14 de maio de 2020 em Social

Prefeitura inicia 2ª etapa da distribuição de cestas básicas a beneficiários do Bolsa Família

Aqueles que não foram contemplados na primeira etapa poderão receber duas cestas básicas. A entrega segue até o próximo dia 19 de maio


duas mulheres lado a lado posando para a foto de máscara e segurando cestas básicas
A distribuição das cestas básicas tem como objetivo reduzir as dificuldades causadas pela pandemia do coronavírus às famílias mais vulneráveis da Capital

A Prefeitura de Fortaleza iniciou, nesta quinta-feira (14/05), a segunda etapa da distribuição de cestas básicas aos beneficiários do programa Bolsa Família que não possuem alunos matriculados na Rede de Ensino Municipal. A ação, executada pela Secretaria dos Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SDHDS), ocorre em mais de 287 escolas de Fortaleza e vai até a próxima terça-feira (19/05).

A distribuição das cestas básicas, que tem como objetivo reduzir as dificuldades causadas pela pandemia do coronavírus às famílias mais vulneráveis da Capital, iniciou no dia 28 de abril e já entregou mais de 60 mil unidades do total de 108 mil.

“Quem não pegou em abril ou quem ainda não tenha recebido pode pegar nessa nova etapa de distribuição, tanto a primeira cesta quanto a segunda. Para isso, é preciso aguardar o contato da Prefeitura informando em qual escola está a sua cesta. Vale lembrar que o horário de entrega é entre 8h e 14h, sem intervalo”, explicou Patrícia Studart, secretária executiva da SDHDS.

Caso o beneficiário precise tirar dúvidas para saber se o nome está na lista e em qual escola deve comparecer, pode ligar para o número 156, opção 06 (Comida em Casa).

“É importante ressaltar que não adianta ir a qualquer escola e se aglomerar em filas, precisa já ir com o local certo. O beneficiário deve esperar o contato da SDHDS por ligação telefônica ou ligar para o 156. A orientação do prefeito Roberto Cláudio é que todas as famílias sejam assistidas o quanto antes”, ressaltou Igor Steindorfer, coordenador executivo da SDHDS.

A Prefeitura alerta que durante o contato não solicita nenhum tipo de dado pessoal ao beneficiário.

Prefeitura inicia 2ª etapa da distribuição de cestas básicas a beneficiários do Bolsa Família

Aqueles que não foram contemplados na primeira etapa poderão receber duas cestas básicas. A entrega segue até o próximo dia 19 de maio

duas mulheres lado a lado posando para a foto de máscara e segurando cestas básicas
A distribuição das cestas básicas tem como objetivo reduzir as dificuldades causadas pela pandemia do coronavírus às famílias mais vulneráveis da Capital

A Prefeitura de Fortaleza iniciou, nesta quinta-feira (14/05), a segunda etapa da distribuição de cestas básicas aos beneficiários do programa Bolsa Família que não possuem alunos matriculados na Rede de Ensino Municipal. A ação, executada pela Secretaria dos Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SDHDS), ocorre em mais de 287 escolas de Fortaleza e vai até a próxima terça-feira (19/05).

A distribuição das cestas básicas, que tem como objetivo reduzir as dificuldades causadas pela pandemia do coronavírus às famílias mais vulneráveis da Capital, iniciou no dia 28 de abril e já entregou mais de 60 mil unidades do total de 108 mil.

“Quem não pegou em abril ou quem ainda não tenha recebido pode pegar nessa nova etapa de distribuição, tanto a primeira cesta quanto a segunda. Para isso, é preciso aguardar o contato da Prefeitura informando em qual escola está a sua cesta. Vale lembrar que o horário de entrega é entre 8h e 14h, sem intervalo”, explicou Patrícia Studart, secretária executiva da SDHDS.

Caso o beneficiário precise tirar dúvidas para saber se o nome está na lista e em qual escola deve comparecer, pode ligar para o número 156, opção 06 (Comida em Casa).

“É importante ressaltar que não adianta ir a qualquer escola e se aglomerar em filas, precisa já ir com o local certo. O beneficiário deve esperar o contato da SDHDS por ligação telefônica ou ligar para o 156. A orientação do prefeito Roberto Cláudio é que todas as famílias sejam assistidas o quanto antes”, ressaltou Igor Steindorfer, coordenador executivo da SDHDS.

A Prefeitura alerta que durante o contato não solicita nenhum tipo de dado pessoal ao beneficiário.