Mostrando itens por tag: FortalezaContraCoronavírus

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) divulga a lista dos agendados para a vacinação contra a Covid-19 desta quarta-feira (12/05). A relação está disponível no site https://coronavirus.fortaleza.ce.gov.br.

Clique para acessar a lista

Nesta quarta-feira (12/05), a vacinação ocorrerá na modalidade drive e salas de acolhimento dos centros de vacinação da capital (Centro de Eventos, Arena Castelão, shopping RioMar Fortaleza, quatro Cucas e Sesi Parangaba). No Centro de Eventos, a sala de acolhimento será nos salões Taíba e Jericoacoara.

Locais de vacinação

- Drive-thru e salas de acolhimento para vacinação, para atender tanto os idosos que dispõem de carro como os que utilizam outros meios de transporte:

- Arena Castelão
- Centro de Eventos
- Shopping RioMar Fortaleza (Papicu)

- Salas de acolhimento para vacinação:

- Cuca Barra
- Cuca Jangurussu
- Cuca José Walter
- Cuca Mondubim
- Centro de Eventos (salões Taíba e Jericoacoara)
- Sesi Parangaba

Terceira fase da campanha de vacinação

A terceira fase da campanha de vacinação contra a Covid-19 teve início no dia 05 de maio e inclui pessoas com comorbidades, grávidas, puérperas e pessoas com deficiência permanente. A nova etapa irá ocorrer simultaneamente à vacinação do público prioritário da primeira e segunda fases da campanha, que são idosos, trabalhadores da saúde e profissionais das forças de salvamento e segurança.

A Prefeitura continua organizando a vacinação por agendamento, a partir daqueles que já realizaram o cadastro na plataforma Saúde Digital ( (https://vacinacaocovid.saude.ce.gov.br) , da Secretaria de Saúde do Estado (Sesa).

No caso dos idosos que não têm acesso à internet ou possuem dificuldades em realizar seu cadastro, a Prefeitura atua diariamente com a busca ativa deste público, por meio das equipes da Estratégia da Saúde da Família (ESF), orientando sobre o cadastro para vacinação.

Serviço

Cadastro pelo sistema Saúde Digital
https://vacinacaocovid.saude.ce.gov.br/ 

Relação diária dos idosos agendados
https://coronavirus.fortaleza.ce.gov.br 

Telefone 0800 275 1475 - para pessoas que realizaram o preenchimento dos seus dados no sistema Saúde Digital e que não receberam confirmação do cadastro por e-mail poderem consultar a efetivação do cadastro.

Publicado em Saúde
uma cozinheira na frente de várias quentinhas
A Prefeitura oferece um cardápio balanceado com a finalidade de suprir as necessidades energéticas e nutricionais, adequadamente, em quantidade e qualidade

Entre os cuidados reforçados com a população em situação de rua durante a segunda onda da Covid-19 está a segurança alimentar. Desde o mês de abril, a Prefeitura de Fortaleza, por meio da Secretaria dos Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SDHDS), fornece aproximadamente 100 mil refeições por mês em seus equipamentos voltados para esse público. A alimentação é oferecida diariamente.

São mais de 50 mil refeições, entre quentinhas e sopas, distribuídas em diversos pontos da cidade por intermédio do pacote social de ações da Prefeitura, em bairros como Centro, Parangaba, Bom Jardim e Mondubim. Já nos abrigos, Centros de Referência e Centro de Convivência são mais de 48 mil refeições. Os abrigos para homens, para mulheres e famílias e a Casa de Passagem oferecem alimentação completa durante todo o dia: desjejum, lanche da manhã, almoço, lanche da tarde, jantar e ceia. Já os Centros de Convivência e Centro Pop oferecem desjejum, almoço e lanche da tarde.

O objetivo é garantir a segurança alimentar dos usuários dos serviços, que são, na maioria, pessoas em situação de rua, oferecendo um cardápio balanceado com a finalidade de suprir as necessidades energéticas e nutricionais, adequadamente, em quantidade e qualidade.

Segue abaixo a lista de locais de distribuição de quentinhas e sopas, onde qualquer pessoa pode ter acesso, por ordem de chegada. Os demais equipamentos oferecem alimentação aos usuários atendidos nas unidades.

Refeitório Social (Rua Padre Mororó, 686 - Centro)
De segunda a sexta-feira
400 quentinhas e 200 sopas

Espaço Higiene Cidadã Parangaba (Rua Pedro II, 100 - Centro)
Diariamente
200 quentinhas e 100 sopas

Espaço de Higiene Cidadã (Praça da Bandeira - Centro)
Diariamente
200 quentinhas e 100 sopas

Espaço Higiene Cidadão Dom Manuel (Avenida Dom Manuel, 1250 - Centro)
Diariamente
200 quentinhas e 100 sopas

Pousada Social 1 (Av. Dom Manuel, 1250 - Centro)
Diariamente
100 sopas

Pousada Social 2 (Av. Imperador - Centro)
Diariamente
100 sopas

Restaurante Popular de Fortaleza (Carlos Amora, 07 - Parangaba)
De segunda a sexta-feira
250 quentinhas

Centro de Referência do Empreendedor - estacionamento do shopping (Rua Oscar Araripe, 1067 - Bom Jardim)
De segunda a sexta-feira
250 quentinhas

Cuca Mondubim (Rua Travessa Joaquim Alfredo, s/n - Mondubim)
De segunda a sexta-feira
250 quentinhas

Centro de Referência Janaína Dutra (Rua Guilherme Rocha, 1469 - Centro)
De segunda a sexta-feira
250 quentinhas

Publicado em Saúde

A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Agência de Fiscalização de Fortaleza (Agefis), tem reforçado as ações para o cumprimento dos decretos estadual e municipal de combate à disseminação da covid-19. Das regras aplicáveis ao ensino, estão permitidas apenas aulas presenciais na Educação Infantil, Ensino Fundamental e disciplinas práticas dos cursos de nível superior da área da saúde, além dos berçários. Seguem proibidas aulas presenciais em cursos técnicos, profissionalizantes e de idiomas.

A superintendente da Agefis, Laura Jucá, ressalta a importância de seguir as medidas previstas em decreto para que seja possível reduzir a disseminação da Covid-19 em Fortaleza. “Os cursos de idiomas, profissionalizantes e de reforço escolar, por exemplo, não estão liberados. É preciso cumprir o que está disposto no decreto”, reforça.

O retorno às atividades de ensino presenciais acontece de forma gradual e sempre atento aos dados epidemiológicos das Secretarias de Saúde e da Vigilância Sanitária.

Fiscalização integrada

As fiscalizações ocorrem por meio de denúncias e de busca ativa nos estabelecimentos de ensino, comerciais e logradouros públicos.

Para assegurar o respeito às normas estabelecidas em decreto, equipes de fiscalização seguem em atuação durante toda a semana. As operações são realizadas 24h por dia e contam com a participação da Inspetoria de Proteção Ambiental (Ipam), da Guarda Municipal de Fortaleza (GMFor), da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) e do Batalhão de Polícia de Meio Ambiente (BPMA).

Denúncias

A Prefeitura de Fortaleza conta com o apoio da população para o cumprimento das medidas sanitárias de prevenção à Covid-19. Denúncias de irregularidades podem ser feitas por meio do aplicativo Fiscalize Fortaleza (disponível para Android e iOS), do site https://denuncia.agefis.fortaleza.ce.gov.br e do telefone 156.

Publicado em Fortaleza

A segunda etapa de distribuição de cestas básicas aos beneficiários do Programa Bolsa Família que não possuem alunos matriculados na Rede Municipal de Ensino segue até esta terça-feira (11/05). O Programa Comida em Casa, executado pela Secretaria dos Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SDHDS), beneficia 126 mil famílias mensalmente durante três meses (abril, maio e junho).

Nesta segunda etapa, a entrega teve início no dia 4 de maio em 53 pontos de entrega, sendo 27 CRAS e 26 escolas municipais. Vale ressaltar que quem não recebeu a cesta básica na primeira etapa está retirando duas cestas, equivalentes aos meses de abril e maio.

A distribuição das cestas básicas integra o Programa Fortaleza por Todos, pacote de ações de proteção social destinado à população mais vulnerável da Capital como medida de enfrentamento à pandemia da Covid-19.

As famílias são contatadas pela SDHDS, por meio da base de dados do Cadastro Único. Caso o beneficiário não esteja com os dados atualizados ou não tenha recebido ligação, é possível ligar para o número 156 ou acessar o link https://central156.fortaleza.ce.gov.br/cestabasica/ e informar o NIS ou CPF para receber as informações de data e local de recebimento do benefício.

Para receber a cesta, é necessário apresentar documento oficial com foto. As cestas só serão entregues no dia e local agendados previamente. Portanto, o beneficiário só deve ir ao local no dia e turno confirmados, para evitar aglomerações. O uso de máscara de proteção é obrigatório.

As datas de entrega foram divididas de acordo com o mês de aniversário dos beneficiários, seguindo o calendário abaixo:

04/05 (terça-feira): nascidos em janeiro (manhã) e fevereiro (tarde)
05/05 (quarta-feira): nascidos em março (manhã) e abril (tarde)
06/05 (quinta-feira): nascidos em maio (manhã) e junho (tarde)
07/05 (sexta-feira): nascidos em julho (manhã) e agosto (tarde)
10/05 (segunda-feira): nascidos em setembro (manhã) e outubro (tarde)
11/05 (terça-feira): nascidos em novembro (manhã) e dezembro (tarde)

Publicado em Social

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) atualizou, nesta segunda-feira (10/05), o balanço da campanha de vacinação contra a Covid-19 em Fortaleza. Desde o dia 18 de janeiro, 720.352 doses dos imunobiológicos disponíveis foram administradas na Capital. “Até ontem, 456.307 pessoas foram contempladas com a primeira dose, dentre as quais 264.045 receberam a segunda dose”, detalhou a titular da SMS, Ana Estela Leite, em transmissão ao vivo pelas redes sociais.

Ao longo do último fim de semana (08 e 09/05), 22.704 pessoas foram vacinadas. No último domingo, quando se celebrou o Dia das Mães, a vacinação teve como foco o grupo composto por gestantes e puérperas. “Estamos continuando hoje, finalizando esse público cadastrado no Saúde Digital", informou Ana Estela, que orientou às mulheres grávidas ou que deram à luz nos últimos 45 dias que fiquem atentas ao cadastro. "Se o seu cadastro não tem essa indicação, é importante que você acesse o Saúde Digital e diga se você está gestante ou puérpera para ser contemplada com a vacina”, ressaltou.

Segundas doses de CoronaVac

A Prefeitura de Fortaleza segue administrando as segundas doses da vacina CoronaVac conforme o envio de novas remessas pelo Ministério da Saúde. Ao longo deste mês, 18.800 doses foram recebidas. “No último dia 2 de maio, 4.130 doses chegaram a Fortaleza. Em 7 de maio, foram outras 14.670. As doses remanescentes do quantitativo recebido estão sendo aplicadas hoje", detalhou.

Apenas no último sábado (08/05), mais de 12 mil agendamentos foram efetuados para a conclusão do esquema vacinal de idosos em espera. “Estamos avançando e cumprindo critérios prioritários, chamando, inicialmente, aqueles que possuem maior intervalo no aprazamento entre a primeira e a segunda dose. Quando o intervalo coincide, estão sendo priorizados aqueles com maior faixa etária”, explicou.

Entenda

Sob a garantia de que novos lotes de CoronaVac seriam enviados a Fortaleza, o Ministério da Saúde orientou, em 21 de março de 2021, que a vacina destinada à seguda dose fosse utilizada como primeira dose. “Isso totalizou 41.260 doses. No intervalo entre 29 de abril e primeiro de maio, 38.872 pessoas estavam agendadas para o recebimento da dose dois”, contextualizou. O Município aguarda novas remessas do imunobiológico para concluir o processo de vacinação desse grupo.

Cenário epidemiológico

Ainda durante a transmissão, o médico epidemiologista da SMS, Antônio Lima (Tanta), traçou um panorama relacionado ao atual cenário epidemiológico de Fortaleza. De acordo com o especialista, a situação ainda inspira cautela. “Hoje, nós temos uma média aproximada em Fortaleza entre 800 e 1.000 casos por dia. Os números ainda estão elevados, porém seguem em tendência consistente de queda”, analisou.

Em relação aos óbitos ocasionados pela doença, o Município vem apresentando declínio desde o dia 4 de março. “Nossa média, nesta segunda onda da pandemia, já foi de 62 óbitos. Hoje, está na faixa de 37/38, representando uma queda de quase 50%”, informou.

No entanto, mesmo diante desses dados e do avanço da cobertura vacinal, o cumprimento de todas as medidas sanitárias é necessário, pois se articular com a assistência à saúde. “Para conter a transmissão comunitária, precisamos evitar aglomerações. A nossa assistência à saúde tem melhorado, temos conseguido ser mais rápidos na transferência de pacientes e no atendimento. Mas, para que isso continue dessa forma, a gente precisa reduzir a transmissão comunitária", declarou Lima.

Publicado em Saúde

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) divulga a lista dos agendados para a vacinação contra a Covid-19 desta segunda-feira (10/05). A relação está disponível no site https://coronavirus.fortaleza.ce.gov.br.

Clique para acessar a lista

Nesta segunda-feira (10/05), a vacinação ocorrerá na modalidade drive e salas de acolhimento dos centros de vacinação da capital (Centro de Eventos, Arena Castelão, shopping RioMar Fortaleza, quatro Cucas e Sesi Parangaba). No Centro de Eventos, a sala de acolhimento será nos salões Jericoacoara e Taíba.

Locais de vacinação

- Drive-thru e salas de acolhimento para vacinação, para atender tanto os idosos que dispõem de carro como os que utilizam outros meios de transporte:

- Arena Castelão
- Centro de Eventos
- Shopping RioMar Fortaleza (Papicu)

- Salas de acolhimento para vacinação:

- Cuca Barra
- Cuca Jangurussu
- Cuca José Walter
- Cuca Mondubim
- Centro de Eventos (salões Jericoacoara e Taíba)
- Sesi Parangaba

Terceira fase da campanha de vacinação

A terceira fase da campanha de vacinação contra a Covid-19 teve início na última quarta-feira (05/05) e inclui pessoas com comorbidades, grávidas, puérperas e pessoas com deficiência permanente. A nova etapa irá ocorrer simultaneamente à vacinação do público prioritário da primeira e segunda fases da campanha, que são idosos, trabalhadores da saúde e profissionais das forças de salvamento e segurança.

A Prefeitura continua organizando a vacinação por agendamento, a partir daqueles que já realizaram o cadastro na plataforma Saúde Digital ( (https://vacinacaocovid.saude.ce.gov.br) , da Secretaria de Saúde do Estado (Sesa).

No caso dos idosos que não têm acesso à internet ou possuem dificuldades em realizar seu cadastro, a Prefeitura atua diariamente com a busca ativa deste público, por meio das equipes da Estratégia da Saúde da Família (ESF), orientando sobre o cadastro para vacinação.

Serviço

Cadastro pelo sistema Saúde Digital
https://vacinacaocovid.saude.ce.gov.br/ 

Relação diária dos idosos agendados
https://coronavirus.fortaleza.ce.gov.br 

Telefone 0800 275 1475 - para pessoas que realizaram o preenchimento dos seus dados no sistema Saúde Digital e que não receberam confirmação do cadastro por e-mail poderem consultar a efetivação do cadastro.

Publicado em Saúde

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) divulga a lista dos agendados para a vacinação contra a Covid-19 deste domingo (09/05). A relação está disponível no site https://coronavirus.fortaleza.ce.gov.br.

Clique para acessar a lista

Neste domingo (09/05), a vacinação ocorrerá na modalidade drive e salas de acolhimento dos centros de vacinação da capital (Centro de Eventos, Arena Castelão e shopping RioMar Kennedy). No Centro de Eventos, a sala de acolhimento será no Salão Jericoacoara.

Locais de vacinação

- Drive-thru e salas de acolhimento para vacinação, para atender tanto os idosos que dispõem de carro como os que utilizam outros meios de transporte:

Arena Castelão
Centro de Eventos
Shopping RioMar Kennedy

- Salas de acolhimento para vacinação:

Centro de Eventos (Salão Jericoacoara)

Terceira fase da campanha de vacinação

A terceira fase da campanha de vacinação contra a Covid-19 teve início na última quarta-feira (05/05) e inclui pessoas com comorbidades, grávidas, puérperas e pessoas com deficiência permanente. A nova etapa irá ocorrer simultaneamente à vacinação do público prioritário da primeira e segunda fases da campanha, que são idosos, trabalhadores da saúde e profissionais das forças de salvamento e segurança.

A Prefeitura continua organizando a vacinação por agendamento, a partir daqueles que já realizaram o cadastro na plataforma Saúde Digital ( (https://vacinacaocovid.saude.ce.gov.br)  , da Secretaria de Saúde do Estado (Sesa).

No caso dos idosos que não têm acesso à internet ou possuem dificuldades em realizar seu cadastro, a Prefeitura atua diariamente com a busca ativa deste público, por meio das equipes da Estratégia da Saúde da Família (ESF), orientando sobre o cadastro para vacinação.

Serviço

Cadastro pelo sistema Saúde Digital
https://vacinacaocovid.saude.ce.gov.br/ 

Relação diária dos idosos agendados
https://coronavirus.fortaleza.ce.gov.br 

Telefone 0800 275 1475 - para pessoas que realizaram o preenchimento dos seus dados no sistema Saúde Digital e que não receberam confirmação do cadastro por e-mail poderem consultar a efetivação do cadastro.

Publicado em Saúde

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) divulga a lista dos agendados para a vacinação contra a Covid-19 deste sábado (08/05). A relação está disponível no site https://coronavirus.fortaleza.ce.gov.br.

Clique para acessar a lista

Nesta sábado (08/05), a vacinação ocorrerá em 67 pontos para vacinação contra a Covid-19. Serão 60 postos de saúde, três policlínicas e quatro centros de vacinação (shoppings RioMar Kennedy e RioMar Fortaleza, Centro de Eventos e Arena Castelão), atendendo o público prioritário da campanha, das 9h às 17h

Postos de saúde:

Regional de Saúde I
Airton Monte (Rua Alberto Oliveira, s/n – Jardim Iracema)
Casemiro Filho (Av. Francisco Sá, 6449 – Barra do Ceará)
Fernando Façanha (Rua Rio Tocantins, s/n – Jardim Iracema)
Guiomar Arruda (Rua Gal Costa Matos, 06 – Pirambu)
Maria Aparecida (Av. K, 915 – Vila Velha)
Paulo de Melo (Rua Bernardo Porto, 497 – Monte Castelo)
Virgílio Távora (Av. Mons. Hélio Campos, s/n - Cristo Redentor)
Lineu Jucá (Rua Vila Velha, 101 – Barra do Ceará)
Zenirton Pereira da Silva (R. José Roberto Sáles, 475 – Barra do Ceará)

Regional de Saúde II
Benedito Arthur de Carvalho (Rua Jaime Leonel, 228 – Luciano Cavalcante)
Flávio Marcílio (Avenida Abolição, 4180 – Mucuripe)
Frei Tito (Rua José Cláudio Costa Lima, 100 – Praia do Futuro)
Irmã Hercília (Rua Frei Vidal, 1821 – São João do Tauape)
Rigoberto Romero (Rua Alameda das Graviolas, 195 – Cidade 2000)
Sandra Maria Faustino (Rua Josias Paula de Souza, s/n – Vicente Pinzón)

Regional de Saúde III
Anastácio Magalhães (Rua Delmiro de Farias, 1679 – Rodolfo Teófilo)
César Cals de Oliveira (Rua Pernambuco, 3172 – Pici)
Eliézer Studart (Rua Tomáz Cavalcante, 546 – Autran Nunes)
Humberto Bezerra (Rua Hugo Vitor, 51 – Antônio Bezerra)
Ivana Paes (Rua Virgílio Brígido, s/n – Presidente Kennedy)
Licínio Nunes (Rua 06, s/n – Quintino Cunha)
Luís Recamonde (Rua Maria Quintela, 935 – Bonsucesso)
Mariusa Silva (Rua Araça, 440 – Bonsucesso)
Hermínia Leitão (Rua General Couto, 470 – Quintino Cunha)
Waldemar Alcântara (Rua Silveira Filho, 903 – Jóquei Clube)

Regional de Saúde IV
Antônio Ciríaco (Rua Gomes Brasil, 555 – Parangaba)
Dom Aloísio Lorscheider (Rua Betel, 1895 – Itaperi)
Francisco Monteiro (Av. Dos Eucaliptos, s/n – Dendê)
Gothardo Peixoto (Rua Irmã Bazet, 153 - Damas)
José Valdevino (Rua Guará, s/n – Itaoca)
Gutemberg Braun (Rua Monsenhor Agostinho, 505 – Vila Peri)
Roberto Bruno (Avenida Borges de Melo, 910 – Fátima)

Regional de Saúde V
Abner Cavalcante (Rua Joana Batista, 471 – Bom Jardim)
Argeu Hebster (Rua Geraldo Barbosa, 1095 – Bom Jardim)
Guarany Mont’Alverne (Rua Geraldo Barbosa, 3230 – Granja Lisboa)
José Elísio (Rua Juvêncio Sales, s/n – Aracapé)
José Galba de Araújo (Av. Sen. Fernandes Távora, 3161 – Genibaú)
Jurandir Picanço (Rua Duas Nações, s/n – Granja Portugal)
Maciel de Brito (Av. A, s/n - 1ª etapa – Conjunto Ceará)
Pedro Celestino (Rua Gastão Justo, 215 – Maraponga)
Pontes Neto (Rua 541, 150 - 2ª etapa – Conjunto Ceará)
Regina Maria Severino (Rua Itatiaia, 889 – Canindezinho)
Regis Jucá (Av I, 618 – Mondubim)
Siqueira (Av. Eng. Luís Montenegro, 485 – Siqueira)
Viviane Benevides (Rua João Areas, 1296 – Manoel Sátiro)
Graciliano Muniz (Rua 106, 345 – Conjunto Esperança)

Regional de Saúde VI
Acrísio Eufrasino (Cruzamento das ruas 12 e Palmeiras dos índios – Pedras)
Janival de Almeida (Rua Coelho Garcia, 25 – Passaré)
João Hipólito (Rua 03, 88 – Dias Macêdo)
José Barros (Rua José Nogueira, 180 – Pedras)
Edilmar Norões (Rua H, 319 – Parque Dois Irmãos)
Evandro Ayres (Av. Castelo de Castro, s/n – Conjunto Palmeiras)
Galba de Araújo (Av. Recreio, 1390 – Lagoa Redonda)
Luís Franklin (Rua Alexandre Vieira, s/n – Coaçu)
Maria Grasiela (Rua Edésio Monteiro, 1450 – Santa Fé)
Maria de Lourdes (Rua. Reino Unido, 115 – Jardim das Oliveiras)
Marcus Aurélio (Rua Iracema, 1100 – Santa Filomena)
Osmar Viana (Av. Chiquinha Gonzaga, s/n – Jangurussu)
Jangurussu (Rua Estrada do Itaperi, 146 – Passaré)
Teresinha Parente (Rua Nelson Coelho, 209 – Lagoa Redonda)

Policlínicas:

Policlínica Dr. Lusmar Veras Rodrigues - Av. Lineu Machado, 155 - Jóquei Clube (anexo do Hospital da Mulher)
Policlínica Dr. Luiz Carlos Fontenele - Av. Juscelino Kubischeck, 5495 - Passaré
Policlínica Dr. José Eloy da Costa Filho - Av. Osório de Paiva, 2466 – Bonsucesso

Centros de vacinação:

Drive-thru e pontos de acolhimento para vacinação, para atender tanto os idosos que dispõem de carro como os que utilizam outros meios de transporte:

- Arena Castelão
- Centro de Eventos
- Shopping RioMar Fortaleza (Papicu)
- Shopping RioMar Kennedy

Terceira fase da campanha de vacinação

A terceira fase da campanha de vacinação contra a Covid-19 teve início na última quarta-feira (05/05) e inclui pessoas com comorbidades, grávidas, puérperas e pessoas com deficiência permanente. A nova etapa irá ocorrer simultaneamente à vacinação do público prioritário da primeira e segunda fases da campanha, que são idosos, trabalhadores da saúde e profissionais das forças de salvamento e segurança.

A Prefeitura continua organizando a vacinação por agendamento, a partir daqueles que já realizaram o cadastro na plataforma Saúde Digital (https://vacinacaocovid.saude.ce.gov.br , da Secretaria de Saúde do Estado (Sesa).

No caso dos idosos que não têm acesso à internet ou possuem dificuldades em realizar seu cadastro, a Prefeitura atua diariamente com a busca ativa deste público, por meio das equipes da Estratégia da Saúde da Família (ESF), orientando sobre o cadastro para vacinação.

Serviço

Cadastro pelo sistema Saúde Digital
https://vacinacaocovid.saude.ce.gov.br/ 

Relação diária dos idosos agendados
https://coronavirus.fortaleza.ce.gov.br 

Telefone 0800 275 1475 - para pessoas que realizaram o preenchimento dos seus dados no sistema Saúde Digital e que não receberam confirmação do cadastro por e-mail poderem consultar a efetivação do cadastro.

Publicado em Saúde

A Prefeitura de Fortaleza disponibiliza, neste sábado (08/05), 67 pontos para vacinação contra a Covid-19. Serão 60 postos de saúde, três policlínicas e quatro centros de vacinação (shoppings RioMar Kennedy e RioMar Fortaleza, Centro de Eventos e Arena Castelão), atendendo o público prioritário da campanha, das 9h às 17h.

A Prefeitura de Fortaleza reforça que a vacinação ocorre mediante agendamento. Os agendados para este sábado receberão a confirmação por mensagem WhatsApp ou e-mail e também poderão consultar a lista no site https://coronavirus.fortaleza.ce.gov.br.

Desde a última quarta-feira (05/05), a Capital iniciou a vacinação da terceira fase, destinada a pessoas com comorbidades, com deficiência, gestantes e puérperas. Além desses, permanecem sendo convocados idosos da segunda fase, de 60 a 74 anos. Até esta quinta-feira (06/05), 433.658 pessoas receberam pelo menos a primeira dose da vacina. Dessas, 256.628 receberam a segunda dose.

Os cadastrados na Plataforma Saúde Digital (https://vacinacaocovid.saude.ce.gov.br) devem comparecer ao local de vacinação apenas quando agendados, obedecendo sempre o seu dia, local e hora marcados, não havendo necessidade de chegar com antecedência, e com apenas um acompanhante. O cumprimento destas orientações é fundamental para manter a organização do processo.

Documentos necessários

Durante a terceira fase, os agendados para receber a primeira dose do imunobiológico terão que apresentar, no ato de sua convocação, documentos comprobatórios, além de identificação original com foto, CPF e comprovante de endereço.

Comorbidades e deficiência permanente - aqueles que possuem comorbidades e deficiência permanente devem apresentar, de forma impressa, o atestado, relatório ou prescrição médica indicando o motivo para a aplicação da vacina, com validade de até um ano.

Gestantes e puérperas - no caso das gestantes é necessário apresentar um documento comprobatório da gravidez, como o cartão do pré-natal e comprovante de comorbidade. Já no caso das puérperas (45 dias após o parto), além da comprovação da comorbidade, será necessário apresentar a certidão de nascimento do bebê.

A Prefeitura de Fortaleza disponibiliza modelo de atestado médico como sugestão para comprovação de comorbidades.

Clique para fazer o download do modelo de atestado médico

Visualize o modelo de preenchimento

Grupos da primeira etapa da terceira fase:

- Gestantes e puérperas com comorbidades que possuem entre 18 e 59 anos

- Pessoas com Síndrome de Down que possuem entre 18 e 59 anos

- Pessoas com doença renal crônica em terapia de substituição renal (diálise) que possuem entre 18 e 59 anos

- Pessoas entre 55 e 59 anos com comorbidades, seguindo a sequência definida na Comissão Intergestores Bipartite N°40 (CIB/CE): Cardiopatia; Diabetes; Obesidade IMC>40; Doença Neurológica; Pneumopatias; Doença Renal Crônica; Imunodeficiência e outras

- Pessoas entre 55 a 59 anos com Deficiência Permanente cadastradas no Programa de Benefício de Prestação Continuada (BPC).

Postos de saúde:

Regional de Saúde I
Airton Monte (Rua Alberto Oliveira, s/n – Jardim Iracema)
Casemiro Filho (Av. Francisco Sá, 6449 – Barra do Ceará)
Fernando Façanha (Rua Rio Tocantins, s/n – Jardim Iracema)
Guiomar Arruda (Rua Gal Costa Matos, 06 – Pirambu)
Maria Aparecida (Av. K, 915 – Vila Velha)
Paulo de Melo (Rua Bernardo Porto, 497 – Monte Castelo)
Virgílio Távora (Av. Mons. Hélio Campos, s/n - Cristo Redentor)
Lineu Jucá (Rua Vila Velha, 101 – Barra do Ceará)
Zenirton Pereira da Silva (R. José Roberto Sáles, 475 – Barra do Ceará)

Regional de Saúde II
Benedito Arthur de Carvalho (Rua Jaime Leonel, 228 – Luciano Cavalcante)
Flávio Marcílio (Avenida Abolição, 4180 – Mucuripe)
Frei Tito (Rua José Cláudio Costa Lima, 100 – Praia do Futuro)
Irmã Hercília (Rua Frei Vidal, 1821 – São João do Tauape)
Rigoberto Romero (Rua Alameda das Graviolas, 195 – Cidade 2000)
Sandra Maria Faustino (Rua Josias Paula de Souza, s/n – Vicente Pinzón)

Regional de Saúde III
Anastácio Magalhães (Rua Delmiro de Farias, 1679 – Rodolfo Teófilo)
César Cals de Oliveira (Rua Pernambuco, 3172 – Pici)
Eliézer Studart (Rua Tomáz Cavalcante, 546 – Autran Nunes)
Humberto Bezerra (Rua Hugo Vitor, 51 – Antônio Bezerra)
Ivana Paes (Rua Virgílio Brígido, s/n – Presidente Kennedy)
Licínio Nunes (Rua 06, s/n – Quintino Cunha)
Luís Recamonde (Rua Maria Quintela, 935 – Bonsucesso)
Mariusa Silva (Rua Araça, 440 – Bonsucesso)
Hermínia Leitão (Rua General Couto, 470 – Quintino Cunha)
Waldemar Alcântara (Rua Silveira Filho, 903 – Jóquei Clube)

Regional de Saúde IV
Antônio Ciríaco (Rua Gomes Brasil, 555 – Parangaba)
Dom Aloísio Lorscheider (Rua Betel, 1895 – Itaperi)
Francisco Monteiro (Av. Dos Eucaliptos, s/n – Dendê)
Gothardo Peixoto (Rua Irmã Bazet, 153 - Damas)
José Valdevino (Rua Guará, s/n – Itaoca)
Gutemberg Braun (Rua Monsenhor Agostinho, 505 – Vila Peri)
Roberto Bruno (Avenida Borges de Melo, 910 – Fátima)

Regional de Saúde V
Abner Cavalcante (Rua Joana Batista, 471 – Bom Jardim)
Argeu Hebster (Rua Geraldo Barbosa, 1095 – Bom Jardim)
Guarany Mont’Alverne (Rua Geraldo Barbosa, 3230 – Granja Lisboa)
José Elísio (Rua Juvêncio sales, s/n – Aracapé)
José Galba de Araújo (Av. Sen. Fernandes Távora, 3161 – Genibaú)
Jurandir Picanço (Rua Duas Nações, s/n – Granja Portugal)
Maciel de Brito (Av. A, s/n - 1ª etapa – Conjunto Ceará)
Pedro Celestino (Rua Gastão Justo, 215 – Maraponga)
Pontes Neto (Rua 541, 150 - 2ª etapa – Conjunto Ceará)
Regina Maria Severino (Rua Itatiaia, 889 – Canindezinho)
Regis Jucá (Av I, 618 – Mondubim)
Siqueira (Av. Eng. Luís Montenegro, 485 – Siqueira)
Viviane Benevides (Rua João Areas, 1296 – Manoel Sátiro)
Graciliano Muniz (Rua 106, 345 – Conjunto Esperança)

Regional de Saúde VI
Acrísio Eufrasino (Cruzamento das ruas 12 e Palmeiras dos índios – Pedras)
Janival de Almeida (Rua Coelho Garcia, 25 – Passaré)
João Hipólito (Rua 03, 88 – Dias Macêdo)
José Barros (Rua José Nogueira, 180 – Pedras)
Edilmar Norões (Rua H, 319 – Parque Dois Irmãos)
Evandro Ayres (Av. Castelo de Castro, s/n – Conjunto Palmeiras)
Galba de Araújo (Av. Recreio, 1390 – Lagoa Redonda)
Luís Franklin (Rua Alexandre Vieira, s/n – Coaçu)
Maria Grasiela (Rua Edésio Monteiro, 1450 – Santa Fé)
Maria de Lourdes (Rua. Reino Unido, 115 – Jardim das Oliveiras)
Marcus Aurélio (Rua Iracema, 1100 – Santa Filomena)
Osmar Viana (Av. Chiquinha Gonzaga, s/n – Jangurussu)
Jangurussu (Rua Estrada do Itaperi, 146 – Passaré)
Teresinha Parente (Rua Nelson Coelho, 209 – Lagoa Redonda)

Policlínicas:

Policlínica Dr. Lusmar Veras Rodrigues - Av. Lineu Machado, 155 - Jóquei Clube (anexo do Hospital da Mulher)
Policlínica Dr. Luiz Carlos Fontenele - Av. Juscelino Kubischeck, 5495 - Passaré
Policlínica Dr. José Eloy da Costa Filho - Av. Osório de Paiva, 2466 – Bonsucesso

Centros de vacinação:

Drive-thru e pontos de acolhimento para vacinação, para atender tanto os idosos que dispõem de carro como os que utilizam outros meios de transporte:

- Arena Castelão
- Centro de Eventos
- Shopping RioMar Fortaleza (Papicu)
- Shopping RioMar Kennedy

Publicado em Saúde

Em transmissão nas redes sociais da Prefeitura de Fortaleza, a titular da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), Ana Estela Leite, e a gerente de Atenção Primária e Psicossocial do Município, Luciana Passos, responderam perguntas da população sobre a terceira fase da vacinação contra a Covid-19, iniciada esta semana em Fortaleza, e apresentaram dados sobre o andamento da campanha.

Cadastro

Pessoas pertencentes aos grupos da terceira fase precisam informar, no ato do cadastro no site Saúde Digital, as comorbidades pelas quais são acometidas. Em caso de erro no cadastro, é possível entrar novamente no sistema e editar as informações.

Critérios da terceira fase

A terceira fase da campanha de vacinação cumpre critérios dos planos nacional, estadual e municipal de vacinação. “Estamos chamando cardiopatas, em segundo lugar, convocaremos os diabéticos e seguiremos avançando conforme as orientações pré-estabelecidas”, explicou Luciana.

Foram selecionados potenciais riscos de agravamento dos quadros de Covid-19 em virtude de condições prévias. “Algumas doenças foram estudadas e estão relacionadas ao risco de mortalidade em virtude da infecção pelo novo coronavírus. É o caso da hipertensão grave, associada a lesões de órgãos alvo, das diabetes, dentre outras comorbidades, como algumas condições cerebrovasculares”, completou.

Pessoas com síndrome de down precisam estar atentas ao preenchimento do cadastro no Saúde Digital. “A pessoa seleciona como deficiência permanente e, em seguida, aparece como comorbidade. Logo abaixo, surge a alternativa “síndrome de down” a ser assinalada. Esse grupo prioritário precisa realizar esses dois passos para se cadastrar adequadamente e ser chamado“, destacou Luciana.

Validade dos laudos

Os imunobiológicos vêm sendo aplicados mediante apresentação de atestado médico que confirme, em prazo máximo de um ano, o estado de saúde do paciente. “Os laudos e atestados precisam ter sido liberados até 12 meses. Caso a data de emissão seja superior, será necessária a renovação”, alertou a secretária da Saúde.

Os documentos podem ser emitidos por profissionais atuantes no serviço público e privado. “As pessoas acometidas por comorbidades devem procurar os médicos que realizam os seus acompanhamentos, seja nos postos de saúde, nos hospitais do Município ou nos consultórios particulares. A exigência é apenas de que a comorbidade esteja contemplada na etapa vigente”, orientou.

A Prefeitura de Fortaleza disponibiliza modelo de atestado médico como sugestão para a comprovação de comorbidades. 

“No entanto, o modelo padronizado é apenas sugerido. Qualquer atestado devidamente assinado e carimbado por um médico que classifique corretamente a condição de saúde do paciente será aceito”, esclareceu.

Balanço da vacinação

Desde 18 de janeiro, 690.286 doses de vacinas contra a Covid-19 foram aplicadas, das quaus 438.208 são referentes à primeira dose e 252.078 à segunda dose.

Em relação aos trabalhadores da saúde, o Município já atingiu 74% da meta estabelecida. “Até o momento, 91.054 trabalhadores da saúde já foram contemplados”, disse Ana Estela.

Idosos de 60 a 74 anos

Até o momento, 236.939 pessoas de 60 a 74 anos estão vacinadas com a primeira dose dos imunobiológicos, totalizando 92,5% da meta planejada para a Capital.

Idosos acima de 75 anos

Os idosos acima de 75 anos representam patamar referencial no âmbito da vacinação contra a doença em Fortaleza. “De acordo com o balanço atualizado, alcançamos, até agora, 102.730, representando 117% da meta estabelecida para o Município”, informou Ana Estela.

Profissionais das força de segurança e salvamento

A vacinação contra a Covid-19 dos profissionais das forças de segurança e salvamento, incluindo as Forças Armadas, alcançou, até o momento, 2.701 pessoas.

Balanço domiciliar

Por meio da vacinação em domicílio, 35.382 pessoas foram beneficiadas com a primeira dose. No âmbito das segundas doses, o número chega a 34.286.

Intervalo entre vacinas distintas

Ana Estela lembrou, ainda, que o intervalo mínimo entre o recebimento da vacina contra a Covid-19 e qualquer outra vacina deve ser de 14 dias. “Caso a pessoa esteja agendada para um intervalo inferior ao adequado, deve aguardar o cumprimento das duas semanas. Passado este período, pode se dirigir aos locais de vacinação apresentando o agendamento retroativo e o comprovante de que estava inapta ao recebimento na data estabelecida”, esclareceu.

Em se tratando de segundas doses, a procura só deve acontecer para a administração do imunobiológico da AstraZeneca. “Nossos estoques de CoronaVac ainda estão limitados e seguimos aguardando o envio de novas remessas pelo Ministério da Saúde para a aplicação apenas mediante agendamento. O nosso compromisso é garantir celeridade na aplicação tão logo as vacinas cheguem”, ressaltou.

Pacientes acometidos por síndromes gripais

Pacientes acometidos por sintomas gripais são orientados a aguardar 30 dias a partir do início do quadro para receber a vacina.

“Mesmo agendadas, pessoas acometidas por casos confirmados de Covid-19 devem aguardar para receber a vacina. Passado o prazo de 30 dias, os Centros de Vacinação devem ser procurados. A vacina será administrada mediante apresentação do agendamento, de documentos pessoais e da justificativa da ausência”, informou Ana Estela.

Repescagem

Em virtude de eventuais perdas de agendamento para a aplicação da vacina, o Município tem elaborado cronogramas para assegurar a repescagem. “Caso a falta tenha acontecido por razões diferentes de doença ou dos motivos já aqui especificados, os faltosos devem aguardar o chamado da Prefeitura”, disse Luciana.

Publicado em Saúde
Página 1 de 75