16 de agosto de 2013 em Saúde

Prefeitura de Fortaleza realiza seminário em parceria com o Unicef

O evento acontece dia 19 de agosto, das 9h às 16h, no Instituto de Promoção da Nutrição e do Desenvolvimento Humano (Iprede)


O tema do evento é “Direito à Saúde e Cidadania entre Juventudes: os desafios da prevenção e do diagnóstico oportuno do HIV/Aids”

A Prefeitura Municipal de Fortaleza (PMF), em parceria com o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), promove seminário e formação com o tema “Direito à Saúde e Cidadania entre Juventudes: os desafios da prevenção e do diagnóstico oportuno do HIV/Aids”. O evento acontece dia 19 de agosto, das 9h às 16h, no Instituto de Promoção da Nutrição e do Desenvolvimento Humano (Iprede - Rua professor Carlos Lobo, 15 - Parque Manibura).

A abertura contará com a participação da representante do Unicef, Tati Andrade, da coordenadora da área técnica de DST/Aids e Hepatites Virais da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Fabiana Sales, e de representantes das coordenadorias de Juventude e da Diversidade Sexual da Prefeitura de Fortaleza.

A programação do seminário segue com uma mesa redonda, às 10h, que será mediada pela consultora do Unicef e mestre em Sociologia, Camila Castro. Na oportunidade, três convidados apresentarão os seguintes projetos e temas: “Fique Sabendo Jovem - prevenção e diagnóstico oportuno”, por Tati Andrade; “Direito à saúde, juventudes e Aids no Brasil”, pelo o presidente do Conselho Nacional de Juventude, Alessandro Melchior; e “Mobilização e políticas que envolvem o diagnóstico precoce no Ceará”, pela doutora em saúde coletiva Renata Mota.

No período da tarde, o seminário fica restrito aos adolescentes e jovens. Eles participarão de uma oficina de formação que será coordenada por Camila Castro e terá a participação da arte educadora Fernanda Meireles e de jovens da “Rede Nacional de pessoas vivendo com HIV/Aids”.

O objetivo do seminário é a capacitação de 50 adolescentes e jovens oriundos de instituições que compõem o comitê gestor do Projeto Fique Sabendo Jovem (Cuca Che Guevara, Coordenadoria de Juventude da PMF, Rede Nacional de pessoas vivendo com HIV/Aids, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará e outros).

Sobre a importância da formação dos jovens por meio do seminário e da integração deles ao Projeto, Fabiana Salesdestacou que “o projeto Fique Sabendo Jovem, além de inovador, fortalecerá a abordagem integral e intersetorial das DST/Aids e hepatites virais nos adolescentes e jovens do município de Fortaleza. A promoção à saúde, diagnóstico oportuno e tratamento é a tríade norteadora para enfrentarmos a epidemia concentrada de Aids nesta faixa etária”.

Prefeitura de Fortaleza realiza seminário em parceria com o Unicef

O evento acontece dia 19 de agosto, das 9h às 16h, no Instituto de Promoção da Nutrição e do Desenvolvimento Humano (Iprede)

O tema do evento é “Direito à Saúde e Cidadania entre Juventudes: os desafios da prevenção e do diagnóstico oportuno do HIV/Aids”

A Prefeitura Municipal de Fortaleza (PMF), em parceria com o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), promove seminário e formação com o tema “Direito à Saúde e Cidadania entre Juventudes: os desafios da prevenção e do diagnóstico oportuno do HIV/Aids”. O evento acontece dia 19 de agosto, das 9h às 16h, no Instituto de Promoção da Nutrição e do Desenvolvimento Humano (Iprede - Rua professor Carlos Lobo, 15 - Parque Manibura).

A abertura contará com a participação da representante do Unicef, Tati Andrade, da coordenadora da área técnica de DST/Aids e Hepatites Virais da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Fabiana Sales, e de representantes das coordenadorias de Juventude e da Diversidade Sexual da Prefeitura de Fortaleza.

A programação do seminário segue com uma mesa redonda, às 10h, que será mediada pela consultora do Unicef e mestre em Sociologia, Camila Castro. Na oportunidade, três convidados apresentarão os seguintes projetos e temas: “Fique Sabendo Jovem - prevenção e diagnóstico oportuno”, por Tati Andrade; “Direito à saúde, juventudes e Aids no Brasil”, pelo o presidente do Conselho Nacional de Juventude, Alessandro Melchior; e “Mobilização e políticas que envolvem o diagnóstico precoce no Ceará”, pela doutora em saúde coletiva Renata Mota.

No período da tarde, o seminário fica restrito aos adolescentes e jovens. Eles participarão de uma oficina de formação que será coordenada por Camila Castro e terá a participação da arte educadora Fernanda Meireles e de jovens da “Rede Nacional de pessoas vivendo com HIV/Aids”.

O objetivo do seminário é a capacitação de 50 adolescentes e jovens oriundos de instituições que compõem o comitê gestor do Projeto Fique Sabendo Jovem (Cuca Che Guevara, Coordenadoria de Juventude da PMF, Rede Nacional de pessoas vivendo com HIV/Aids, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará e outros).

Sobre a importância da formação dos jovens por meio do seminário e da integração deles ao Projeto, Fabiana Salesdestacou que “o projeto Fique Sabendo Jovem, além de inovador, fortalecerá a abordagem integral e intersetorial das DST/Aids e hepatites virais nos adolescentes e jovens do município de Fortaleza. A promoção à saúde, diagnóstico oportuno e tratamento é a tríade norteadora para enfrentarmos a epidemia concentrada de Aids nesta faixa etária”.