02 de agosto de 2018 em Saúde

Prefeitura de Fortaleza inicia campanha de vacinação contra Sarampo e Poliomielite

A meta é vacinar 95% do público-alvo, estimado em 138.317 mil crianças


Durante os dias 6 e 31 de agosto, crianças com idade entre um ano até quatro anos 11 meses e 29 dias devem receber uma dose da vacina contra Sarampo e uma dose da vacina oral contra a Poliomielite, independente de já terem sido imunizadas anteriormente. A meta é vacinar 95% do público-alvo, estimado em 138.317 mil crianças.

O objetivo da campanha é vacinar indiscriminadamente contra poliomielite e sarampo as crianças que fazem parte do público-alvo, contribuindo para a redução do risco de reintrodução do poliovírus selvagem, sarampo e rubéola no país. Além disso, manter uma taxa satisfatória da cobertura vacinal e captar crianças ainda não vacinadas ou que não obtiveram resposta imunológica adequada à vacinação, minimizando, assim, o risco de adoecimento.

A coordenadora de imunizações da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), Vanessa Soldatelli, ressalta que a vacinação é fundamental para garantir a proteção das crianças. “Os pais ou responsáveis devem estar atentos ao calendário de vacinação dos seus filhos. Tanto na rotina, quanto nas campanhas, precisamos da participação ativa deles, pois se a criança segue o esquema vacinal, fica protegida contra muitas doenças graves que ainda circulam no país e no mundo”, explica.

Os 110 postos de saúde de Fortaleza estão disponíveis para realizar a aplicação das vacinas. As salas de imunização funcionam de segunda à sexta-feira, das 7h30 às 18h30.  A mobilização nacional será no dia 18 de agosto (sábado), quando todos os postos de saúde da Capital estarão abertos para vacinação no horário das 8h30 às 16h30.

Saiba mais - O Sarampo é uma doença infecciosa exantemática aguda, transmissível e extremamente contagiosa, podendo evoluir com complicações e óbito. A transmissão ocorre de pessoa a pessoa, por meio de secreções respiratórias, no período de quatro a seis dias antes do aparecimento das manchas até quatro dias após. A Poliomielite é uma doença infectocontagiosa viral aguda, caracterizada por um qua­dro de paralisia flácida, de início súbito. Acomete em geral os membros inferiores. A transmissão ocorre por contato direto pessoa a pessoa, pela via fecal-oral (mais frequentemente), por objetos, alimentos e água contaminados com fezes de doentes ou portadores, ou pela via oral-oral, através de gotículas de secreções da orofaringe (ao falar, tossir ou espirrar).

Prefeitura de Fortaleza inicia campanha de vacinação contra Sarampo e Poliomielite

A meta é vacinar 95% do público-alvo, estimado em 138.317 mil crianças

Durante os dias 6 e 31 de agosto, crianças com idade entre um ano até quatro anos 11 meses e 29 dias devem receber uma dose da vacina contra Sarampo e uma dose da vacina oral contra a Poliomielite, independente de já terem sido imunizadas anteriormente. A meta é vacinar 95% do público-alvo, estimado em 138.317 mil crianças.

O objetivo da campanha é vacinar indiscriminadamente contra poliomielite e sarampo as crianças que fazem parte do público-alvo, contribuindo para a redução do risco de reintrodução do poliovírus selvagem, sarampo e rubéola no país. Além disso, manter uma taxa satisfatória da cobertura vacinal e captar crianças ainda não vacinadas ou que não obtiveram resposta imunológica adequada à vacinação, minimizando, assim, o risco de adoecimento.

A coordenadora de imunizações da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), Vanessa Soldatelli, ressalta que a vacinação é fundamental para garantir a proteção das crianças. “Os pais ou responsáveis devem estar atentos ao calendário de vacinação dos seus filhos. Tanto na rotina, quanto nas campanhas, precisamos da participação ativa deles, pois se a criança segue o esquema vacinal, fica protegida contra muitas doenças graves que ainda circulam no país e no mundo”, explica.

Os 110 postos de saúde de Fortaleza estão disponíveis para realizar a aplicação das vacinas. As salas de imunização funcionam de segunda à sexta-feira, das 7h30 às 18h30.  A mobilização nacional será no dia 18 de agosto (sábado), quando todos os postos de saúde da Capital estarão abertos para vacinação no horário das 8h30 às 16h30.

Saiba mais - O Sarampo é uma doença infecciosa exantemática aguda, transmissível e extremamente contagiosa, podendo evoluir com complicações e óbito. A transmissão ocorre de pessoa a pessoa, por meio de secreções respiratórias, no período de quatro a seis dias antes do aparecimento das manchas até quatro dias após. A Poliomielite é uma doença infectocontagiosa viral aguda, caracterizada por um qua­dro de paralisia flácida, de início súbito. Acomete em geral os membros inferiores. A transmissão ocorre por contato direto pessoa a pessoa, pela via fecal-oral (mais frequentemente), por objetos, alimentos e água contaminados com fezes de doentes ou portadores, ou pela via oral-oral, através de gotículas de secreções da orofaringe (ao falar, tossir ou espirrar).