05 de novembro de 2021 em Educação

Mais de 100 mil alunos atendidos no contraturno escolar retornam às atividades presenciais diariamente nesta segunda-feira (08/11)

Com a medida, a gestão municipal terá como foco, neste momento, grupos prioritários de alunos, visando à melhoria das condições de aprendizagem para aqueles identificados com maior necessidade de acompanhamento


Aluna da Rede Municipal em sala de aula
As atividades do contraturno complementam o conteúdo ensinado nas escolas de tempo parcial e ampliam a carga horária dos alunos em 15 horas semanais

A Prefeitura de Fortaleza inicia, por meio da Secretaria Municipal da Educação (SME), na próxima segunda-feira (08/11), mais uma importante etapa da retomada das aulas presenciais na Rede Municipal. Mais de 100 mil alunos, do 1° ao 9° ano do Ensino Fundamental, atendidos em tempo integral, por meio das atividades no contraturno escolar, voltarão às atividades presenciais diariamente.

Nesta nova etapa, os estudantes voltam a frequentar todos os dias as atividades pedagógicas, esportivas, artísticas e sociais realizadas no contraturno escolar. Já no período de aula regular na escola de tempo parcial, o aluno continua com aulas presenciais, com rodízio semanal - aulas presenciais numa semana e atividades domiciliares na posterior.

Com a medida, a gestão municipal terá como foco, neste momento, grupos prioritários de alunos, visando à melhoria das condições de aprendizagem para aqueles identificados com maior necessidade de acompanhamento. O objetivo é reduzir as desigualdades entre os estudantes, adquiridas, principalmente, durante a pandemia e com a adoção do sistema remoto de ensino.

Neste contexto, é importante destacar que, em agosto, dentro do cronograma de execução do plano de retomada das aulas presenciais, a Prefeitura realizou a Avaliação Diagnóstica de Rede para todos os alunos do Ensino Fundamental. O exame teve o objetivo de identificar e analisar os níveis de aprendizagem dos estudantes, bem como planejar as estratégias de intervenção a serem adotadas pela Rede Municipal.

Fases da retomada

De acordo com o plano, na primeira etapa, iniciada em 8 de setembro, foram contempladas as turmas do Infantil III, IV, V e 1º e 2º anos do Ensino Fundamental IV (33,2% dos alunos matriculados). Neste contexto, retornaram às salas de aula cerca de 79.820 alunos dos mais de 240 mil matriculados na Rede, contemplando 471 unidades do total de 581 que compõem o parque escolar.

Na segunda etapa, iniciada dia 13 de setembro, foram incluídos os alunos do Infantil I e II e 3º, 4º e 5º anos do Ensino Fundamental (totalizando 61,3% dos estudantes da Rede); e na última etapa (20/09), voltam ao presencial os estudantes do 6º, 7º, 8º e 9º anos e da Educação de Jovens e Adultos (100% dos alunos da Rede Municipal).

Ao fim de setembro, todos os alunos da Educação Infantil e do Ensino Fundamental retornaram às aulas presenciais, mas com rodízio semanal - aulas presenciais numa semana, com grupos que representam 50% do quantitativo da turma, e na posterior com a realização de atividades domiciliares.

Na semana em que os estudantes não estiverem presencial na unidade escolar recebem seu plano de estudos/propostas de vivências, onde estão participando de interações, vivências e desenvolvendo as atividades domiciliares no contexto de sua casa, que são propostas pelos professores da turma em parceria com as famílias.

Retorno seguro

Todas as etapas relacionadas às aulas presenciais, neste momento de pandemia, seguem, rigorosamente, as medidas de segurança sanitária orientadas pelo Governo do Estado, pela Prefeitura de Fortaleza e demais autoridades sanitárias, além da interlocução com a categoria profissional da educação, por meio do Sindiute e do Colegiado de Gestores Escolares. Foram realizadas ainda pesquisas junto às famílias dos alunos, assim como houve atendimento aos cuidados e protocolos sanitários indicados pelas autoridades de saúde e os Decretos Estaduais e Municipais.

Mais de 100 mil alunos atendidos no contraturno escolar retornam às atividades presenciais diariamente nesta segunda-feira (08/11)

Com a medida, a gestão municipal terá como foco, neste momento, grupos prioritários de alunos, visando à melhoria das condições de aprendizagem para aqueles identificados com maior necessidade de acompanhamento

Aluna da Rede Municipal em sala de aula
As atividades do contraturno complementam o conteúdo ensinado nas escolas de tempo parcial e ampliam a carga horária dos alunos em 15 horas semanais

A Prefeitura de Fortaleza inicia, por meio da Secretaria Municipal da Educação (SME), na próxima segunda-feira (08/11), mais uma importante etapa da retomada das aulas presenciais na Rede Municipal. Mais de 100 mil alunos, do 1° ao 9° ano do Ensino Fundamental, atendidos em tempo integral, por meio das atividades no contraturno escolar, voltarão às atividades presenciais diariamente.

Nesta nova etapa, os estudantes voltam a frequentar todos os dias as atividades pedagógicas, esportivas, artísticas e sociais realizadas no contraturno escolar. Já no período de aula regular na escola de tempo parcial, o aluno continua com aulas presenciais, com rodízio semanal - aulas presenciais numa semana e atividades domiciliares na posterior.

Com a medida, a gestão municipal terá como foco, neste momento, grupos prioritários de alunos, visando à melhoria das condições de aprendizagem para aqueles identificados com maior necessidade de acompanhamento. O objetivo é reduzir as desigualdades entre os estudantes, adquiridas, principalmente, durante a pandemia e com a adoção do sistema remoto de ensino.

Neste contexto, é importante destacar que, em agosto, dentro do cronograma de execução do plano de retomada das aulas presenciais, a Prefeitura realizou a Avaliação Diagnóstica de Rede para todos os alunos do Ensino Fundamental. O exame teve o objetivo de identificar e analisar os níveis de aprendizagem dos estudantes, bem como planejar as estratégias de intervenção a serem adotadas pela Rede Municipal.

Fases da retomada

De acordo com o plano, na primeira etapa, iniciada em 8 de setembro, foram contempladas as turmas do Infantil III, IV, V e 1º e 2º anos do Ensino Fundamental IV (33,2% dos alunos matriculados). Neste contexto, retornaram às salas de aula cerca de 79.820 alunos dos mais de 240 mil matriculados na Rede, contemplando 471 unidades do total de 581 que compõem o parque escolar.

Na segunda etapa, iniciada dia 13 de setembro, foram incluídos os alunos do Infantil I e II e 3º, 4º e 5º anos do Ensino Fundamental (totalizando 61,3% dos estudantes da Rede); e na última etapa (20/09), voltam ao presencial os estudantes do 6º, 7º, 8º e 9º anos e da Educação de Jovens e Adultos (100% dos alunos da Rede Municipal).

Ao fim de setembro, todos os alunos da Educação Infantil e do Ensino Fundamental retornaram às aulas presenciais, mas com rodízio semanal - aulas presenciais numa semana, com grupos que representam 50% do quantitativo da turma, e na posterior com a realização de atividades domiciliares.

Na semana em que os estudantes não estiverem presencial na unidade escolar recebem seu plano de estudos/propostas de vivências, onde estão participando de interações, vivências e desenvolvendo as atividades domiciliares no contexto de sua casa, que são propostas pelos professores da turma em parceria com as famílias.

Retorno seguro

Todas as etapas relacionadas às aulas presenciais, neste momento de pandemia, seguem, rigorosamente, as medidas de segurança sanitária orientadas pelo Governo do Estado, pela Prefeitura de Fortaleza e demais autoridades sanitárias, além da interlocução com a categoria profissional da educação, por meio do Sindiute e do Colegiado de Gestores Escolares. Foram realizadas ainda pesquisas junto às famílias dos alunos, assim como houve atendimento aos cuidados e protocolos sanitários indicados pelas autoridades de saúde e os Decretos Estaduais e Municipais.