25 de abril de 2018 em Segurança Cidadã

Vice-prefeito Moroni Torgan apresenta o Programa Municipal de Proteção Urbana em Fórum Nacional de Segurança

O evento é o mais importante e representativo do segmento e reúne técnicos de vários estados e municípios


Os representantes estão em Guarujá para discutir segurança pública municipal
 16º Fórum Nacional de Segurança Pública Municipal prossegue até quinta-feira (26/04)

O vice-prefeito de Fortaleza Moroni Torgan apresenta o Programa Municipal de Proteção Urbana de Fortaleza (PMPU), nesta quarta-feira (25/04), durante o 16º Fórum Nacional de Segurança Pública Municipal que ocorre na cidade de Guarujá (São Paulo). O evento é o mais importante e representativo do segmento e reúne técnicos de vários estados e municípios. Este ano, Fortaleza é um dos destaques. Além de Moroni, o titular da Secretaria Municipal da Segurança Cidadã (Sesec), Azevedo Vieira, e o diretor-geral da Guarda Municipal de Fortaleza, inspetor Romulo Reis, participam do Fórum, que segue até quinta-feira (26/04).

O Fórum apresenta discussões acerca da segurança pública municipal, ou segurança urbana, assunto em franco debate no Brasil, tendo em vista a transversalidade e intersetorialidade dessa política pública. Com isso, as secretarias municipais de segurança vêm aperfeiçoando seus processos de gestão e buscando ações de integração com outras agências do sistema de segurança.

Para esta edição, são esperados representantes das principais capitais brasileiras e de outros 80 municípios brasileiros. “Será uma troca de experiência com servidores, gestores municipais de segurança, pesquisadores, lideranças políticas e sociais para o fortalecimento da segurança urbana e melhor qualidade de vida dos cidadãos”, disse o diretor-geral, Romulo Reis.

O PMPU

O Programa Municipal de Proteção Urbana foi lançando pela Prefeitura de Fortaleza em fevereiro deste ano, no bairro Jangurussu, e consiste em torres de segurança equipadas com câmeras de vigilância 24 horas, além do patrulhamento integrado com a participação de 40 guardas municipais e 20 policiais militares.

Vice-prefeito Moroni Torgan apresenta o Programa Municipal de Proteção Urbana em Fórum Nacional de Segurança

O evento é o mais importante e representativo do segmento e reúne técnicos de vários estados e municípios

Os representantes estão em Guarujá para discutir segurança pública municipal
 16º Fórum Nacional de Segurança Pública Municipal prossegue até quinta-feira (26/04)

O vice-prefeito de Fortaleza Moroni Torgan apresenta o Programa Municipal de Proteção Urbana de Fortaleza (PMPU), nesta quarta-feira (25/04), durante o 16º Fórum Nacional de Segurança Pública Municipal que ocorre na cidade de Guarujá (São Paulo). O evento é o mais importante e representativo do segmento e reúne técnicos de vários estados e municípios. Este ano, Fortaleza é um dos destaques. Além de Moroni, o titular da Secretaria Municipal da Segurança Cidadã (Sesec), Azevedo Vieira, e o diretor-geral da Guarda Municipal de Fortaleza, inspetor Romulo Reis, participam do Fórum, que segue até quinta-feira (26/04).

O Fórum apresenta discussões acerca da segurança pública municipal, ou segurança urbana, assunto em franco debate no Brasil, tendo em vista a transversalidade e intersetorialidade dessa política pública. Com isso, as secretarias municipais de segurança vêm aperfeiçoando seus processos de gestão e buscando ações de integração com outras agências do sistema de segurança.

Para esta edição, são esperados representantes das principais capitais brasileiras e de outros 80 municípios brasileiros. “Será uma troca de experiência com servidores, gestores municipais de segurança, pesquisadores, lideranças políticas e sociais para o fortalecimento da segurança urbana e melhor qualidade de vida dos cidadãos”, disse o diretor-geral, Romulo Reis.

O PMPU

O Programa Municipal de Proteção Urbana foi lançando pela Prefeitura de Fortaleza em fevereiro deste ano, no bairro Jangurussu, e consiste em torres de segurança equipadas com câmeras de vigilância 24 horas, além do patrulhamento integrado com a participação de 40 guardas municipais e 20 policiais militares.