fortaleza

Foram reestruturados mais dois postos nas Regionais V e VI: Jurandir Picanço, na Granja Portugal, e Matos Dourado, no Edson Queiroz


Até junho, serão entregues também seis UPAs do município e, em 2015, serão feitas as Policlínicas (Foto: Queiroz Neto)

A Prefeitura de Fortaleza entregou, na manhã dessa quarta-feira (15/01), duas unidades básicas de saúde reformadas e ampliadas nas Regionais V e VI: a Jurandir Picanço, no bairro Granja Portugal, e a Matos Dourado, no bairro Edson Queiroz. São 25 unidades reestruturadas na Capital que, somadas a outras 20 que passaram por manutenção, totalizam 45 postos com novo modelo de gestão (atendimento informatizado das 7h às 19h) em funcionamento.

As unidades receberam a ampliação do número de consultórios clínicos, ginecológicos e odontológicos, criação de laboratórios para realização de exames de rotina, ampliação dos núcleos de atendimento aos clientes, criação de auditório, salas de acolhimento, salas para agentes comunitários, banheiros adaptados para deficientes físicos e reparação da estrutura física. “A unidade Jurandir Picanço tinha quase metade do tamanho que tem hoje, era insalubre, havia falta de profissionais, infiltração nas paredes, telhado quebrado, falta de abastecimento de água. Não havia a menor possibilidade de trabalhar. O local estava entre os postos com as piores condições. Hoje, nós podemos entregar para a população um posto digno”, disse o prefeito Roberto Cláudio.

O Prefeito destacou que haverá médicos disponíveis para atender às demandas espontâneas da comunidade e que os resultados de exames de sangue e urina serão disponibilizados no próprio posto de saúde. “Fizemos um levantamento nos postos que já estão funcionando com nova gestão e verificamos que, em 86% dos exames, os resultados voltaram em dois dias para a unidade”. Roberto Cláudio reforçou o papel do posto Matos Dourado na formação de profissionais da saúde. “Este posto tem um papel importante não só para a assistência da população do Dendê, mas também para formar profissionais. Esta unidade, vinculada à Universidade de Fortaleza, forma médicos, fisioterapeutas, fonoaudiólogos que têm a oportunidade de experimentar a sua formação profissional nesse espaço”, afirmou.

De acordo com a secretária executiva da Saúde, Lúcia Cidrão, a resposta da população às reformas nos postos é positiva. “A gente conta hoje com 66% de satisfação numa área que tinha o maior índice de insatisfação da Prefeitura. Uma das prioridades da administração é saúde, porque é a prioridade da população”, explicou.

Até julho, todos os 61 postos de saúde que receberão reformas serão entregues à população, para que os fortalezenses possam receber um atendimento digno, de qualidade e humanizado na Atenção Primária. Segundo o Prefeito, até junho, serão entregues também seis Unidades de Pronto Atendimento (UPAs 24 horas) do município e, em 2015, serão feitas as Policlínicas.

Prefeitura completa 25 postos de saúde reformados e ampliados entregues em Fortaleza

Foram reestruturados mais dois postos nas Regionais V e VI: Jurandir Picanço, na Granja Portugal, e Matos Dourado, no Edson Queiroz

Até junho, serão entregues também seis UPAs do município e, em 2015, serão feitas as Policlínicas (Foto: Queiroz Neto)

A Prefeitura de Fortaleza entregou, na manhã dessa quarta-feira (15/01), duas unidades básicas de saúde reformadas e ampliadas nas Regionais V e VI: a Jurandir Picanço, no bairro Granja Portugal, e a Matos Dourado, no bairro Edson Queiroz. São 25 unidades reestruturadas na Capital que, somadas a outras 20 que passaram por manutenção, totalizam 45 postos com novo modelo de gestão (atendimento informatizado das 7h às 19h) em funcionamento.

As unidades receberam a ampliação do número de consultórios clínicos, ginecológicos e odontológicos, criação de laboratórios para realização de exames de rotina, ampliação dos núcleos de atendimento aos clientes, criação de auditório, salas de acolhimento, salas para agentes comunitários, banheiros adaptados para deficientes físicos e reparação da estrutura física. “A unidade Jurandir Picanço tinha quase metade do tamanho que tem hoje, era insalubre, havia falta de profissionais, infiltração nas paredes, telhado quebrado, falta de abastecimento de água. Não havia a menor possibilidade de trabalhar. O local estava entre os postos com as piores condições. Hoje, nós podemos entregar para a população um posto digno”, disse o prefeito Roberto Cláudio.

O Prefeito destacou que haverá médicos disponíveis para atender às demandas espontâneas da comunidade e que os resultados de exames de sangue e urina serão disponibilizados no próprio posto de saúde. “Fizemos um levantamento nos postos que já estão funcionando com nova gestão e verificamos que, em 86% dos exames, os resultados voltaram em dois dias para a unidade”. Roberto Cláudio reforçou o papel do posto Matos Dourado na formação de profissionais da saúde. “Este posto tem um papel importante não só para a assistência da população do Dendê, mas também para formar profissionais. Esta unidade, vinculada à Universidade de Fortaleza, forma médicos, fisioterapeutas, fonoaudiólogos que têm a oportunidade de experimentar a sua formação profissional nesse espaço”, afirmou.

De acordo com a secretária executiva da Saúde, Lúcia Cidrão, a resposta da população às reformas nos postos é positiva. “A gente conta hoje com 66% de satisfação numa área que tinha o maior índice de insatisfação da Prefeitura. Uma das prioridades da administração é saúde, porque é a prioridade da população”, explicou.

Até julho, todos os 61 postos de saúde que receberão reformas serão entregues à população, para que os fortalezenses possam receber um atendimento digno, de qualidade e humanizado na Atenção Primária. Segundo o Prefeito, até junho, serão entregues também seis Unidades de Pronto Atendimento (UPAs 24 horas) do município e, em 2015, serão feitas as Policlínicas.