A rede cicloviária de Fortaleza está em constante expansão. Desta vez, ciclistas que circulam pelo Montese podem desfrutar de um percurso seguro na Rua da Saudade. A nova ciclofaixa, sinalizada pela Autarquia Municipal de Trânsito Cidadania (AMC), possui 1,8 km de extensão e se interliga com a infraestrutura existente na Av. Luciano Carneiro e na Rua Equador.

Com essa implantação, a cidade passa a ter 430,3 km de malha voltada aos usuários de bicicleta, sendo 131,7 km de ciclovias, 282,6 km de ciclofaixas, 12,5 km de ciclorrotas e 3,5 km de passeio compartilhado. A expectativa é alcançar um total de 500 km até o final do próximo ano.

Segundo o Instituto de Políticas de Transporte e Desenvolvimento (ITDP Brasil), Fortaleza é a capital brasileira onde as pessoas vivem mais próximas à infraestrutura cicloviária, com mais de 50% dos habitantes morando a menos de 300 metros de alguma ciclovia, ciclofaixa, ciclorrota ou passeio compartilhado.

Ampliação

Promover uma maior conectividade entre as infraestruturas cicloviárias é um dos objetivos do programa Pedala Mais Fortaleza, que pretende dobrar o número de ciclistas de 5% para 10% nos próximos 10 anos. Ainda este ano bairros como Jacarecanga, Presidente Kennedy e Quintino Cunha serão contemplados com novas ciclofaixas.

Além da expansão da rede cicloviária, o Bicicletar também será ampliado para alcançar áreas que ainda não foram contempladas com o projeto. Estão previstas 105 novas estações para adultos e sete para crianças até dezembro de 2024.

"O nosso intuito é incentivar a utilização da bicicleta como meio de transporte, melhorando as condições de deslocamento e promovendo maior segurança no ir e vir de quem pedala", reforça Priscila Diniz, coordenadora da Gestão Cicloviária da AMC.

Publicado em Mobilidade

Ações educativas que incentivam o respeito entre os diversos modos de transporte prometem mobilizar pessoas de todas as faixas etárias, neste domingo (26/11), na Cidade da Criança. As atividades acontecem durante a Ciclofaixa de Lazer, que chega à 414ª edição, consolidando-se no calendário da cidade como opção de diversão saudável aos fortalezenses.

Desenvolvida pela Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC), a programação terá início às 8 horas com o Jogo Gigante do Tabuleiro de Trânsito em que as crianças aprendem sobre as regras de circulação. Outra iniciativa é o Minicircuito de Bike Infantil, onde os pequenos terão à disposição bicicletas do Minibicicletar para simular um tráfego compartilhado. Está prevista ainda a distribuição de plaquinhas para bicicletas.

Além da Cidade da Criança, a Ciclofaixa de Lazer conta com outros quatro pontos de apoio aos ciclistas: Anfiteatro do Parque do Cocó, no Cocó; Igreja Nossa Senhora Aparecida, no Montese; Av. Desembargador Moreira/Jardins Open Mall, na Aldeota; e Parque Rachel de Queiroz, no bairro Presidente Kennedy. Todo o percurso contará com o suporte de agentes de trânsito, servidores da Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor), da Guarda Municipal de Fortaleza (GMF) e do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

Para amenizar a sensação de calor e melhorar o conforto térmico, usuários do pedal poderão se refrescar com os Xiringadores. Dentro do tratejo, os equipamentos estão situados na Avenida Beira-Mar, próximo ao cruzamento com a Rua José Vilar e ao Gran Marquise, e na Av. Bezerra de Menezes. A medida faz parte do programa Pedala Mais Fortaleza, nova política cicloviária da Capital que pretende dobrar o número de ciclistas de 5% para 10% nos próximos 10 anos.

Rota leste

A rota leste sairá do início da ciclovia da Avenida Washington Soares em direção à Cidade da Criança, passando pelo ponto de apoio do Anfiteatro do Parque do Cocó. O percurso seguirá pela Av. Sebastião de Abreu até a Rua Andrade Furtado, seguindo pela Av. Padre Antônio Tomás, Av. Senador Virgílio Távora, Av. Antônio Justa, Av. Abolição, Av. Beira-Mar (podendo acessar pela ciclovia paisagística para o Mercado dos Peixes), Av. Historiador Raimundo Girão, Rua Carlos Vasconcelos e Rua Pinto Madeira em direção à Cidade da Criança.

Rota oeste

A rota oeste vai ligar o Parque Rachel de Queiroz, no bairro Presidente Kennedy, à Cidade da Criança e à Av. Beira-Mar. O circuito passará pela Rua Braz de Francesco, Av. Bezerra de Menezes, Rua Justiniano de Serpa, Av. Domingos Olímpio, onde poderá se conectar com a rota sul pela Rua General Sampaio, seguindo pela Rua Pedro Pereira até a Cidade da Criança ou seguir até a Rua Carlos Vasconcelos em direção à Av. Beira-Mar.

Rota sul

A rota sul vai ligar a Praça da Igreja Nossa Senhora Aparecida, no bairro Montese, à Cidade da Criança. O percurso partirá da Av. Professor Gomes de Matos, Rua Jorge Dumar, Av. Eduardo Girão, Av. da Universidade, seguindo pela Av. Domingos Olímpio (podendo se conectar com a rota oeste, em direção à Av. Beira-Mar – ciclovia paisagística – pela Rua Carlos Vasconcelos) até a Rua Solon Pinheiro, deslocando-se para a Cidade da Criança e se conectando à rota leste em direção a Av. Beira-Mar ou ao Parque do Cocó.

Publicado em Mobilidade
ciclomotor sendo rebocado
Dois ciclomotores foram apreendidos e encaminhados ao depósito da AMC numa ação integrada que também contou com o apoio da Agefis, Guarda Municipal e Polícia Rodoviária Estadual (PRE)

A Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) realizou, na noite da última sexta-feira (17/11), uma operação especial para fiscalizar a circulação irregular de ciclomotores no calçadão da Av. Beira-Mar. A medida atende à determinação do prefeito José Sarto que solicitou maior rigor na fiscalização após registros de atropelamento no local.

O comando foi dividido em duas etapas. Em um primeiro momento educadores do órgão orientaram sobre o tráfego indevido de tais veículos no passeio, o que resultou em 14 abordagens. Em seguida, agentes de trânsito atuaram para retirar de circulação os ciclomotores que transitavam na calçada, gerando riscos à segurança viária.

Dois ciclomotores foram apreendidos e encaminhados ao depósito da AMC numa ação integrada que também contou com o apoio da Agência de Fiscalização de Fortaleza (Agefis), Guarda Municipal e Polícia Rodoviária Estadual (PRE).

Segundo o chefe de Operação e Fiscalização da AMC, Wellington Cartaxo, os trabalhos estão sendo intensificados para coibir a prática de forma definitiva. “É nosso dever resguardar a integridade do pedestre, que é o usuário mais vulnerável a acidente. A cada operação, vamos deixar o passeio livre e seguro para quem anda a pé”, enfatiza.

De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), o veículo caracterizado como ciclomotor deve ser conduzido pela direita da pista de rolamento, não podendo circular nas áreas de passeio, calçada, ciclovia ou ciclofaixa, além de vias de trânsito rápido. O tráfego irregular nestes espaços é uma infração de natureza gravíssima, com penalidade de multa multiplicada por três, no total de R$ 880,41.

A legislação ainda define que apenas maiores de 18 anos e habilitados com carteira do tipo A ou que tenham ACC (Autorização para Conduzir Ciclomotor) podem pilotar o veículo. O ciclomotor deve ter placa de placa de identificação e também licenciamento.

Atropelamento

Um turista francês ficou ferido ao ser atropelado por um ciclomotor no calçadão da Av. Beira-Mar, na segunda-feira (13/11). O veículo foi removido pela AMC e Guarda Municipal.

O Serviço de Atendimento Móvel Urgente (Samu) atendeu a vítima, que foi encaminhada ao Instituto Doutor José Frota (IJF), no Centro da cidade.

Publicado em Mobilidade

O percurso da Ciclofaixa de Lazer deste domingo (19/11) será alterado em virtude da realização do Ironman, competição de triathlon que acontece na Av. Beira-Mar. A modificação afetará a rota leste, que terá início na Av. Sebastião de Abreu, seguindo pelo Parque do Cocó, Av. Pe. Antonio Tomás e Av. Desembargador Moreira. De lá, o ciclista poderá ir até a Praça Portugal ou utilizar a Rua Torres Câmara para seguir para a Cidade da Criança, onde haverá mais uma edição do Vem Brincar, Fortaleza.

Iniciativa da Prefeitura de Fortaleza, por meio da Coordenadoria Especial da Primeira Infância (Cespi), o projeto tem o foco em diversão, educação, sustentabilidade e a interação entre crianças e suas famílias, através do brincar com ações de lazer. Estão previstas atrações musicais, atividades lúdicas e emissão de carteira de estudante e bilhetinho, de 8 às 11h.

Além da Cidade da Criança, onde os usuários de bicicleta se hidratam, haverá pontos de apoio na Igreja Nossa Senhora Aparecida, no Parque Rachel de Queiroz, na Av. Desembargador Moreira/Jardins Open Mall e no Anfiteatro do Parque do Cocó. Ao todo, serão 27 km de percurso seguro, entre 6h e meio-dia, supervisionado pela Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC), Guarda Municipal, Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) e Secretaria Municipal da Saúde (SMS).

As rotas sul e oeste não terão alteração no itinerário. A primeira compreende vias como Professor Gomes de Matos, Jorge Dummar, Marechal Deodoro, 13 de Maio, Av. da Universidade e Sólon Pinheiro, interligando-se à rota oeste a partir da Av. Domingos Olímpio e podendo seguir para as demais vias do percurso como Av. Bezerra de Menezes, Rua Carlos Vasconcelos até a Rua Pinto Madeira.

Publicado em Mobilidade

A chegada do Papai Noel anunciando o Natal nos shoppings Del Paseo e Benfica promete animar as crianças neste final de semana. Para disciplinar a circulação e garantir a segurança dos pequenos, a Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) montará uma operação especial de tráfego com a presença de agentes e orientadores do órgão. 

No sábado (11/11), a operação terá início às 16 horas no entorno do Del Paseo. O cruzamento da Av. Santos Dumont com Rua Barbosa de Freitas será fechado para veículos a partir deste horário. A opção de desvio é seguir pela Rua Barbosa de Freitas e dobrar à esquerda na Rua Eduardo Garcia ou então na Av. Padre Antônio Tomás, continuando o percurso. 

Já no domingo (12/11), às 15h30, haverá controle de tráfego nas proximidades do shopping Benfica, mas sem necessidade de bloqueio. Além da presença do efetivo da AMC, o fluxo veicular também terá um acompanhamento das câmeras de videomonitoramento da Central da Mobilidade para Preservação de Vidas no Trânsito do órgão.

A população pode solicitar atendimento de ocorrência de irregularidades ou sinistros à AMC pelo número 190, da Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops).

Publicado em Mobilidade
pessoas andando de bicicleta
Nos últimos três anos, a cidade mais ciclável do País recebeu 82,3 km de infraestrutura cicloviária distribuída entre diferentes bairros e regiões (Foto: Marcos Moura)

Seja de bicicleta, a pé ou de ônibus, a mobilidade sustentável surge como alternativa ao transporte tradicional e ganha cada vez mais adeptos em todo o mundo. Pioneira, a Prefeitura de Fortaleza tem priorizado modais ativos econômicos, menos poluentes e que melhoram a qualidade de vida da população. Cerca de 60% dos percursos na Capital são realizados por coletivos ou veículos não-motorizados.

Nos últimos três anos, a cidade mais ciclável do País recebeu 82,3 km de infraestrutura cicloviária distribuída entre diferentes bairros e regiões. Hoje já são mais de 430 km de ciclofaixas, ciclovias e ciclorrotas que garantem um ir e vir seguro a quem precisa se deslocar de forma barata e saudável.

O estudante Derlan Santos, de 16 anos, viu o seu trajeto melhorar depois da implantação da ciclofaixa n Av. Eng. Leal Lima Verde. "Sentia muita dificuldade em ir ao colégio de bicicleta. Era complicado pra mim ter que andar entre os carros, me arriscando. Agora, como cada um tem seu espaço, viajo com mais segurança", explica o jovem. A expectativa da atual gestão é expandir a malha em 500 km até o final do ano que vem.

Assim como a ampliação da rede, outras políticas públicas de incentivo ao modal cicloviário seguem avançando. O Bicicletar, sistema público de bicicletas compartilhadas, tem 195 estações e soma mais de seis milhões de viagens desde o início de suas atividades, em dezembro de 2014. Há ainda a versão infantil do projeto, o Minibicicletar, com 13 estações, e o Bicicletar Corporativo, que é voltado exclusivamente para os servidores municipais.

Além dessa iniciativa, quem pedala também pode desfrutar todos os domingos da Ciclofaixa de Lazer percorrendo diversos pontos turísticos da cidade em três rotas disponíveis. Fortaleza dispõe ainda de 898 paraciclos no entorno de praças e equipamentos públicos, e bicicletários nos terminais de integração. 

"Ao possibilitarmos condições seguras de deslocamento para os ciclistas, promovemos também uma mudança cultural nos fortalezenses. Lembro-me que no início, quando implantamos a primeira ciclofaixa na Rua Ana Bilhar, houve muita resistência por parte da população. Hoje em dia, a política cicloviária está consolidada com crescente número de usuários e redução de mortes dos usuários mais vulneráveis", esclarece Antônio Ferreira, superintendente da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC).

Cidade para as pessoas

Toda mudança exige coragem. Não é fácil inverter a lógica de priorização do automóvel já consolidada há bastante tempo. "Nossos esforços se concentram hoje em proteger quem é mais frágil. Nosso desafio é planejar a cidade para as pessoas, incentivado a ocupação dos espaços públicos, revitalizando áreas e planejando intervenções que foquem no pedestre", reforça o gestor.

Seguindo essa premissa, o órgão investe em projetos como praças e calçadas vivas, áreas de trânsito calmo, travessias elevadas, esquina segura, caminhos da escola e faixas iluminadas. "Além dessas iniciativas, temos uma política de readequação da velocidade em vias com alta taxa de acidentalidade que vêm reduzindo riscos e conflitos. O resultado é a redução de 68,1% nos acidentes fatais", acrescenta Ferreira.

Transporte Coletivo

Otimizar a rede de circulação utilizada por usuários de ônibus também tem sido objetivo da Prefeitura para facilitar os percursos diários e atrair mais passageiros. Atualmente, Fortaleza dispõe de 132,3 km de faixas exclusivas e corredores expressos que proporcionam diversas vantagens aos transeuntes, como o aumento da velocidade operacional, previsibilidade do tempo de viagem, redução no consumo de combustíveis e de emissão de gases poluentes.

Publicado em Mobilidade

O jogo entre Fortaleza e Flamengo pelo Campeonato Brasileiro contará com o suporte de 30 agentes da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) para disciplinar o tráfego no entorno da Arena Castelão. A partida está marcada para as 16 horas deste domingo (05/11).

A operação de trânsito, que terá início às 13 horas, inclui o controle de tráfego nas principais vias de acesso à praça esportiva como avenidas do Contorno, Alberto Craveiro, Paulino Rocha e rotatória. Dispositivos serão colocados próximo às faixas de pedestres para evitar o excesso de velocidade e proteger os usuários mais vulneráveis a acidentes.

Além da presença do efetivo, viaturas circularão nas adjacências do evento para coibir irregularidades. O acompanhamento também será realizado por meio das câmeras de videomonitoramento da Central da Mobilidade para Preservação de Vidas no Trânsito do órgão.

Ao final do jogo, o fluxo de saída será facilitado com a abertura do canteiro central da Av. Paulino Rocha, próximo ao portão de saída do estacionamento. A medida melhora a fluidez dos que seguem em direção à BR-116, Cidade dos Funcionários e Aldeota.

Recomendações

A AMC recomenda que os torcedores devem chegar com duas horas de antecedência à Arena Castelão. O órgão orienta ainda maior atenção quanto às normas de circulação e evitem estacionar em locais proibidos, como passeios, garagens e ao lado de canteiros. A condução segura, em respeito aos limites de velocidade, também é uma orientação importante devido ao fluxo mais intenso de transeuntes e condutores.

A população pode solicitar atendimento de ocorrência de irregularidades ou sinistros à AMC pelo número 190, da Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops).

Publicado em Mobilidade

Em alusão ao Dia Nacional da Pessoa com Deficiência, comemorado nesta quinta-feira (21/09), a Prefeitura de Fortaleza realiza uma ação educativa de respeito às vagas especiais de estacionamento. O objetivo é informar sobre os direitos destes usuários ao estacionar e estimular o cumprimento às normas de circulação viária. A mobilização é uma iniciativa da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) e acontece a partir das 8 horas no cruzamento das ruas Barbosa de Freitas e Desembargador Leite Albuquerque, na Aldeota.

Durante a abordagem, agentes e educadores de trânsito distribuem informativos e alertam condutores acerca da importância de não utilizar indevidamente os espaços destinados às pessoas com deficiência, mobilidade reduzida ou ainda diagnosticados com o Transtorno do Espectro Autista (TEA).

Credencial

Para estacionar nas vagas especiais devidamente identificadas pela sinalização, é necessário obter uma credencial junto à AMC e colocá-la no painel do veículo. O documento pode ser solicitado em um dos canais de atendimento online (aplicativo e site AMC Trânsito), na própria sede e nas centrais de atendimento presencial.

Ao fazer a solicitação, o requerente deve apresentar RG, CPF e comprovante de endereço atualizado, além do laudo médico que comprove a condição. O documento é válido por cinco anos. Depois do prazo, é preciso renová-lo.

Serviço
Evento de conscientização sobre respeito às vagas especiais de estacionamento
Data: quinta-feira (21/09)
Horário: 8h
Local: Rua Barbosa de Freitas com Rua Desembargador Leite Albuquerque

Publicado em Mobilidade

A Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) realiza uma operação especial de tráfego, nesta quinta-feira (07/09), em virtude do desfile cívico-militar na Av. Beira-Mar. Um efetivo operacional composto por 200 agentes e orientadores disciplinará a circulação, assegurando o ir e vir dos pedestres. Além dos ônibus que já circulam no local, está previsto reforço da frota com 20 coletivos extras à disposição do controle operacional nos terminais de integração.

O controle de tráfego terá início na quarta-feira (06/09), a partir das 23 horas, quando ocorre a coibição do estacionamento ao longo de trecho das vias Antônio Justa, Adolfo Caminha, Rua dos Tabajaras, Almirante Barroso e Beira-Mar.

Às 6 horas de quinta-feira, serão iniciados os bloqueios para auxiliar a chegada das tropas militares e dos alunos que participarão do cortejo. A principal interdição ocorrerá ao longo das avenidas Alberto Nepomuceno, Pessoa Anta, Almirante Barroso, Historiador Raimundo Girão, Barão de Studart, Beira-Mar e Abolição (sentido Mucuripe/Centro).

Desvios

Devido ao desfile, os condutores que não irão acompanhar o evento deverão utilizar rotas alternativas. No sentido Centro-Mucuripe, as avenidas Pereira Filgueiras, Torres Câmara, Canuto de Aguiar, Padre Antônio Tomás e Santos Dumont estão entre as opções de tráfego.

Já no sentido Mucuripe-Centro, a orientação é optar por vias como as ruas Ana Bilhar, Deputado Moreira da Rocha, Tenente Benévolo, Padre Antônio Tomás ou Dom Luís.

A área de estacionamento para quem irá prestigiar o evento será nas vias transversais às avenidas Abolição e Monsenhor Tabosa.

Já os ônibus poderão estacionar na Av. Vicente de Castro, próximo aos moinhos e, durante o momento do embarque, deverão ser direcionados para a Av. Abolição.

Publicado em Mobilidade

O jogo decisivo entre Fortaleza e América-MG pelas quartas de final da Copa Sul-Americana vai contar com um esquema especial de tráfego nesta quinta-feira (31/08), no entorno da Arena Castelão. A Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) dará suporte operacional à partida, a partir de meio-dia. Cerca de 40 agentes e orientadores farão parte da equipe que entrará em campo, auxiliando os deslocamentos e garantindo a segurança dos torcedores. 

Conforme o plano operacional desenvolvido para o duelo, o efetivo do órgão começa a atuar com o controle de tráfego das avenidas do Contorno, Alberto Craveiro, Paulino Rocha e rotatória do estádio. Haverá também redutores de velocidade junto às faixas de pedestres para facilitar a travessia no entorno da praça esportiva.

Após o final da disputa, o fluxo de saída será facilitado com a abertura do canteiro central da Av. Paulino Rocha, próximo ao portão de saída do estacionamento. A medida visa melhorar a fluidez dos que seguem em direção à BR-116 e Cidade dos Funcionários.

Ceará x Criciúma

A AMC também preparou uma operação de mobilidade para sábado (02/09), data em que Ceará e Criciúma entram em campo às 17h pela Série B do Campeonato Brasileiro. O efetivo total de 30 agentes fará controle de tráfego semelhante, de 14h às 20h, para priorizar o ir e vir do público.

Recomendações 

A AMC orienta que os torcedores redobrem a atenção quanto às normas de circulação e evitem estacionar em locais proibidos, como passeios, garagens e ao lado de canteiros. A condução segura, em respeito aos limites de velocidade, também é uma orientação importante devido ao fluxo mais intenso de pedestres.

Para coibir irregularidades, o órgão coibirá irregularidades com viaturas que circulam no entorno da praça esportiva. As principais vias de acesso serão ainda acompanhadas por meio das câmeras de videomonitoramento da Central da Mobilidade para Preservação de Vidas no Trânsito.

A população pode solicitar atendimento de ocorrência de irregularidades ou sinistros à AMC pelo número 190, da Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops).

 
Publicado em Mobilidade
Página 1 de 45