25 de fevereiro de 2013 em Fortaleza

Secultfor empossa novos Conselheiros Municipais de Política Cultural

Posse acontece quinta-feira (28), às 9 horas, no Estoril, quando também serão divulgadas as diretrizes da Secretaria para o ano de 2013


A Secretaria de Cultura de Fortaleza (Secultfor) dará posse aos novos representantes do Conselho Municipal de Política Cultural (CMPC) na quinta-feira (28), às 9 horas, no Estoril. No total, foram eleitos 13 titulares e 10 suplentes, que terão papel deliberativo para fazer valer a lei de fomento e o Plano Municipal de Cultura.

Na ocasião, o Secretário de Cultura de Fortaleza, Magela Lima, apresentará as diretrizes para a Secultfor para o ano de 2013 e apresentará o novo organograma da Secretaria.

Confira a lista dos novos Conselheiros:

Fotografia: Titular: Glícia Gadelha Texeira; Suplente: Fernando Jorge da Cunha Silva.

Audiovisual: Titular: Paulo Bernardo Benevides Costa; Suplente: Tiago Pedro de Araújo Pereira.

Culturas Tradicionais Populares: Titular: Eracyldo Viana Pessoa; Suplente: Francisco de Assis Marques Pires.

Teatro: Titular: Nelson Rubens. A. de Araújo; Suplente: Hemetério Segundo P. Araújo.

Dança: Titular: Sílvia Moura; Suplente: Thiago Pinheiro Braga.

Circo: Titular: Cirio dos Santos Brasil; Suplente: Reginaldo Aparecido Calvio.

Literatura: Titular: José Talles da Silva Soares.

Música: Titular: Aládia Quintela Soares; Suplente: Raimundo Serrão de Castro Júnior.

Território Secretaria Executiva Regional I: Titular: Luiza Maria Aragão Pontes.

Território Secretaria Executiva Regional II: Titular: Patrícia da R. Lopes; Suplente: Ihvna S. Chacon

Território Secretaria Executiva Regional III: Titular: Cosme C. Lima

Produtores Culturais: Titular: Valéria M.P. Cordeiro; Suplente: Andrezza Magalhães.

Instituições Culturais Não-Governamentais: Titular: José Alcione Alencar Lage; Suplente: Josué Ferreira da Costa.

*Artes Visuais, Executivas Regionais IV, V, VI e Fórum Temático de Cultura do Orçamento Participativo não elegeram conselheiros até o momento.

Sobre a Eleição

A eleição – prevista em Edital – ocorreu ao longo dos dias 4 e 14 de dezembro de 2012 e foi organizada pelos Fóruns Permanentes de Artes Visuais, Audiovisual, Circo, Cultura Tradicional Popular, Dança, Fotografia, Literatura, Música, Teatro, Territórios Regionais, além de produtores culturais e Instituições culturais não-governamentais.

Em 2013, o CMPC terá papel fundamental e deliberativo para fazer valer a lei de fomento à Cultura e o Plano Municipal de Cultura, documentos que nortearão a política cultural de Fortaleza nos próximos dez anos.

Plano Municipal de Cultura

Etapa derradeira da consolidação do Sistema Municipal de Cultura (SMC), no dia 18 do mês de dezembro, a Câmara Municipal de Fortaleza aprovou e sancionou o projeto de Lei de nº 0236/2012, de autoria do Poder Executivo, que Instituiu o Plano Municipal de Cultura. A peça de planejamento estratégico, elaborada de forma participativa entre poder público e sociedade civil, a partir de 2013, passa a organizar, a regular e a definir ações e prazos para execução da política pública municipal de cultura. O Plano utiliza como documento-base as diretrizes reunidas ao longo das quatro conferências municipais de Cultura realizadas em Fortaleza, entre 2005 e 2011.

Operando como cartas de navegação para nortear os rumos da política cultural, o Plano estabelece estratégias e metas, além de definir prazos e recursos necessários à sua implementação. Dentre os principais objetivos do Plano constam a promoção e a formação contínua em arte e cultura, contemplando as linguagens artísticas e os profissionais da cultura nos territórios da cidade; o desenvolvimento e uma comunicação pública específicas para a cultura, valorizando a construção coletiva de fazeres e saberes e promoção da cultura como um setor estratégico para o desenvolvimento socioeconômico sustentável.

Saiba Mais

O Conselho Municipal de Política Cultural (CMPC) é um órgão colegiado integrante do Sistema Municipal de Cultura criado pela Lei 9.501. Ele é a expressão máxima de uma nova cultura política, na qual o aprofundamento da democracia e a institucionalização da cultura como direito básico são práticas preponderantes. Trata-se de um espaço participativo de construção coletiva das políticas públicas para a cultura e vem estreitar e qualificar as relações entre poder público e sociedade civil. Tem o desafio de fortalecer o setor cultural, propondo a construção de uma política pública feita com base sólida e coerente e que se programa de modo democrático.

 

Secultfor empossa novos Conselheiros Municipais de Política Cultural

Posse acontece quinta-feira (28), às 9 horas, no Estoril, quando também serão divulgadas as diretrizes da Secretaria para o ano de 2013

A Secretaria de Cultura de Fortaleza (Secultfor) dará posse aos novos representantes do Conselho Municipal de Política Cultural (CMPC) na quinta-feira (28), às 9 horas, no Estoril. No total, foram eleitos 13 titulares e 10 suplentes, que terão papel deliberativo para fazer valer a lei de fomento e o Plano Municipal de Cultura.

Na ocasião, o Secretário de Cultura de Fortaleza, Magela Lima, apresentará as diretrizes para a Secultfor para o ano de 2013 e apresentará o novo organograma da Secretaria.

Confira a lista dos novos Conselheiros:

Fotografia: Titular: Glícia Gadelha Texeira; Suplente: Fernando Jorge da Cunha Silva.

Audiovisual: Titular: Paulo Bernardo Benevides Costa; Suplente: Tiago Pedro de Araújo Pereira.

Culturas Tradicionais Populares: Titular: Eracyldo Viana Pessoa; Suplente: Francisco de Assis Marques Pires.

Teatro: Titular: Nelson Rubens. A. de Araújo; Suplente: Hemetério Segundo P. Araújo.

Dança: Titular: Sílvia Moura; Suplente: Thiago Pinheiro Braga.

Circo: Titular: Cirio dos Santos Brasil; Suplente: Reginaldo Aparecido Calvio.

Literatura: Titular: José Talles da Silva Soares.

Música: Titular: Aládia Quintela Soares; Suplente: Raimundo Serrão de Castro Júnior.

Território Secretaria Executiva Regional I: Titular: Luiza Maria Aragão Pontes.

Território Secretaria Executiva Regional II: Titular: Patrícia da R. Lopes; Suplente: Ihvna S. Chacon

Território Secretaria Executiva Regional III: Titular: Cosme C. Lima

Produtores Culturais: Titular: Valéria M.P. Cordeiro; Suplente: Andrezza Magalhães.

Instituições Culturais Não-Governamentais: Titular: José Alcione Alencar Lage; Suplente: Josué Ferreira da Costa.

*Artes Visuais, Executivas Regionais IV, V, VI e Fórum Temático de Cultura do Orçamento Participativo não elegeram conselheiros até o momento.

Sobre a Eleição

A eleição – prevista em Edital – ocorreu ao longo dos dias 4 e 14 de dezembro de 2012 e foi organizada pelos Fóruns Permanentes de Artes Visuais, Audiovisual, Circo, Cultura Tradicional Popular, Dança, Fotografia, Literatura, Música, Teatro, Territórios Regionais, além de produtores culturais e Instituições culturais não-governamentais.

Em 2013, o CMPC terá papel fundamental e deliberativo para fazer valer a lei de fomento à Cultura e o Plano Municipal de Cultura, documentos que nortearão a política cultural de Fortaleza nos próximos dez anos.

Plano Municipal de Cultura

Etapa derradeira da consolidação do Sistema Municipal de Cultura (SMC), no dia 18 do mês de dezembro, a Câmara Municipal de Fortaleza aprovou e sancionou o projeto de Lei de nº 0236/2012, de autoria do Poder Executivo, que Instituiu o Plano Municipal de Cultura. A peça de planejamento estratégico, elaborada de forma participativa entre poder público e sociedade civil, a partir de 2013, passa a organizar, a regular e a definir ações e prazos para execução da política pública municipal de cultura. O Plano utiliza como documento-base as diretrizes reunidas ao longo das quatro conferências municipais de Cultura realizadas em Fortaleza, entre 2005 e 2011.

Operando como cartas de navegação para nortear os rumos da política cultural, o Plano estabelece estratégias e metas, além de definir prazos e recursos necessários à sua implementação. Dentre os principais objetivos do Plano constam a promoção e a formação contínua em arte e cultura, contemplando as linguagens artísticas e os profissionais da cultura nos territórios da cidade; o desenvolvimento e uma comunicação pública específicas para a cultura, valorizando a construção coletiva de fazeres e saberes e promoção da cultura como um setor estratégico para o desenvolvimento socioeconômico sustentável.

Saiba Mais

O Conselho Municipal de Política Cultural (CMPC) é um órgão colegiado integrante do Sistema Municipal de Cultura criado pela Lei 9.501. Ele é a expressão máxima de uma nova cultura política, na qual o aprofundamento da democracia e a institucionalização da cultura como direito básico são práticas preponderantes. Trata-se de um espaço participativo de construção coletiva das políticas públicas para a cultura e vem estreitar e qualificar as relações entre poder público e sociedade civil. Tem o desafio de fortalecer o setor cultural, propondo a construção de uma política pública feita com base sólida e coerente e que se programa de modo democrático.