12 de março de 2014 em Gestão

Secultfor realiza oficina de prestação de contas para selecionados nos Editais do Ciclo Carnavalesco


Os objetivos do encontro foram triar dúvidas e esclarecer detalhes sobre as premiações, bem como deveres referentes ao recebimento

Integrantes de blocos, maracatus, escolas de samba, afoxés e cordões selecionados pelos Editais do Ciclo Carnavalesco 2014 (Pré-Carnaval e Carnaval) participaram, nesta terça-feira (11/3) e quarta-feira (12/3), pela tarde, da Oficina de Prestação de Contas. Oferecida pela Secretaria Municipal de Cultura de Fortaleza e ministrada por uma equipe da Coordenadoria Administrativa Financeira do órgão, a oficina teve como objetivo tirar dúvidas e esclarecer detalhes sobre as premiações, bem como deveres referentes ao recebimento.

“Trata-se de uma iniciativa pioneira da Secretaria de Cultura que, como essa ação, busca um maior diálogo com os selecionados e, sobretudo, garantir que todos mantenham-se adimplentes para o Carnaval do próximo ano”, esclarece o coordenador de Patrimônio Histórico e Cultura da Secultfor, Alênio Carlos.

 

Secultfor realiza oficina de prestação de contas para selecionados nos Editais do Ciclo Carnavalesco

Os objetivos do encontro foram triar dúvidas e esclarecer detalhes sobre as premiações, bem como deveres referentes ao recebimento

Integrantes de blocos, maracatus, escolas de samba, afoxés e cordões selecionados pelos Editais do Ciclo Carnavalesco 2014 (Pré-Carnaval e Carnaval) participaram, nesta terça-feira (11/3) e quarta-feira (12/3), pela tarde, da Oficina de Prestação de Contas. Oferecida pela Secretaria Municipal de Cultura de Fortaleza e ministrada por uma equipe da Coordenadoria Administrativa Financeira do órgão, a oficina teve como objetivo tirar dúvidas e esclarecer detalhes sobre as premiações, bem como deveres referentes ao recebimento.

“Trata-se de uma iniciativa pioneira da Secretaria de Cultura que, como essa ação, busca um maior diálogo com os selecionados e, sobretudo, garantir que todos mantenham-se adimplentes para o Carnaval do próximo ano”, esclarece o coordenador de Patrimônio Histórico e Cultura da Secultfor, Alênio Carlos.