As abordagens são educativas e ocorrem em toda a Cidade
Quase mil condutores já foram abordados

Seguindo o calendário de ações voltadas para o movimento Maio Amarelo, a Secretaria Municipal da Segurança Cidadã (Sesec) vem promovendo blitze educativas, com o objetivo de conscientizar os motoristas sobre os cuidados e segurança no trânsito. A iniciativa atingiu quase mil condutores em oito atividades realizadas em vários pontos da Cidade.

Durante a blitz, diversos condutores de carros e motos são abordados e informados pelos agentes da Guarda Municipal sobre a necessidade do uso do cinto de segurança e do capacete, bem como sobre a proteção dos pedestres e a prevenção de acidentes. Na ação, as pessoas abordadas recebem panfletos com informações a respeito da campanha do Maio Amarelo, além de broches, adesivos e um laço que simboliza o movimento que acontece em todo o país.

Um dos motoristas abordados, o representante de vendas William Silva, destacou a importância do projeto na capital. “Eu achei a abordagem muito interessante. Acho que ações como essa deveriam ser feitas mais vezes para que houvesse uma maior conscientização do público”, disse.

O Maio Amarelo

Durante todo o mês de maio, a Sesec tem realizado, por meio da sua Célula de Segurança Viária, diversas blitze educacionais com o intuito de informar a população a respeito da importância da segurança viária, tendo em vista que, em 2017, 96 pedestres perderam a vida em situações que poderiam ter sido evitadas. As primeiras ações passaram por bairros como Aldeota, Centro, Cristo Redentor, Maraponga, Messejana, Monte Castelo e Parangaba. As próximas estão previstas para o Passaré, Rodolfo Teófilo e Vila União, nos dias 25, 28, e 29, respectivamente.

O Maio Amarelo 2018 é um movimento internacional, que busca chamar atenção para a urgência do tema da segurança viária em todo o planeta. Em Fortaleza, a campanha é realizada pela Secretaria de Conservação e Serviços Públicos (SCSP) com apoio da Iniciativa Bloomberg para Segurança Viária Global, e visa implementar melhorias no trânsito da cidade, oferecendo melhor infraestrutura e garantias, especialmente, para os usuários mais vulneráveis no trânsito, desta vez, com foco no pedestre.

Publicado em Segurança Cidadã
Crianças vendo os fantoches
O teatro é apresentado nas escolas do Município

O teatro de fantoches coordenado pelo Núcleo de Ações e Projetos Preventivos da Inspetoria de Segurança Escolar (ISE), da Guarda Municipal de Fortaleza (GMF), se apresenta neste sábado (27/05), a partir das 9h, no Sesi da Parangaba, como parte da programação da Ação Global, aberta à população. A atividade insere a Secretaria Municipal de Segurança Cidadã (Sesec) no movimento Maio Amarelo, que tem como proposta chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes no trânsito. A apresentação que tem como temática “Educação no Trânsito”.

Segundo o responsável pelas ações de Segurança Viária da Sesec, inspetor Henrique Martins, “a ideia de levar o teatro de fantoches para eventos como este surgiu pela contribuição que Sesec e GMF vêm dando no sentido de conscientizar a população para a redução dos índices de acidente”.

Além da participação no Maio Amarelo, que conta com a colaboração de vários países, a equipe de teatro de fantoches do Núcleo de Ações e Projetos também desenvolve nas escolas municipais apresentações que abordam bullying, dengue, cuidados com o lixo, dentre outros assuntos direcionados para a formação de cidadãos e de uma sociedade justa e solidária.

Mais
O Maio Amarelo é uma ação coordenada entre o poder público e a sociedade, envolvendo os mais diversos segmentos, a fim de discutir o tema, engajar-se em ações que propaguem o conhecimento, abordando toda a amplitude que a questão do trânsito exige, nas mais diferentes esferas.

Serviço
Teatro de fantoches
Data: Sábado (27/05)
Horário: 9h
Local: Sesi da Parangaba (Avenida João Pessoa, 6754)

Publicado em Segurança Cidadã
Guardas municipais apresentam fantoche de bonecos
As apresentações serão voltadas para as ações do Maio Amarelo

A Guarda Municipal de Fortaleza (GMF) levará, nesta quinta-feira (25/5), para o Colégio Municipal Filgueiras Lima o teatro de fantoche coordenado pelo Núcleo de Ações e Projetos Preventivos (NAPP), da Inspetoria de Segurança Escolar (ISE). A atividade insere a Secretaria Municipal da Segurança Cidadã no Movimento Maio Amarelo, organizado pela Prefeitura de Fortaleza.

A apresentação com a temática “Educação no Trânsito” será voltada para alunos da 6ª a 9ª séries e tem a proposta de chamar a atenção desses jovens para o alto índice de mortes no trânsito. “A ideia surgiu pela contribuição que Sesec/GMF vêm dando no sentido de conscientizar a população para a redução dos índices de acidente. Como temos a ISE, nada melhor do que iniciar pelas crianças nas escolas”, explica o responsável pelas ações de Segurança Viária da Secretaria da Segurança Cidadã, inspetor Henrique Martins.

Além da participação no “Maio Amarelo”, que tem a colaboração de vários países, a equipe de teatro de fantoches do NAPP também desenvolve nas escolas municipais, apresentações que abordam sobre bullying, dengue, cuidados com o lixo, dentre outros assuntos direcionados para a formação de cidadãos de bem e uma sociedade justa e solidária.

O Maio Amarelo é uma ação coordenada entre o poder público e a sociedade, envolvendo os mais diversos segmentos, a fim de discutir o tema, engajar-se em ações que propaguem o conhecimento, abordando toda a amplitude que a questão do trânsito exige, nas mais diferentes esferas.

Serviço
Teatro de fantoche apresenta Maio Amarelo
Data/hora: 25/5, a partir das 10h
Local: Escola Municipal Filgueiras Lima (Avenida dos Expedicionários 3910)

Publicado em Segurança Cidadã

A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor), e o Sindiônibus realizam a campanha “Terminais sem acidentes”, aderindo ao movimento “Maio Amarelo - atenção pela vida” que objetiva chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito em todo o mundo, integrando Poder Público e sociedade civil.

A Etufor constatou uma redução de 36% no número de acidentes com vítima entre 01 de janeiro de 2016 e 15 de maio de 2017 nos terminais de Fortaleza e no corredor da Avenida Bezerra de Menezes. A Diretoria Técnica (Ditec), por meio da Divisão de Operações, realizou o levantamento a partir de dados coletados no período. No ano de 2016, de janeiro a dezembro, foram registrados dois acidentes fatais no terminal Antônio Bezerra e Parangaba; aconteceram 40 acidentes com vítima. Em 2017, de janeiro a maio, foram registrados 12 acidentes com vítima e nenhum fatal.

A campanha visa alertar aos dez mil operadores de transporte, bem como os passageiros, sobre a importância de prevenir os acidentes a partir da adoção de condutas adequadas no trânsito. Entre as condutas propostas tem-se o respeito ao limite de velocidade de 20 km/h no interior dos terminais, o tráfego com as portas sempre fechadas, o respeito à faixa de pedestres, as paradas nos locais adequados, evitando a fila dupla entre outras.

Para o presidente da Etufor, José do Carmo Gondim, a redução de acidentes é um bom indicador, porém ressalta a constante necessidade de alerta aos operadores e também aos usuários que possam conviver harmonicamente no espaço do terminal. “Os acidentes podem acontecer em todo lugar, porém a atenção deve ser redobrada nos terminais já que há um fluxo maior de pessoas e de veículos”, considera.

Publicado em Mobilidade