17 de setembro de 2018 em Meio ambiente

Prefeitura de Fortaleza e UFC assinam Termo de Cooperação Técnica para trechos 8, 9 e 10 do Parque Rachel de Queiroz

Parceria visa à recuperação, descontaminação e revitalização de todos os mananciais hídricos e áreas verdes do Parque


duas pessoas assinam um documento
Assinatura da parceria entre Prefeitura e UFC ocorreu nesta segunda-feira (17/09), na reitoria da Universidade

O prefeito Roberto Cláudio e o reitor da Universidade Federal do Ceará (UFC) Henry Campos assinaram Termo de Cooperação Técnica entre o Município de Fortaleza e a Universidade para a implantação dos trechos 8, 9 e 10 do Parque Rachel de Queiroz. Localizadas no Campus do Pici Professor Prisco Bezerra, as áreas apreciadas no documento terão uso misto, beneficiando o uso comunitário e científico.

“Esta intervenção é uma ação da Prefeitura Municipal com parceria técnica da UFC, possibilitando a recuperação, descontaminação e revitalização de todos os mananciais hídricos e áreas verdes do Parque Rachel de Queiroz, sendo feito 100% com recursos públicos. A ideia é entregar para a Cidade um parque usufruído por Fortaleza. Dos dez trechos, três estão dentro do Campus do Pici”, afirmou o Prefeito, durante a solenidade na manhã desta segunda-feira (17/09), na Reitoria da UFC.

A assinatura do Termo possibilita a implantação dos trechos localizados na poligonal formada entre as avenidas Coronel Matos Dourado, Mister Hull e Humberto Monte, na área da Regional III. A iniciativa trará melhorias significativas para aquela área verde, que perpassa por 22 bairros de três Regionais (I, III e V).

Henry Campos destacou os benefícios advindo com a parceria. “Vai mudar inteiramente a feição do nosso campus em termo de proteção dos nossos equipamentos. As obras de urbanização também vão criar espaços de lazer, melhorar o acesso à população, que ganhará jardins. Vai possibilitar, ainda, a limpeza do açude Santo Anastácio, que é uma demanda de muitos anos. Tudo isso humanizará a área, sendo uma obra histórica”, disse.

Desde 2014, a Prefeitura de Fortaleza vem implementando o Parque Rachel de Queiroz. No primeiro momento, a administração municipal elaborou projetos e regulamentou o equipamento. A expectativa é que, nesta nova fase, a população possa receber o equipamento por completo, como explicou Águeda Muniz, secretária municipal de Urbanismo e Meio Ambiente (Seuma). “Até o final do ano, teremos a ordem de serviço para o trecho 6, por trás do colégio Santa Isabel. O grande momento são os trechos 8, 9 e 10, por meio dessa parceria com a UFC , que poderemos executar via empréstimo do Banco Mundial”, completou.

O Parque Rachel de Queiroz está inserido no Programa Fortaleza Cidade Sustentável (FCS) que aguarda aprovação do Senado para assinatura do contrato de empréstimo com o Banco Mundial, no valor de 150 milhões de dólares. No total, possui aproximadamente 137 hectares, com 12 quilômetros de extensão. Está dividido em 19 trechos, dos quais os trechos três e quatro receberam requalificação e já foram entregues para a população.

O trecho quatro, no bairro São Gerardo, foi a primeira área requalificada e entregue a população. Após a intervenção, os 335 metros quadrados de área verde contam com quadra de futebol de areia, playground, academia ao ar livre, bancos, pista para cooper, arborização e paisagismo. Já o trecho três, segunda área concluída, corresponde ao Polo de Lazer da Sargento Hermínio. O equipamento recebeu quadra poliesportiva, areninha, novos mobiliários, playgrounds, anfiteatro, espaços para a prática de parkour, bicicross, capoeira e corrida. Além de nova iluminação e pista de skate.

Prefeitura de Fortaleza e UFC assinam Termo de Cooperação Técnica para trechos 8, 9 e 10 do Parque Rachel de Queiroz

Parceria visa à recuperação, descontaminação e revitalização de todos os mananciais hídricos e áreas verdes do Parque

duas pessoas assinam um documento
Assinatura da parceria entre Prefeitura e UFC ocorreu nesta segunda-feira (17/09), na reitoria da Universidade

O prefeito Roberto Cláudio e o reitor da Universidade Federal do Ceará (UFC) Henry Campos assinaram Termo de Cooperação Técnica entre o Município de Fortaleza e a Universidade para a implantação dos trechos 8, 9 e 10 do Parque Rachel de Queiroz. Localizadas no Campus do Pici Professor Prisco Bezerra, as áreas apreciadas no documento terão uso misto, beneficiando o uso comunitário e científico.

“Esta intervenção é uma ação da Prefeitura Municipal com parceria técnica da UFC, possibilitando a recuperação, descontaminação e revitalização de todos os mananciais hídricos e áreas verdes do Parque Rachel de Queiroz, sendo feito 100% com recursos públicos. A ideia é entregar para a Cidade um parque usufruído por Fortaleza. Dos dez trechos, três estão dentro do Campus do Pici”, afirmou o Prefeito, durante a solenidade na manhã desta segunda-feira (17/09), na Reitoria da UFC.

A assinatura do Termo possibilita a implantação dos trechos localizados na poligonal formada entre as avenidas Coronel Matos Dourado, Mister Hull e Humberto Monte, na área da Regional III. A iniciativa trará melhorias significativas para aquela área verde, que perpassa por 22 bairros de três Regionais (I, III e V).

Henry Campos destacou os benefícios advindo com a parceria. “Vai mudar inteiramente a feição do nosso campus em termo de proteção dos nossos equipamentos. As obras de urbanização também vão criar espaços de lazer, melhorar o acesso à população, que ganhará jardins. Vai possibilitar, ainda, a limpeza do açude Santo Anastácio, que é uma demanda de muitos anos. Tudo isso humanizará a área, sendo uma obra histórica”, disse.

Desde 2014, a Prefeitura de Fortaleza vem implementando o Parque Rachel de Queiroz. No primeiro momento, a administração municipal elaborou projetos e regulamentou o equipamento. A expectativa é que, nesta nova fase, a população possa receber o equipamento por completo, como explicou Águeda Muniz, secretária municipal de Urbanismo e Meio Ambiente (Seuma). “Até o final do ano, teremos a ordem de serviço para o trecho 6, por trás do colégio Santa Isabel. O grande momento são os trechos 8, 9 e 10, por meio dessa parceria com a UFC , que poderemos executar via empréstimo do Banco Mundial”, completou.

O Parque Rachel de Queiroz está inserido no Programa Fortaleza Cidade Sustentável (FCS) que aguarda aprovação do Senado para assinatura do contrato de empréstimo com o Banco Mundial, no valor de 150 milhões de dólares. No total, possui aproximadamente 137 hectares, com 12 quilômetros de extensão. Está dividido em 19 trechos, dos quais os trechos três e quatro receberam requalificação e já foram entregues para a população.

O trecho quatro, no bairro São Gerardo, foi a primeira área requalificada e entregue a população. Após a intervenção, os 335 metros quadrados de área verde contam com quadra de futebol de areia, playground, academia ao ar livre, bancos, pista para cooper, arborização e paisagismo. Já o trecho três, segunda área concluída, corresponde ao Polo de Lazer da Sargento Hermínio. O equipamento recebeu quadra poliesportiva, areninha, novos mobiliários, playgrounds, anfiteatro, espaços para a prática de parkour, bicicross, capoeira e corrida. Além de nova iluminação e pista de skate.