18 de setembro de 2017 em Mobilidade

AMC realiza ação educativa na Av. Barão de Studart para prevenir acidentes com motocicletas

Somente no primeiro semestre deste ano, 45,8% das mortes no trânsito correspondem a motociclistas


As motocicletas ainda são os veículos mais vulneráveis a acidentes de trânsito fatais. Exemplo disso é que dentre as 121 mortes registradas no primeiro semestre deste ano, 45,8% correspondem a motociclistas. Com o objetivo de reverter este quadro e conscientizá-los sobre a importância de um tráfego seguro e responsável, a Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) realiza mais uma ação da campanha educativa “Motociclista prudente: quem é consciente não se envolve em acidente”. A abordagem acontece nesta terça-feira (19/09), a partir de 14h30, na Av. Barão de Studart, nº 3100, no bairro Aldeota.

Durante a mobilização, os motociclistas serão orientados a cumprir a legislação de trânsito como forma de evitar acidentes. “Nosso propósito é educar e estimular o respeito às normas de circulação viária para preservar vidas. Queremos nos aproximar dos cidadãos fornecendo dicas sobre a importância de pilotar sempre com segurança, utilizando o capacete, a viseira de proteção e os calçados adequados”, esclarece Nertan Rocha, responsável pela Gerência de Educação do órgão.

O objetivo da atividade é promover uma pilotagem segura e combater os principais fatores de risco como a ausência ou uso inadequado do capacete. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), o capacete, quando afivelado corretamente, reduz em até 40% o número de mortes e em 70% a probabilidade de lesões graves. 

Semana da Mobilidade
A ação integra a programação da Semana da Mobilidade, que começou nesta segunda-feira (18/09) e vai até o dia 25 de setembro. Pelos próximos dias, diversas atividades e ações culturais e educativas buscam chamar atenção da sociedade para a importância da prevenção de acidentes de trânsito. Estão previstas ainda uma série de intervenções: faixa exclusiva de ônibus no Centro, requalificação viária na Av. Desembargador Gonzaga, nova faixa em diagonal para pedestres, ciclofaixa, além de novos projetos que visam à ocupação do espaço público pelas pessoas. 

 

AMC realiza ação educativa na Av. Barão de Studart para prevenir acidentes com motocicletas

Somente no primeiro semestre deste ano, 45,8% das mortes no trânsito correspondem a motociclistas

As motocicletas ainda são os veículos mais vulneráveis a acidentes de trânsito fatais. Exemplo disso é que dentre as 121 mortes registradas no primeiro semestre deste ano, 45,8% correspondem a motociclistas. Com o objetivo de reverter este quadro e conscientizá-los sobre a importância de um tráfego seguro e responsável, a Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) realiza mais uma ação da campanha educativa “Motociclista prudente: quem é consciente não se envolve em acidente”. A abordagem acontece nesta terça-feira (19/09), a partir de 14h30, na Av. Barão de Studart, nº 3100, no bairro Aldeota.

Durante a mobilização, os motociclistas serão orientados a cumprir a legislação de trânsito como forma de evitar acidentes. “Nosso propósito é educar e estimular o respeito às normas de circulação viária para preservar vidas. Queremos nos aproximar dos cidadãos fornecendo dicas sobre a importância de pilotar sempre com segurança, utilizando o capacete, a viseira de proteção e os calçados adequados”, esclarece Nertan Rocha, responsável pela Gerência de Educação do órgão.

O objetivo da atividade é promover uma pilotagem segura e combater os principais fatores de risco como a ausência ou uso inadequado do capacete. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), o capacete, quando afivelado corretamente, reduz em até 40% o número de mortes e em 70% a probabilidade de lesões graves. 

Semana da Mobilidade
A ação integra a programação da Semana da Mobilidade, que começou nesta segunda-feira (18/09) e vai até o dia 25 de setembro. Pelos próximos dias, diversas atividades e ações culturais e educativas buscam chamar atenção da sociedade para a importância da prevenção de acidentes de trânsito. Estão previstas ainda uma série de intervenções: faixa exclusiva de ônibus no Centro, requalificação viária na Av. Desembargador Gonzaga, nova faixa em diagonal para pedestres, ciclofaixa, além de novos projetos que visam à ocupação do espaço público pelas pessoas.