08 de novembro de 2021 em Cultura

Obra histórica de Vicente Leite retorna ao Teatro São José após trabalho de restauração

A obra é uma imagem pictórica da Sagrada Família, com representação de São José Operário, que dá nome ao equipamento cultural


A pintura de Vicente Leite é uma obra em óleo sobre tela com medidas de 2,60 m (altura) e 3,20 m (largura).
A pintura de Vicente Leite é uma obra em óleo sobre tela com medidas de 2,60 m (altura) e 3,20 m (largura) (Foto: Thiago Matine)

O centenário Teatro São José recebeu de volta uma pintura datada do ano de 1923 do artista Vicente Leite. Após restauro, a tela retornou à casa no dia três de novembro, realocada logo acima do palco. O restauro foi iniciado no mês de junho deste ano, quando a tela passou por um processo de estabilização e recuperação.

A obra é uma imagem pictórica da Sagrada Família, com representação de São José Operário, que dá nome ao equipamento cultural. A pintura de Vicente Leite é uma obra em óleo sobre tela com medidas de 2,60 m (altura) e 3,20 m (largura).

Vicente Rosal Ferreira Leite nasceu na cidade do Crato (região do Cariri cearense) no ano de 1900. Foi um pintor e desenhista importante em sua geração. Recebeu uma bolsa de estudos do governo do Ceará, por volta de 1920, quando mudou-se para o Rio de Janeiro, cidade onde morreu em 1941. Foi lá onde frequentou a Escola Nacional de Belas Artes (Enba), entre 1920 e 1926, tendo aulas com Batista da Costa, Rodolfo Chambelland e Lucílio de Albuquerque. Atualmente, o artista é homenageado com nome de rua na cidade de Fortaleza, no bairro Aldeota.

O Teatro

Com 107 anos de história, o Teatro São José, localizado no Centro da Capital, foi inaugurado em 1914 como alternativa de lazer cultural para trabalhadores que não tinham acesso fácil ao luxuoso Theatro José de Alencar, inaugurado em 1910. O equipamento é um bem histórico, tombado pelo Município em 1988, por meio da lei nº 6.318.

Em 2018, o equipamento foi reinaugurado pela Prefeitura de Fortaleza, com administração da Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor). O novo teatro possui 1.446 m² de área construída e capacidade para 346 pessoas, além disso o equipamento passou a contar com novas áreas, como cafeteria, banheiros, salas multiuso e de costura, depósito, bilheteria e pátio externo com áreas de convivência.

O teatro pertence ao conjunto histórico do Centro de Fortaleza e de sua orla marítima vizinha, articulando-se com várias obras arquitetônicas de valor patrimonial tombadas nos níveis municipal, estadual e federal.

Obra histórica de Vicente Leite retorna ao Teatro São José após trabalho de restauração

A obra é uma imagem pictórica da Sagrada Família, com representação de São José Operário, que dá nome ao equipamento cultural

A pintura de Vicente Leite é uma obra em óleo sobre tela com medidas de 2,60 m (altura) e 3,20 m (largura).
A pintura de Vicente Leite é uma obra em óleo sobre tela com medidas de 2,60 m (altura) e 3,20 m (largura) (Foto: Thiago Matine)

O centenário Teatro São José recebeu de volta uma pintura datada do ano de 1923 do artista Vicente Leite. Após restauro, a tela retornou à casa no dia três de novembro, realocada logo acima do palco. O restauro foi iniciado no mês de junho deste ano, quando a tela passou por um processo de estabilização e recuperação.

A obra é uma imagem pictórica da Sagrada Família, com representação de São José Operário, que dá nome ao equipamento cultural. A pintura de Vicente Leite é uma obra em óleo sobre tela com medidas de 2,60 m (altura) e 3,20 m (largura).

Vicente Rosal Ferreira Leite nasceu na cidade do Crato (região do Cariri cearense) no ano de 1900. Foi um pintor e desenhista importante em sua geração. Recebeu uma bolsa de estudos do governo do Ceará, por volta de 1920, quando mudou-se para o Rio de Janeiro, cidade onde morreu em 1941. Foi lá onde frequentou a Escola Nacional de Belas Artes (Enba), entre 1920 e 1926, tendo aulas com Batista da Costa, Rodolfo Chambelland e Lucílio de Albuquerque. Atualmente, o artista é homenageado com nome de rua na cidade de Fortaleza, no bairro Aldeota.

O Teatro

Com 107 anos de história, o Teatro São José, localizado no Centro da Capital, foi inaugurado em 1914 como alternativa de lazer cultural para trabalhadores que não tinham acesso fácil ao luxuoso Theatro José de Alencar, inaugurado em 1910. O equipamento é um bem histórico, tombado pelo Município em 1988, por meio da lei nº 6.318.

Em 2018, o equipamento foi reinaugurado pela Prefeitura de Fortaleza, com administração da Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor). O novo teatro possui 1.446 m² de área construída e capacidade para 346 pessoas, além disso o equipamento passou a contar com novas áreas, como cafeteria, banheiros, salas multiuso e de costura, depósito, bilheteria e pátio externo com áreas de convivência.

O teatro pertence ao conjunto histórico do Centro de Fortaleza e de sua orla marítima vizinha, articulando-se com várias obras arquitetônicas de valor patrimonial tombadas nos níveis municipal, estadual e federal.