27 de janeiro de 2014 em Fortaleza

Documentário "Doméstica" encerra Mostra Cinema e Direitos Humanos na Vila das Artes

Documentário "Doméstica" encerra Mostra Cinema e Direitos Humanos na Vila das Artes


Filme mostra o cotidiano de sete empregadas domésticas a partir do olhar de adolescentes com quem elas convivem

Na última sessão do Cineclube Vila das Artes de janeiro, que realiza a Mostra Cinema e Direitos Humanos na América do Sul será exibido o filme Doméstica, do pernambucano Gabriel Mascaro. A exibição acontece nesta quarta-feira (29/1), às 18h30.

O documentário lança um olhar contemporâneo sobre o trabalho doméstico no ambiente familiar e se transforma num potente ensaio sobre afeto e trabalho. Sete adolescentes assumem a missão de registrar por uma semana a sua empregada doméstica e entregar o material bruto para o diretor realizar um filme com estas imagens.

Após a exibição, haverá debate com Rodrigo Capistrano Camurça, ex-aluno do Curso de Realização em Audiovisual, mestre em Estudos de Cinema e Audiovisual pela Universidade Federal Fluminense (UFF) e doutorando do Programa de Pós-Graduação em História Social da Universidade Federal do Ceará (UFC).

O Cineclube Vila das Artes deste mês apresentou cinco filmes que integraram a programação geral da 8ª Mostra Cinema e Direitos Humanos na América do Sul que aconteceu em Fortaleza, no período de 9 a 14 de dezembro, na Casa Amarela.

Com temáticas de estímulo às discussões sobre questões ligadas ao cinema e aos direitos humanos, os filmes foram exibidos com closed caption (o sistema permite que legendas informem não apenas o que é dito, mas também todos os sons que fazem parte da cena) para pessoas com deficiência auditiva e algumas sessões contaram com audiodescrição para pessoas com deficiência visual, onde o narrador descreve, com o máximo de detalhes o que pode ser visto na cena e o que é indicado fora dela.

A oitava edição da Mostra foi realizada pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, em parceria com o Ministério da Cultura. Exibiu 38 filmes por todo o território nacional, entre os dias 26 de novembro e 22 de dezembro de 2013.

A Vila das Artes foi um dos selecionados entre os mais de 600 pontos de exibição espalhados por todo o Brasil para sediar as exibições, que aconteceram sempre às quartas-feiras, às 18h30, gratuitamente na Vila das Artes.

Para saber mais sobre a 8ª Mostra Cinema e Direitos Humanos na América do Sul: http://mostracinemaedireitoshumanos.sdh.gov.br

 

Debatedor: Rodrigo Capistrano Camurça

Graduado em História pela UECE e formado na primeira turma da Escola de Audiovisual de Fortaleza pela Vila das Artes, fez mestrado em Estudos de Cinema e Audiovisual na Universidade Federal Fluminense (UFF). Atualmente é doutorando em História Social na Universidade Federal do Ceará (UFC) e professor substituto do curso de História da UECE (FECLESC/Quixadá).

 

Doméstica – 75min. Direção: Gabriel Mascaro (Brasil, 2012)

Sinopse: Sete adolescentes assumem a missão de registrar por uma semana a sua empregada doméstica e entregar o material bruto para o diretor realizar um filme com essas imagens. Entre o choque da intimidade, as relações de poder e a performance do cotidiano, o filme lança um olhar contemporâneo sobre o trabalho doméstico no ambiente familiar e se transforma num potente ensaio sobre afeto e trabalho.

Serviço
O que:
Cineclube Vila das Artes tem última exibição da mostra “
Cinema e Direitos Humanos na América do Sul” com o filme "Doméstica"
Quando: quarta-feira (29/1), às 18h30
Onde:
Vila das Artes (Rua 24 de Maio, 1.221, Centro)
Mais informações:  (85) 3252.1444 ou 3105.1404

 

Documentário "Doméstica" encerra Mostra Cinema e Direitos Humanos na Vila das Artes

Documentário "Doméstica" encerra Mostra Cinema e Direitos Humanos na Vila das Artes

Filme mostra o cotidiano de sete empregadas domésticas a partir do olhar de adolescentes com quem elas convivem

Na última sessão do Cineclube Vila das Artes de janeiro, que realiza a Mostra Cinema e Direitos Humanos na América do Sul será exibido o filme Doméstica, do pernambucano Gabriel Mascaro. A exibição acontece nesta quarta-feira (29/1), às 18h30.

O documentário lança um olhar contemporâneo sobre o trabalho doméstico no ambiente familiar e se transforma num potente ensaio sobre afeto e trabalho. Sete adolescentes assumem a missão de registrar por uma semana a sua empregada doméstica e entregar o material bruto para o diretor realizar um filme com estas imagens.

Após a exibição, haverá debate com Rodrigo Capistrano Camurça, ex-aluno do Curso de Realização em Audiovisual, mestre em Estudos de Cinema e Audiovisual pela Universidade Federal Fluminense (UFF) e doutorando do Programa de Pós-Graduação em História Social da Universidade Federal do Ceará (UFC).

O Cineclube Vila das Artes deste mês apresentou cinco filmes que integraram a programação geral da 8ª Mostra Cinema e Direitos Humanos na América do Sul que aconteceu em Fortaleza, no período de 9 a 14 de dezembro, na Casa Amarela.

Com temáticas de estímulo às discussões sobre questões ligadas ao cinema e aos direitos humanos, os filmes foram exibidos com closed caption (o sistema permite que legendas informem não apenas o que é dito, mas também todos os sons que fazem parte da cena) para pessoas com deficiência auditiva e algumas sessões contaram com audiodescrição para pessoas com deficiência visual, onde o narrador descreve, com o máximo de detalhes o que pode ser visto na cena e o que é indicado fora dela.

A oitava edição da Mostra foi realizada pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, em parceria com o Ministério da Cultura. Exibiu 38 filmes por todo o território nacional, entre os dias 26 de novembro e 22 de dezembro de 2013.

A Vila das Artes foi um dos selecionados entre os mais de 600 pontos de exibição espalhados por todo o Brasil para sediar as exibições, que aconteceram sempre às quartas-feiras, às 18h30, gratuitamente na Vila das Artes.

Para saber mais sobre a 8ª Mostra Cinema e Direitos Humanos na América do Sul: http://mostracinemaedireitoshumanos.sdh.gov.br

 

Debatedor: Rodrigo Capistrano Camurça

Graduado em História pela UECE e formado na primeira turma da Escola de Audiovisual de Fortaleza pela Vila das Artes, fez mestrado em Estudos de Cinema e Audiovisual na Universidade Federal Fluminense (UFF). Atualmente é doutorando em História Social na Universidade Federal do Ceará (UFC) e professor substituto do curso de História da UECE (FECLESC/Quixadá).

 

Doméstica – 75min. Direção: Gabriel Mascaro (Brasil, 2012)

Sinopse: Sete adolescentes assumem a missão de registrar por uma semana a sua empregada doméstica e entregar o material bruto para o diretor realizar um filme com essas imagens. Entre o choque da intimidade, as relações de poder e a performance do cotidiano, o filme lança um olhar contemporâneo sobre o trabalho doméstico no ambiente familiar e se transforma num potente ensaio sobre afeto e trabalho.

Serviço
O que:
Cineclube Vila das Artes tem última exibição da mostra “
Cinema e Direitos Humanos na América do Sul” com o filme "Doméstica"
Quando: quarta-feira (29/1), às 18h30
Onde:
Vila das Artes (Rua 24 de Maio, 1.221, Centro)
Mais informações:  (85) 3252.1444 ou 3105.1404