Todos foram no topo da torre onde será montada a central de monitoramento
A torre do Jangurussu está com mais de 70% da obra concluídos

Representantes da Embaixada de Israel conheceram o Plano Municipal de Proteção Urbana (PMPU), que será desenvolvido pela Prefeitura de Fortaleza, e o local da primeira Célula de Proteção Comunitária, no Jangurussu. Eles foram recebidos, nesta terça-feira (12/12), pela manhã, pelo coordenador adjunto da Coordenadoria Especial de Relações Internacionais e Federativas (Cerif), Cláudio Nelson, e pela secretário executivo da Secretaria de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), Luiz Alberto Sabóia. Durante a reunião, foram apresentados programas desenvolvidos pela Prefeitura de Fortaleza na área de segurança e smart cities. A Cerif vem articulando as parcerias entre o governo de Israel e Fortaleza.

À tarde, a comitiva esteve com o titular da Secretaria Municipal da Segurança Cidadã (Sesec), Azevedo Vieira. O encontro visa firmar parcerias no âmbito da segurança e da tecnologia da informação, principalmente para o uso de vigilância eletrônica. Para o secretário, a visita demostra que o PMPU é um projeto inovador e que vai trazer novas perspectivas para a área da segurança. “Estamos apostando nesse projeto pioneiro no Brasil, que dará a oportunidade da Guarda Municipal de Fortaleza ampliar as suas ações na Cidade”, afirmou Azevedo Vieira.

Já a assessora especial da Embaixada de Israel, Sheila Sztutman, classificou o projeto como importante para a Capital, porém destaca que a evolução dependerá de outras questões. “Não apenas de segurança se constrói as cidades seguras, mas com outros fatores que a gente sabe que vêm ocorrendo em Fortaleza, como investimentos na mobilidade, na saúde, na educação, entre outros”, observou.

Estrutura
De acordo com o engenheiro responsável, Luís Carlos Ribeiro, a Célula no bairro Jangurussu está com mais de 70% da obra concluídos. “Na parte da estrutura, avançamos bastante, e agora vamos partir para os acabamentos”, destacou. A partir desta quarta-feira (13/12), começará o trabalho de fixação dos 27 postes que receberão as câmeras do sistema de monitoramento operacionalizado por guardas municipais nas torres.

PMPU
O Plano Municipal de Proteção Urbana, previsto para iniciar em ainda neste mês, tem o objetivo de unir técnicas preditivas e ostensivas para evitar ocorrências de delitos, por meio de vigilância eletrônica e sistemática. Na prática, ocorrerão patrulhamentos em um raio de 14 quarteirões, com o emprego médio de 40 guardas municipais e 20 policiais militares, que atuarão a pé, em bicicletas e em motos.

A partir do estudo das Células de Proteção Comunitária, também serão definidos conceitos para aplicação de prevenções primárias, com urbanização, lazer e iluminação, além de ações prevencionistas com iniciativas culturais, educativas e de desporto e, no campo social, iniciativas de mediação de conflitos, educação para trânsito, empreendedorismo para a geração de emprego e renda, por meio das Tendas da Cidadania.

Publicado em Segurança Cidadã
Melhorias na iluminação pública do Poço da Draga
Substituição de equipamentos antigos por equipamentos mais modernos e eficientes

Dando continuidade aos serviços de requalificação da comunidade do Poço da Draga, no bairro Praia de Iracema, a Prefeitura Municipal de Fortaleza, por meio da Secretaria Regional II e da Secretaria de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), iniciou melhorias na iluminação pública da área.

A intervenção contempla a substituição dos equipamentos antigos, com luz amarela, por equipamentos mais modernos e eficientes, com luz branca e luminárias com vidro policurvo, que proporciona melhor nitidez e distribuição da luz. “Os pontos existentes hoje em toda a extensão do Poço da Draga serão substituídos por luminárias novas, mais eficientes e com fotocélulas novas. Isso irá proporcionar mais segurança e nitidez durante a locomoção das pessoas”, afirma Alfredo Serejo, coordenador de Iluminação Pública de Fortaleza.

No total, serão substituídas 61 luminárias antigas, que têm baixa eficiência, por novas luminárias com luz branca e potência adequada às vias. Além disso, serão instaladas 15 novas luminárias, também com luz branca em pontos da comunidade onde o serviço de iluminação não chegava com qualidade.

O plano de ação para melhorar a iluminação pública da centenária comunidade do Poço da Draga é uma sequência dos serviços previstos para melhorar a qualidade de vida da população que reside na área. Ainda neste semestre, a comunidade foi contemplada com obras de requalificação viária, que substituiu as vias de areia, por pistas com pavimentação asfáltica, gerando mais segurança viária e facilitando a mobilidade.

“Estamos trabalhando para proporcionar mais qualidade de vida para as comunidades da cidade de Fortaleza. No Poço da Draga já finalizamos as obras de requalificação viária e o serviço de limpeza em toda a extensão da comunidade, incluindo a desobstrução das galerias de escoamento de água pluvial. Agora, estamos executando a manutenção na rede de iluminação pública e a troca das lâmpadas amarelas, por lâmpadas brancas, que irá auxiliar na segurança da comunidade e do entorno”, afirma Ferruccio Feitosa, titular da Secretaria Regional II.

Com serviços desenvolvidos pela SCSP, por meio da Coordenadoria Especial de Iluminação Pública, o parque de iluminação de Fortaleza, atualmente, é composto por 79% de luz branca. Somente na área de abrangência da Regional II, a iluminação branca passou de 79%, no início do ano, para os atuais 90% de luz mais moderna e eficiente, proporcionando mais qualidade de vida para população e ruas mais movimentadas à noite.

Publicado em Infraestrutura
Trecho da Ciclofaixa de Lazer
Serão disponibilizados quatro pontos de apoio nas praças Luíza Távora, Jonas Freitas, da Igreja Nossa Senhora Aparecida e no Anfiteatro do Parque do Cocó

A Prefeitura de Fortaleza realiza a 160ª edição da Ciclofaixa de Lazer neste domingo (03/12) e retoma ao percurso normal da Rota Leste, que havia sido modificado no final de semana anterior para a realização do Ironman Brasil Fortaleza. Dessa forma, as rotas Leste, Oeste e Sul permanecem ligando os bairros Cocó, São Gerardo e Montese à Praça Luíza Távora, com programação de 7h às 13h, oferecendo percurso e diversão protegida para toda a família, percorrendo importantes vias da cidade.

Também nesta edição, os ciclistas participantes da Ciclofaixa de Lazer vão compartilhar dois trechos do percurso da Rota Leste, que liga o início da ciclovia da Avenida Washington Soares à Praça Luíza Távora, com a Corrida Rosa e Azul, no Cocó, e com a Corrida das Estações, na Avenida Beira Mar.

Ao longo dos trajetos, serão disponibilizados quatro pontos de apoio nas praças Luíza Távora (Aldeota), Jonas Freitas (São Gerardo), da Igreja Nossa Senhora Aparecida (Montese) e no Anfiteatro do Parque do Cocó, com serviços aos participantes, como aluguel de bicicletas e atendimento do SAMU. Agentes da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) e da Guarda Municipal darão suporte em todas as rotas.

Idealizada em 21 de setembro de 2014 pela equipe da Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), por meio do Plano de Ações Imediatas de Transporte e Trânsito de Fortaleza (PAITT), a Ciclofaixa de Lazer é uma das principais opções de programação cultural e esportiva aos domingos e tem se notabilizado pela participação de cerca de 4 mil ciclistas a cada edição. As rotas que saem dos bairros São Gerardo e Montese possuem o apoio institucional do Extra.

Rota Leste
A Rota Leste sairá do início da ciclovia da Avenida Washington Soares em direção à Praça Luíza Távora, passando pelo Ponto de Apoio do Anfiteatro do Parque do Cocó. O percurso seguirá pela Av. Padre Antônio Tomás, Av. Senador Virgílio Távora, Júlio Ibiapina, Abolição, Desembargador Moreira, Beira Mar, Rui Barbosa, seguindo pelas ruas Deputado Moreira da Rocha e Carlos Vasconcelos, finalizando no Ponto de Apoio na Praça Luíza Távora.

Rota Oeste
A Rota Oeste vai ligar a Praça Jonas Freitas, conhecida como Praça dos Animais ou Praça do North Shopping, no bairro São Gerardo (Regional I), agora à Praça Luíza Távora. O circuito passará pelas ruas Braz de Francesco, seguindo pela Avenida Bezerra de Menezes, depois pela Rua Justiniano de Serpa, em seguida para a Avenida Domingos Olímpio e, agora, segue pela Avenida Antônio Sales, Rua Carlos Vasconcelos, e Av. Santos Dumont, chegando ao Ponto de Apoio na Praça Luíza Távora.

Rota Sul
A Rota Sul vai ligar a Praça da Igreja Nossa Senhora Aparecida, no bairro Montese (Regional IV), à Praça Luíza Távora. O percurso partirá da Avenida Professor Gomes de Matos, seguindo pela Rua Pré Nove, depois pela Avenida dos Expedicionários, indo em direção às avenidas Domingos Olímpio, Antônio Sales, seguindo pela Rua Carlos Vasconcelos, Av. Santos Dumont, chegando ao Ponto de Apoio na Praça Luíza Távora.

Publicado em Esporte e Lazer

O prefeito Roberto Cláudio anuncia nesta terça-feira (05/12), às 10h30, em coletiva de imprensa no Paço Municipal, a implantação de Binário no bairro Jardim das Oliveiras (Regional VI). As vias integrantes do Binário receberão medidas de segurança para pedestres, além de intervenções para reduzir congestionamentos e proporcionar maior fluidez do trânsito geral naquela área.

O projeto será executado pela Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), por meio do Plano de Ações Imediatas de Transporte e Trânsito de Fortaleza (PAITT), em parceria com a Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) e a Regional VI. As intervenções beneficiarão aqueles que transitam pelas imediações dos bairros Jardim das Oliveiras, Parque Manibura, Sapiranga e Cidade dos Funcionários, além daquela área no entorno.

Serviço
Coletiva de imprensa para anúncio do Binário do Jardim das Oliveiras
Data: 05/12 (terça-feira)
Local: Auditório do Paço Municipal (Endereço: Rua São José, 01 - Centro)
Horário: 10h30

Publicado em Mobilidade
Realização da testagem rápida em posto de saúde
Todos os postos de saúde de Fortaleza intensificarão a realização da testagem rápida

Nesta sexta (01/12), às 10 horas, na Praça do Ferreira, a Prefeitura de Fortaleza, por meio da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), em parceria com o Governo do Estado, Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE), Rede Cuca, Sesc-Ce, Universidade de Fortaleza (Unifor) e entidades do terceiro setor, lança a programação do “Dezembro Vermelho”. O objetivo é alertar a população sobre a importância de prevenir e combater o vírus HIV.

Por ocasião do lançamento da Campanha, a população que passar na Praça do Ferreira receberá preservativos e orientações educativas, por meio da realização de jogos educativos e apresentação da peça “Auto da Camisinha”, encenada pelo teatro de rua do IFCE. Haverá ainda o ônibus do projeto Fique Sabendo Jovem, com orientações individuais sobre infecções sexualmente transmissíveis (IST/HIV/Aids).

A programação preventiva se estenderá durante todo o mês de dezembro. Todos os postos de saúde de Fortaleza vão intensificar a realização da testagem rápida em suas sedes, além de atividades externas em locais estratégicos. Está prevista também a distribuição de material informativo e preservativos, rodas de conversa, palestras, debates, apresentações teatrais e caminhadas, em escolas e postos de saúde.

Além disso, em parceria com a Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), diversos pontos de destaque da Cidade receberão iluminação vermelha, durante todo o mês, simbolizando a luta contra a Aids. Serão iluminados o Paço Municipal, Catedral Metropolitana, Hospital da Mulher, passarela da Avenida Antônio Sales, Mercado dos Peixes e as estátuas de Iracema no Aterro da Praia de Iracema, Beira-Mar e Messejana. Neste 1º de dezembro, especificamente, também receberão iluminação vermelha as árvores de Natal montadas na Praça Portugal e na Praça do Ferreira.

O coordenador da área técnica IST/Aids, Marcos Paiva, ressalta a importância do diagnóstico precoce. “Fortaleza disponibiliza nove serviços para o atendimento de pessoas vivendo com HIV/Aids. É fundamental que as pessoas procurem esses serviços gratuitos para um diagnóstico oportuno da infecção causada pelo HIV, o que possibilita interromper a cadeia de transmissão do vírus e garantir que o tratamento seja realizado de maneira mais adequada”, explicou.

A Aids é uma doença crônica que atinge o sistema imunológico, não tem cura e pode levar à morte quando não tratada. O vírus ataca as células de defesa do corpo humano, o organismo fica mais vulnerável, seja para um simples resfriado até infecções mais graves, como tuberculose ou câncer, dificultando o tratamento dessas doenças. A transmissão do HIV ocorre por meio do sangue, secreções vaginais, leite materno e da mãe para o recém-nascido, durante a gestação e o parto.

Serviço
Lançamento da programação do Dezembro Vermelho
Data: 01/12 (Sexta-feira)
Horário: 10 horas
Local: Praça do Ferreira

 

Publicado em Saúde
Estação do Bicicleta Integrada ao lado do Terminal do Siqueira
O Bicicleta Integrada é pioneiro no Brasil pelo foco na integração com o transporte público e conta com 250 bicicletas distribuídas em cinco estações próximas a terminais de ônibus

A Prefeitura de Fortaleza substituirá até o final deste ano um total de 100 bikes do Bicicleta Integrada, o sistema de compartilhamento de bicicletas de Fortaleza que vem incentivando cada vez mais a integração com o transporte público, por meio de grandes estações próximas a terminais de ônibus. A primeira etapa de substituição teve início nesta segunda-feira (27/11).

Coordenado pela Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), por meio da Gestão Cicloviária de Fortaleza, o trabalho de substituição será dividido em duas etapas. Nesta segunda-feira (27/11), 60 novas bikes, com patrocínio do Extra, começaram a operar no lugar de outras nas estações dos terminais Conjunto Ceará, Messejana e Siqueira. A segunda etapa ocorre até o final deste ano, quando outras 40 bikes também serão substituídas nas estações dos terminais Parangaba e Papicu, com patrocínio do Grupo Marquise, Unifor e Indaiá.

O engenheiro da Prefeitura, Gustavo Pinheiro, explica a necessidade dessa substituição, que faz parte do trabalho de manutenção do Bicicleta Integrada. “As novas bicicletas serão incluídas no sistema para substituir outras que, com o tempo de intenso uso do sistema, tiveram alguma danificação, o que é normal visto a grande demanda de utilização. Portanto, em breve, os usuários terão 100 bicicletas novas em ótimo estado de manutenção”, afirma Gustavo.

Iniciado em junho de 2016, o Bicicleta Integrada é pioneiro no Brasil pelo foco na integração com o transporte público e conta hoje com cinco estações, oferecendo um total de 250 bicicletas distribuídas pelos Terminais de Ônibus dos bairros Conjunto Ceará, Messejana, Siqueira, Papicu e Parangaba. Ao longo deste período de atividades, o sistema foi responsável por 52.555 viagens e recebeu 4.797 cadastros (até 16:00 do dia 23/11/17), sendo que os terminais que mais se destacaram em volume de viagens foram Conjunto Ceará e Parangaba.

Ao longo do próximo semestre, mais três estações serão implantadas no Centro, Terminal Antônio Bezerra e Terminal Lagoa, tendo o patrocínio do Shopping RioMar. Com a expansão do sistema, também ampliam-se as possibilidades para o usuário e incentiva-se o uso da bicicleta, além de dar mais vida à cidade, uma vez que se abre alternativas para mais bicicletas e pessoas nas ruas.

Todo o sistema é operado pela empresa Serttel, responsável por dar manutenção técnica nos equipamentos e tem custeio misto, sendo patrocinado pelo Extra (estações dos terminais Conjunto Ceará, Messejana e Siqueira), Unifor e Indaiá (estação do Terminal do Papicu) e Grupo Marquise (estação do Terminal da Parangaba). Assim como acontece com o Bicicletar e os Veículos Alternativos para Mobilidade (VAMO), a gestão pública municipal não tem nenhum ônus financeiro com o sistema Bicicleta Integrada.

Cadastro e regras de utilização
O Bicicleta Integrada funciona todos os dias da semana, sempre das 05 horas às 23h59 para retirada das bicicletas, e 24 horas (tempo integral) para devolução das bicicletas. O tempo de posse que o usuário tem direito à bicicleta é de 14 horas, possibilitando que faça, por exemplo, o pernoite com a bicicleta do sistema ou permaneça no seu local de trabalho com ela e devolva após o expediente. Outro importante fator é que as bicicletas retiradas a partir das 17h das sextas-feiras e vésperas de feriado poderão ser devolvidas até às 9h do dia útil subsequente, sem que haja penalidade para o usuário. O usuário pode retirar a bicicleta via Bilhete Único, Autoatendimento, ligando para 4003-0386 ou pelo aplicativo Bicicleta Integrada, disponível gratuitamente para iOS e Android no site do sistema: www.bicicletaintegrada.com

Com regras distintas do sistema Bicicletar, a utilização das bicicletas é gratuita, bastando que o usuário realize cadastro presencialmente no Posto de Cadastramento dos Terminais de Ônibus, onde são feitas as adesões ao Bilhete Único Fortaleza, de forma que também não há taxa de adesão para a utilização do sistema. Para isso, é obrigatório ter 18 anos para se cadastrar e apresentar as originais e cópias do RG, CPF, comprovante de endereço e Bilhete Único cadastrado no CPF do usuário, além de número de telefone celular válido e pessoal.

Malha Cicloviária
Com o Programa de Expansão da Malha Cicloviária em amplo desenvolvimento, a Prefeitura de Fortaleza, somente no período da atual gestão, bateu um recorde histórico, ampliando em 221% a rede cicloviária na cidade. Dessa forma, a cidade, que tinha 68 quilômetros de rede cicloviária ao final de 2012, hoje conta com os atuais 218,8 quilômetros de infraestrutura cicloviária, sendo 101,5 km de ciclovias, 115,8 km de ciclofaixas, 1,4 km de ciclorrotas e 0,1 km de passeio compartilhado. Os trabalhos são coordenados pela SCSP, por meio do Plano de Ações Imediatas de Transporte e Trânsito de Fortaleza (PAITT), em parceria com a Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC), a Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seinf) e as Regionais. Veja o mapa da Malha Cicloviária existente.

Publicado em Mobilidade
Via com Sinalização de Limite de Velocidade
As medidas visam proporcionar mais segurança e conforto para pedestres no entorno do Hospital Albert Sabin, muitos deles com alguma deficiência permanente ou temporária

O prefeito Roberto Cláudio inaugura nesta quinta-feira (23/11), às 9h, a segunda Área de Trânsito Calmo de Fortaleza, implantada no entorno do Hospital Infantil Albert Sabin (HIAS), localizado no bairro Vila União (Regional IV). Com foco principal em promover a segurança de pedestres e pessoas com mobilidade reduzida, o novo projeto vai contemplar as vias envolvidas com dispositivos específicos, como travessias elevadas para pedestres, prolongamentos de calçadas e sinalização especial indicando limite de velocidade, além de lombadas físicas, aumento de pontos com faixas de pedestres e rampas de acessibilidade universal.

A iniciativa, coordenada pela Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), por meio do Plano de Ações Imediatas de Transporte e Trânsito de Fortaleza (PAITT), também faz parte do pacote de atividades do Programa de Apoio aos Pedestres, desenvolvido em parceria com a Iniciativa Bloomberg Philanthropies em Fortaleza, com o apoio do WRI Brasil e da Global Designing Cities Initiative (NACTO-GDCI). As medidas visam proporcionar mais segurança e conforto para pedestres no entorno do Hospital Albert Sabin, muitos deles com alguma deficiência permanente ou temporária. As intervenções atendem a uma resolução de 2014 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran).

Serviço
Inauguração da Área de Trânsito Calmo do Hospital Infantil Albert Sabin
Data: 23/11 (quinta-feira)
Endereço: Rua Tertuliano Sales, 540 - em frente à faixa elevada do Hospital Albert Sabin
Horário: 9h

Publicado em Mobilidade
Trecho da Ciclofaixa de Lazer
A programação ocorre normalmente de 7h às 13h, oferecendo percurso e diversão protegida para toda a família

A Prefeitura de Fortaleza realiza a 155ª edição da Ciclofaixa de Lazer neste domingo (29/10) e retoma os percursos normais, com três rotas saindo dos bairros Cocó (Rota Leste), São Gerardo (Rota Oeste) e Montese (Rota Sul) em direção à Praça Luíza Távora. A programação ocorre normalmente de 7h às 13h, oferecendo percurso e diversão protegida para toda a família, com deslocamento seguro percorrendo importantes vias da cidade.

Ao longo dos trajetos, serão disponibilizados quatro pontos de apoio nas praças Luíza Távora (Aldeota), Jonas Freitas (São Gerardo), da Igreja Nossa Senhora Aparecida (Montese) e no Anfiteatro do Parque do Cocó, com serviços aos participantes, como aluguel de bicicletas e atendimento do SAMU, além de distribuição de mudas de plantas regionais, numa parceria com a Secretaria Municipal de Urbanismo e Meio Ambiente (Seuma). Agentes da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) e da Guarda Municipal darão suporte em todas as rotas.

Idealizada em 21 de setembro de 2014 pela equipe da Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), por meio do Plano de Ações Imediatas de Transporte e Trânsito de Fortaleza (PAITT), a Ciclofaixa de Lazer é uma das principais opções de programação cultural e esportiva aos domingos e tem se notabilizado pela participação de cerca de 4 mil ciclistas a cada edição. As rotas que saem dos bairros São Gerardo e Montese possuem o apoio institucional do Extra.

Rota Leste
A Rota Leste sairá do início da ciclovia da Avenida Washington Soares em direção à Praça Luíza Távora, passando pelo Ponto de Apoio do Anfiteatro do Parque do Cocó. O percurso seguirá pela Av. Padre Antônio Tomás, Av. Senador Virgílio Távora, Júlio Ibiapina, Abolição, Desembargador Moreira, Beira Mar, Rui Barbosa, seguindo pelas ruas Deputado Moreira da Rocha e Carlos Vasconcelos, finalizando no Ponto de Apoio na Praça Luíza Távora.

Rota Oeste
A Rota Oeste vai ligar a Praça Jonas Freitas, conhecida como Praça dos Animais ou Praça do North Shopping, no bairro São Gerardo (Regional I), agora à Praça Luíza Távora. O circuito passará pelas ruas Braz de Francesco, seguindo pela Avenida Bezerra de Menezes, depois pela Rua Justiniano de Serpa, em seguida para a Avenida Domingos Olímpio e, agora, segue pela Avenida Antônio Sales, Rua Carlos Vasconcelos, e Av. Santos Dumont, chegando ao Ponto de Apoio na Praça Luíza Távora.

Rota Sul
A Rota Sul vai ligar a Praça da Igreja Nossa Senhora Aparecida, no bairro Montese (Regional IV), à Praça Luíza Távora. O percurso partirá da Avenida Professor Gomes de Matos, seguindo pela Rua Pré Nove, depois pela Avenida dos Expedicionários, indo em direção às avenidas Domingos Olímpio, Antônio Sales, seguindo pela Rua Carlos Vasconcelos, Av. Santos Dumont, chegando ao Ponto de Apoio na Praça Luíza Távora.

Publicado em Esporte e Lazer
Recipientes para reciclagem no Ecoponto
O novo Ecoponto é o 6º equipamento com este perfil implantado na área da Regional II

O prefeito Roberto Cláudio inaugura, nesta sexta-feira (27/10), às 10h30, o Ecoponto do bairro Guararapes (Regional II), localizado na Rua Paulo Roberto Pinheiro, esquina com a Avenida Washington Soares. Com a iniciativa, Fortaleza conta agora com 37 Ecopontos para o descarte seletivo de resíduos sólidos em todas as Regionais, oferecendo também o benefício do programa Recicla Fortaleza, que dá desconto na conta de energia e crédito no Bilhete Único pela troca de resíduos recicláveis, proporcionando um comportamento cada vez mais sustentável.

O novo Ecoponto também é o 6º equipamento com este perfil implantado na área da Regional II e foi concebido a partir de uma parceria entre a Autarquia de Regulação, Fiscalização e Controle de Serviços Públicos de Saneamento Ambiental (Acfor) e a Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP). O local conta com caçambas para coleta e estrutura administrativa de trabalho para as equipes de limpeza urbana, fiscalização e monitoramento.

Assim como os demais, o Ecoponto do bairro Guararapes oferece local adequado para o descarte correto de pequenas proporções de entulho, restos de poda, móveis e estofados velhos, além de pneus, óleo de cozinha, papelão, plásticos, vidros e metais. Os Ecopontos também oferecem ao cidadão o benefício do programa Recicla Fortaleza, que dá desconto na conta de energia e crédito no Bilhete Único pela troca de resíduos recicláveis, resultado de parceria entre a Prefeitura de Fortaleza, a Enel Distribuição Ceará (Enel) e o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus).

Outros 36 Ecopontos já foram implantados e encontram-se em pleno funcionamento, estando distribuídos nos bairros Centro, Barra do Ceará, Vila Velha, Carlito Pamplona, Pirambu, São João do Tauape, Varjota, Cidade 2000, Praia do Futuro, Vicente Pinzon, Jóquei Clube, Pici, Bairro de Fátima, Vila Peri, Serrinha, Damas, Conjunto Esperança, Conjunto Ceará, José Walter, Aracapé, Granja Portugal, Jardim Cearense, Mondubim, Edson Queiroz, Cidade dos Funcionários, Jangurussu, Parque Dois Irmãos, Messejana, São Bento, Sapiranga e Dias Macedo. Até o fim deste ano, a expectativa é que Fortaleza conte com um total de 50 Ecopontos, estrategicamente distribuídos pelos bairros de todas as Regionais.

Recicla Fortaleza
Para ter acesso aos benefícios, é simples. Basta que o fortalezense procure um dos Ecopontos mais próximos, levando a conta da Enel ou o Bilhete Único, para fazer o cadastro e receber o cartão Recicla Fortaleza. Daí, é separar os resíduos recicláveis e levá-los até o Ecoponto para pesagem, lembrando de armazená-los sem sobra de alimentos ou produtos para não atrair insetos e gerar mau cheiro. No Ecoponto, o cidadão confere a tabela de valores dos resíduos recicláveis, pois o crédito será calculado de acordo o peso e os tipos de materiais, levando em consideração o mercado.

Indicadores
De dezembro de 2015 a setembro de 2017, os Ecopontos receberam mais de 11,2 mil toneladas de materiais. Nessa conta, as pequenas proporções de entulho somaram mais de 9,4 mil toneladas, enquanto que os materiais recicláveis, ou seja, plástico, vidro, metal, papel e papelão foram responsáveis por mais de 1,8 mil toneladas, além de 21.566,95 litros de óleo.

De abril de 2016 a setembro de 2017, o programa Recicla Fortaleza recebeu um total de 15.651 cadastros de usuários no sistema e gerou um benefício total de R$ 271.498,78, distribuídos na conta de energia e em créditos do Bilhete Único.

Materiais que geram crédito no Recicla Fortaleza
Os materiais que vão gerar crédito na conta de energia são vidro, metal, papel, plástico e outros, como na divisão abaixo:

Vidro
- Embalagens de vidro, café solúvel e maionese, e garrafas de cerveja, refrigerantes e aguardente.

Metal (Exceto Cobre)
- Ferros em geral, parafusos, latas de cerveja e refrigerantes, aço inox, antimônio, baterias de carro e moto, chumbo e bronze.

Papel
- Papelão, jornais, livros, cadernos, papel branco e papel misto.

Plástico
- Garrafas de refrigerantes (PET), filme, PVC, mangueira, sacolas, embalagens de água sanitária, margarina e detergente.

Outros
- Óleo de cozinha e embalagens Tetrapak (leite, sucos e achocolatados).

Serviço
Inauguração do Ecoponto Guararapes
Data: 27/10 (sexta-feira)
Endereço: Rua Paulo Roberto Pinheiro, esquina com a Avenida Washington Soares
Horário: 10h30

Publicado em Meio ambiente

O prefeito Roberto Cláudio anuncia, nesta quarta-feira (18/10), às 14h, no Paço Municipal, um pacote de medidas na área de proteção animal para a cidade de Fortaleza. Na oportunidade, dará posse aos gestores responsáveis pela Coordenadoria de Proteção, Bem-estar e Defesa Animal, órgão que atuará com o apoio de representantes da sociedade civil e que terá como objetivo elaborar e executar políticas públicas voltadas para o cuidado animal em Fortaleza.

A nova Coordenadoria, vinculada à Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), será responsável por planejar e executar ações como vacinação, castrações de animais de rua e de abrigos, realizar projetos com clínicas veterinárias, além de gerir o Vetmóvel, equipamento público de atendimento móvel da Prefeitura de Fortaleza.

Serviço
Anúncio de Medidas de Proteção, Bem-estar e Defesa Animal
Data: 18/10 (quarta-feira)
Local: Auditório do Paço Municipal (Endereço: Rua São José, 01 - Centro)
Horário: 14h

Publicado em Fortaleza