01 de julho de 2022 em Saúde

Prefeitura inaugura novo Hospital Gonzaguinha do José Walter

A nova unidade ampliou sua capacidade em 185%, passando de 54 para 154 leitos


grupo de pessoas num palco
"Hoje, nós quase triplicamos a capacidade do Gonzaguinha. Não só triplicamos os leitos, mas há agora uma modernização na engenharia hospitalar, adequando-se às novas regulamentações", informou o prefeito (Foto: Alex Costa)

Como parte da reestruturação do atendimento materno infantil da Capital, o prefeito José Sarto entregou, nesta sexta-feira (01/07), o novo Hospital Distrital Gonzaga Mota do bairro Prefeito José Walter (Gonzaguinha do José Walter). A nova unidade, localizada ao lado da estrutura antiga, ampliou 185% da sua capacidade, passando de 54 para 154 leitos.

Durante a inauguração do novo equipamento, Sarto celebrou a nova estrutura hospitalar e destacou que ela foi completamente readequada e modernizada para atender as novas regras regulamentares vigentes.

"Eu conheço bem o Gonzaguinha do José Walter, inclusive trabalhei aqui como médico. Hoje, nós quase triplicamos a capacidade do Gonzaguinha. Não só triplicamos os leitos, mas há agora uma modernização na engenharia hospitalar, adequando-se às novas regulamentações", informou o prefeito.

Ana Estela Leite, titular da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), também elogiou a nova instalação hospitalar e salientou que o Gonzaguinha do José Walter terá como diferencial o atendimento humanizado".

"Essa é uma estrutura para a cidade de Fortaleza. Não foi apenas triplicar o número de leitos, trouxemos para cá toda uma visão de assistência qualificada, priorizando o trabalho de parto humanizado", comunicou Ana Estela.

O presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, vereador Antônio Henrique, elogiou o novo hospital e o apontou como um marco importante na gestão da saúde de Fortaleza.

"Cuidar da saúde das pessoas é uma das obrigações de nós que estamos no poder público e, hoje, vejo o belo equipamento de o prefeito Sarto entregou. Estou acompanhando essa obra desde a assinatura da ordem de serviço e, com certeza, sei que ela irá atender bem a toda a população do José Walter e da cidade de Fortaleza", comentou o vereador.

Construção do novo Gonzaguinha

As obras de construção ocorreram em 22 meses, dobrando também a sua área, que passou de 3 mil para 6 mil metros quadrados. O acréscimo na infraestrutura hospitalar possibilitou a ampliação de leitos, garantindo o ganho no número de atendimentos.

“O projeto, o layout e as obras do novo Gonzaguinha do José Walter são completamente diferentes quando comparado com os hospitais mais antigos de Fortaleza. As regras mudaram, e as normas de estrutura e funcionamento hospitalar se modernizaram. Aqui temos um equipamento muito mais preparado para receber a população e também iremos contar com equipamentos mais sofisticados”, ressaltou Samuel Dias, titular da Secretaria Municipal da Infraestrutura (Seinf).

Talita Feitosa é psicóloga e trabalha no Gonzaguinha do José Walter desde a antiga sede. Para Talita, a nova instalação permitirá melhor bem-estar para funcionários e pacientes. "A estrutura antiga realmente estava bem precária e não dava conta da demanda. Agora é um equipamento todo novo para população e para nós que trabalhamos aqui. Tem bastante espaço, com áreas verdes e externas, humanizando a ambiência do hospital", comentou.

Ampliação de leitos do hospital maternoinfantil

sarto e ana estela em uma das salas de cirurgia do gonzaguinha
Durante a inauguração, Sarto visitou a nova estrutura do Gonzaguinha

A estrutura antiga do hospital Gonzaguinha do José Walter contava com 44 leitos de internação clinica e 10 de observação, totalizando 54 leitos. A nova estrutura quase triplicou esta quantidade, são 154 leitos, distribuídos em:

- 60 leitos de clínicas médica (10 psicossocial, 8 Unidades de Transição de Cuidados e 42 de internação clínica)
- 56 de alojamento conjunto
- 4 leitos para internação obstétrica (intercorrência da gestação)
- 10 leitos de Cuidados Intermediários Neonatal Convencional (UCINCo)
- 24 leitos de observação ( 10 observação obstétrica, 10 observação clínica, 2 leitos de reanimação e 2 leitos de observação).

Além dos leitos, o hospital também possui:

- 2 salas cirúrgicas
- 1 sala de pequenos procedimentos
- 8 salas de PPP (pré-parto, parto e pós-parto)

Pré-parto, parto e pós-parto (PPP)

Um dos grandes destaques do novo Gonzaguinha do José Walter é a quantidade de salas PPPs, são oito no total. Com isso, a capacidade do hospital para realização de partos ampliou em 312%, saindo de 177 partos, por mês, para 730.

Os ambientes proporcionam total privacidade e conforto para a gestante e acompanhante no momento do parto normal. Todas as salas PPPs são equipadas com cama hospitalar elétrica retrátil, permitindo que a parturiente decida sobre a melhor posição do parto, ampliando a humanização durante o procedimento. Além disso, as salas possuem berço, equipamentos que auxiliam no trabalho de parto e painel eletrônico onde a paciente pode acionar a equipe de saúde, instalado próximo à cama e no banheiro.

Próximas intervenções na Rede Hospitalar

Seguindo o plano de modernização da rede hospitalar de Fortaleza, a próxima unidade que será contemplada com intervenções será o Hospital Distrital Gonzaga Mota de Messejana (Gonzaguinha de Messejana). A unidade, que realiza pronto atendimento obstétrico 24h, ganhará nova estrutura física para qualificar o atendimento materno infantil.

O hospital conta atualmente com cerca de 700 profissionais. As equipes serão remanejadas para atuar nas demais unidades de saúde municipal, garantindo a manutenção da assistência à população e condições salubres para profissionais e pacientes durante o atendimento.

Prefeitura inaugura novo Hospital Gonzaguinha do José Walter

A nova unidade ampliou sua capacidade em 185%, passando de 54 para 154 leitos

grupo de pessoas num palco
"Hoje, nós quase triplicamos a capacidade do Gonzaguinha. Não só triplicamos os leitos, mas há agora uma modernização na engenharia hospitalar, adequando-se às novas regulamentações", informou o prefeito (Foto: Alex Costa)

Como parte da reestruturação do atendimento materno infantil da Capital, o prefeito José Sarto entregou, nesta sexta-feira (01/07), o novo Hospital Distrital Gonzaga Mota do bairro Prefeito José Walter (Gonzaguinha do José Walter). A nova unidade, localizada ao lado da estrutura antiga, ampliou 185% da sua capacidade, passando de 54 para 154 leitos.

Durante a inauguração do novo equipamento, Sarto celebrou a nova estrutura hospitalar e destacou que ela foi completamente readequada e modernizada para atender as novas regras regulamentares vigentes.

"Eu conheço bem o Gonzaguinha do José Walter, inclusive trabalhei aqui como médico. Hoje, nós quase triplicamos a capacidade do Gonzaguinha. Não só triplicamos os leitos, mas há agora uma modernização na engenharia hospitalar, adequando-se às novas regulamentações", informou o prefeito.

Ana Estela Leite, titular da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), também elogiou a nova instalação hospitalar e salientou que o Gonzaguinha do José Walter terá como diferencial o atendimento humanizado".

"Essa é uma estrutura para a cidade de Fortaleza. Não foi apenas triplicar o número de leitos, trouxemos para cá toda uma visão de assistência qualificada, priorizando o trabalho de parto humanizado", comunicou Ana Estela.

O presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, vereador Antônio Henrique, elogiou o novo hospital e o apontou como um marco importante na gestão da saúde de Fortaleza.

"Cuidar da saúde das pessoas é uma das obrigações de nós que estamos no poder público e, hoje, vejo o belo equipamento de o prefeito Sarto entregou. Estou acompanhando essa obra desde a assinatura da ordem de serviço e, com certeza, sei que ela irá atender bem a toda a população do José Walter e da cidade de Fortaleza", comentou o vereador.

Construção do novo Gonzaguinha

As obras de construção ocorreram em 22 meses, dobrando também a sua área, que passou de 3 mil para 6 mil metros quadrados. O acréscimo na infraestrutura hospitalar possibilitou a ampliação de leitos, garantindo o ganho no número de atendimentos.

“O projeto, o layout e as obras do novo Gonzaguinha do José Walter são completamente diferentes quando comparado com os hospitais mais antigos de Fortaleza. As regras mudaram, e as normas de estrutura e funcionamento hospitalar se modernizaram. Aqui temos um equipamento muito mais preparado para receber a população e também iremos contar com equipamentos mais sofisticados”, ressaltou Samuel Dias, titular da Secretaria Municipal da Infraestrutura (Seinf).

Talita Feitosa é psicóloga e trabalha no Gonzaguinha do José Walter desde a antiga sede. Para Talita, a nova instalação permitirá melhor bem-estar para funcionários e pacientes. "A estrutura antiga realmente estava bem precária e não dava conta da demanda. Agora é um equipamento todo novo para população e para nós que trabalhamos aqui. Tem bastante espaço, com áreas verdes e externas, humanizando a ambiência do hospital", comentou.

Ampliação de leitos do hospital maternoinfantil

sarto e ana estela em uma das salas de cirurgia do gonzaguinha
Durante a inauguração, Sarto visitou a nova estrutura do Gonzaguinha

A estrutura antiga do hospital Gonzaguinha do José Walter contava com 44 leitos de internação clinica e 10 de observação, totalizando 54 leitos. A nova estrutura quase triplicou esta quantidade, são 154 leitos, distribuídos em:

- 60 leitos de clínicas médica (10 psicossocial, 8 Unidades de Transição de Cuidados e 42 de internação clínica)
- 56 de alojamento conjunto
- 4 leitos para internação obstétrica (intercorrência da gestação)
- 10 leitos de Cuidados Intermediários Neonatal Convencional (UCINCo)
- 24 leitos de observação ( 10 observação obstétrica, 10 observação clínica, 2 leitos de reanimação e 2 leitos de observação).

Além dos leitos, o hospital também possui:

- 2 salas cirúrgicas
- 1 sala de pequenos procedimentos
- 8 salas de PPP (pré-parto, parto e pós-parto)

Pré-parto, parto e pós-parto (PPP)

Um dos grandes destaques do novo Gonzaguinha do José Walter é a quantidade de salas PPPs, são oito no total. Com isso, a capacidade do hospital para realização de partos ampliou em 312%, saindo de 177 partos, por mês, para 730.

Os ambientes proporcionam total privacidade e conforto para a gestante e acompanhante no momento do parto normal. Todas as salas PPPs são equipadas com cama hospitalar elétrica retrátil, permitindo que a parturiente decida sobre a melhor posição do parto, ampliando a humanização durante o procedimento. Além disso, as salas possuem berço, equipamentos que auxiliam no trabalho de parto e painel eletrônico onde a paciente pode acionar a equipe de saúde, instalado próximo à cama e no banheiro.

Próximas intervenções na Rede Hospitalar

Seguindo o plano de modernização da rede hospitalar de Fortaleza, a próxima unidade que será contemplada com intervenções será o Hospital Distrital Gonzaga Mota de Messejana (Gonzaguinha de Messejana). A unidade, que realiza pronto atendimento obstétrico 24h, ganhará nova estrutura física para qualificar o atendimento materno infantil.

O hospital conta atualmente com cerca de 700 profissionais. As equipes serão remanejadas para atuar nas demais unidades de saúde municipal, garantindo a manutenção da assistência à população e condições salubres para profissionais e pacientes durante o atendimento.