12 de maio de 2022 em Controladoria e Ouvidoria

Prefeitura de Fortaleza promove seminário de qualificação técnica em dados abertos para servidores municipais

O seminário vem fortalecer as políticas públicas de transparência e controle social pela população.


seminário
O seminário reuniu representantes de 15 secretarias e órgãos da administração municipal

A Prefeitura de Fortaleza reforçou as políticas públicas de transparência ao realizar, nesta quinta-feira, (12/05) o seminário de “Qualificação técnica em Dados Abertos” para 45 servidores municipais. A atividade, promovida pela Controladoria e Ouvidoria Geral Município de Fortaleza (CGM) e pela Fundação de Ciência, Tecnologia e Inovação de Fortaleza (Citinova), é a primeira de uma série de ações que serão desenvolvidas durante o mês de maio visando sensibilizar os colaboradores para importância do tema. As apresentações ocorreram no auditório da CGM, reunindo representantes de 15 órgãos da administração.

A programação envolve também a capacitação dos encarregados responsáveis pela aplicação da Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais de órgãos municipais, a realização do mutirão para apuração de novos dados a serem compartilhados com o apoio da CGM e da Citinova, bem como, a avaliação das informações existentes na plataforma e o lançamento do novo Portal de Dados Abertos.

A secretária chefe da CGM, Christina Machado, ressaltou a importância do momento. “Estamos fortalecendo a política de abertura das informações públicos e assegurando o acesso dos cidadãos à pesquisa baseada em dados da cidade e, dessa forma, possibilitando a inovação e empreendedorismo para o surgimento de novas tecnologias. E ao promover essa qualificação, estamos sensibilizando os servidores municipais para a importância das geração e compartilhamento desses dados”, informou Christina.

Dados Abertos trata-se de uma plataforma de divulgação de informações da administração municipal em formatos reutilizáveis, visando, desse modo, assegurar a participação do cidadão, através do desenvolvimento de novas tecnologias destinadas à melhoria da gestão pública, fomentando, assim, a transparência e o controle social. Essa ferramenta foi desenvolvida com o intuito de promover a interlocução com município, permitindo o acesso desses dados para fins de estudos acadêmicos até mesmo para auditoria das informações. Ações como essas levaram o município de Fortaleza a conquistar o primeiro lugar no ranking de Serviços de Cidades Inteligentes 2021.

O vice-presidente Citinova, Victor Macêdo, destacou a contribuição de um governo aberto para o fomento da economia e o conhecimento da cidade. “Além de ser uma estratégia de fomento que pauta Fortaleza como uma cidade inteligente, os dados abertos também trazem à tona a possibilidade de transparência de informações e de incentivo de novos negócios e à economia na cidade. Essa possibilidade viabiliza a transparência com as ações que nós estamos fazendo em diferentes áreas, como transporte público, saúde e meio ambiente. Esse fornecimento de informação permite que a sociedade civil, seja a academia ou a iniciativa privada, possa consumir esses dados pra produzir conhecimento, implementar negócios e movimentar a economia”, informou Victor

Participaram representantes de 15 órgãos: Secretaria Municipal das Finanças (Sefin), Fundação da Criança e da Família Cidadã (Funci), Secretaria Municipal do Desenvolvimento Habitacional (Habitafor), Instituto Doutor José Frota (IJF), Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seinf), Secretaria de Esporte e Lazer (Secel), Departamento Municipal de Proteção e Defesa dos Direitos do Consumidor (Procon Fortaleza), Instituto Municipal de Desenvolvimento de Recursos Humanos (Imparh), Secretaria Municipal da Gestão Regional (Seger), Secretaria Municipal da Saúde (SMS), Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor), Secretaria Municipal de Juventude (Sejuv), Procuradoria Geral do Município (PGM), Secretaria Municipal de Urbanismo e Meio Ambiente (Seuma) e Secretaria Municipal dos Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SDHDS).

Fortaleza cidade inteligente

Fortaleza ocupa o primeiro lugar no ranking de Serviços de Cidades Inteligentes 2021, elaborado pela consultoria Teleco e divulgado em novembro de 2021 pela Conexis Brasil Digital e pela Associação Brasileira de Infraestrutura para Telecomunicações (Abrintel). No ranking Connected Smart Cities, Fortaleza é a segunda cidade do Nordeste com os melhores indicadores e a 22ª do Brasil. Divulgado em setembro do ano passado, o ranking analisou 677 cidades brasileiras com mais de 50 mil habitantes.

Prefeitura de Fortaleza promove seminário de qualificação técnica em dados abertos para servidores municipais

O seminário vem fortalecer as políticas públicas de transparência e controle social pela população.

seminário
O seminário reuniu representantes de 15 secretarias e órgãos da administração municipal

A Prefeitura de Fortaleza reforçou as políticas públicas de transparência ao realizar, nesta quinta-feira, (12/05) o seminário de “Qualificação técnica em Dados Abertos” para 45 servidores municipais. A atividade, promovida pela Controladoria e Ouvidoria Geral Município de Fortaleza (CGM) e pela Fundação de Ciência, Tecnologia e Inovação de Fortaleza (Citinova), é a primeira de uma série de ações que serão desenvolvidas durante o mês de maio visando sensibilizar os colaboradores para importância do tema. As apresentações ocorreram no auditório da CGM, reunindo representantes de 15 órgãos da administração.

A programação envolve também a capacitação dos encarregados responsáveis pela aplicação da Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais de órgãos municipais, a realização do mutirão para apuração de novos dados a serem compartilhados com o apoio da CGM e da Citinova, bem como, a avaliação das informações existentes na plataforma e o lançamento do novo Portal de Dados Abertos.

A secretária chefe da CGM, Christina Machado, ressaltou a importância do momento. “Estamos fortalecendo a política de abertura das informações públicos e assegurando o acesso dos cidadãos à pesquisa baseada em dados da cidade e, dessa forma, possibilitando a inovação e empreendedorismo para o surgimento de novas tecnologias. E ao promover essa qualificação, estamos sensibilizando os servidores municipais para a importância das geração e compartilhamento desses dados”, informou Christina.

Dados Abertos trata-se de uma plataforma de divulgação de informações da administração municipal em formatos reutilizáveis, visando, desse modo, assegurar a participação do cidadão, através do desenvolvimento de novas tecnologias destinadas à melhoria da gestão pública, fomentando, assim, a transparência e o controle social. Essa ferramenta foi desenvolvida com o intuito de promover a interlocução com município, permitindo o acesso desses dados para fins de estudos acadêmicos até mesmo para auditoria das informações. Ações como essas levaram o município de Fortaleza a conquistar o primeiro lugar no ranking de Serviços de Cidades Inteligentes 2021.

O vice-presidente Citinova, Victor Macêdo, destacou a contribuição de um governo aberto para o fomento da economia e o conhecimento da cidade. “Além de ser uma estratégia de fomento que pauta Fortaleza como uma cidade inteligente, os dados abertos também trazem à tona a possibilidade de transparência de informações e de incentivo de novos negócios e à economia na cidade. Essa possibilidade viabiliza a transparência com as ações que nós estamos fazendo em diferentes áreas, como transporte público, saúde e meio ambiente. Esse fornecimento de informação permite que a sociedade civil, seja a academia ou a iniciativa privada, possa consumir esses dados pra produzir conhecimento, implementar negócios e movimentar a economia”, informou Victor

Participaram representantes de 15 órgãos: Secretaria Municipal das Finanças (Sefin), Fundação da Criança e da Família Cidadã (Funci), Secretaria Municipal do Desenvolvimento Habitacional (Habitafor), Instituto Doutor José Frota (IJF), Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seinf), Secretaria de Esporte e Lazer (Secel), Departamento Municipal de Proteção e Defesa dos Direitos do Consumidor (Procon Fortaleza), Instituto Municipal de Desenvolvimento de Recursos Humanos (Imparh), Secretaria Municipal da Gestão Regional (Seger), Secretaria Municipal da Saúde (SMS), Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor), Secretaria Municipal de Juventude (Sejuv), Procuradoria Geral do Município (PGM), Secretaria Municipal de Urbanismo e Meio Ambiente (Seuma) e Secretaria Municipal dos Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SDHDS).

Fortaleza cidade inteligente

Fortaleza ocupa o primeiro lugar no ranking de Serviços de Cidades Inteligentes 2021, elaborado pela consultoria Teleco e divulgado em novembro de 2021 pela Conexis Brasil Digital e pela Associação Brasileira de Infraestrutura para Telecomunicações (Abrintel). No ranking Connected Smart Cities, Fortaleza é a segunda cidade do Nordeste com os melhores indicadores e a 22ª do Brasil. Divulgado em setembro do ano passado, o ranking analisou 677 cidades brasileiras com mais de 50 mil habitantes.