Casa do Barão de Camocim com iluminação especial vermelha
A Casa do Barão de Camocim, no Centro, é um dos locais que estão com iluminação especial vermelha (Foto: Rodrigo Carvalho)

A Prefeitura de Fortaleza implantou iluminação especial em espaços e prédios públicos em alusão à campanha Dezembro Vermelho. A iniciativa busca chamar atenção para a prevenção e o diagnóstico precoce do vírus HIV/Aids e outras Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST). A Praça do Cristo Redentor, Casa do Barão de Camocim, Estátua de Iracema e Hospital da Mulher são alguns dos locais que já receberam iluminação vermelha.

A iniciativa da Secretaria Municipal da Conservação e Serviços Públicos (SCSP), por meio da Coordenadoria Especial de Iluminação Pública, seguirá até o fim deste mês de dezembro. Receberam iluminação especial vermelha os seguintes locais:

- Paço Municipal
- Prédio da SCSP
- Prédio da AMC
- Catedral
- Hospital da Mulher
- Centro Cultural Belchior
- Vila das Artes
- Praça do Cristo Redentor
- Casa do Barão de Camocim
- Jangadinha (Beira Mar)
- Estátua de Iracema (Volta da Jurema)
- Estátua de Iracema (Messejana)
- Praça Portugal
- Praça do Ferreira
- Estoril

A Prefeitura de Fortaleza também está realizando, durante este mês, ações alusivas ao Dezembro Vermelho, com seminários, ações educativas, além do reforço na oferta de testes rápidos de HIV/Aids nas Unidades de Atenção Primária à Saúde. Mais informações aqui.

Publicado em Saúde
Usuário do Bicicletar retirando bicicleta na estação da Praça da Igreja do Carmo, no Centro
Perto de completar sete anos de atividades, o sistema público de bicicletas compartilhadas em Fortaleza já proporcionou mais de 4,5 milhões de deslocamentos ao todo

A Prefeitura de Fortaleza comemora, nesta terça-feira (30/11), a marca de 1 milhão de viagens realizadas pelo Bicicletar, entre janeiro e novembro de 2021. O recorde é alcançado pela primeira vez em menos de um ano. Perto de completar sete anos de atividades, o sistema público de bicicletas compartilhadas em Fortaleza já proporcionou mais de 4,5 milhões de deslocamentos desde o início de suas atividades em dezembro de 2014, incentivando cada vez mais o comportamento sustentável pelo uso de transporte não motorizado na capital cearense.

Coordenado pela Secretaria Municipal da Conservação e Serviços Públicos (SCSP), com o apoio da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC), em parceria com a Unimed Fortaleza, o Bicicletar está consolidado como o maior sistema do tipo no Brasil em número de estações por habitantes e o terceiro em número de estações, atrás somente de Rio de Janeiro e São Paulo.

O prefeito José Sarto celebrou a marca de 1 milhão de viagens, enfatizando a bem-sucedida política de mobilidade em Fortaleza. “O nosso sistema de bicicletas compartilhadas se confirma como política pública abraçada pelos fortalezenses, reforçando os avanços na mobilidade urbana da Cidade. Seguiremos investindo em ações que proporcionem um ir e vir cada vez mais seguro, incentivando a população a pedalar, uma prática saudável, que contribui com a sustentabilidade”, afirmou o prefeito.

O secretário da Conservação e Serviços Públicos, Ferruccio Feitosa, registrou o incentivo da gestão municipal ao transporte sustentável na cidade. “Fortaleza é uma das cidades mais cicláveis do Brasil. Basta citarmos alguns números importantes, como os mais de 400 km de ciclovias e ciclofaixas, e também as 192 estações do Bicicletar, disponíveis ao fortalezense e ao público que visita a nossa cidade. Proporcionar 1 milhão de viagens pelo sistema público de bicicletas compartilhadas em menos de um ano é um recorde mais do que saudável a nossa capital e mostra que a gestão do prefeito Sarto está no caminho certo em seguir avançando em ações que fortaleçam o uso de meios de transporte não motorizados”, ressaltou Ferruccio.

Em julho deste ano, o Bicicletar também já havia alcançado outro recorde, ultrapassando a marca de 4 milhões de viagens realizadas ao todo desde o seu lançamento (4.523.274 viagens até agora). Atualmente, o Bicicletar conta com 192 estações distribuídas em pontos estratégicos da cidade e também já impediu a emissão de mais de 1.843 toneladas de gás carbônico na atmosfera com a utilização das bicicletas compartilhadas. São mais de 297 mil usuários cadastrados no sistema, sendo cerca de 94% dos cadastros ativos utilizando o Bilhete Único.

Recentemente, em setembro, a gestão municipal inaugurou duas novas estações do sistema de bicicletas compartilhadas na cidade, sendo uma do Bicicletar na Avenida Heráclito Graça, bairro Centro (Regional 12), e uma estação infantil do Mini Bicicletar no Polo de Lazer do bairro Conjunto Esperança (Regional 10).

Como parte do processo constante de ampliação e modernização do Bicicletar, desde abril deste ano, uma nova versão do aplicativo do sistema oferece interface mais ágil, segura e intuitiva, com o objetivo de melhorar a experiência de ciclistas com o sistema público de compartilhamento de bicicletas, potencializando a segurança de usuários e do próprio sistema. A nova versão do app traz, por exemplo, a possibilidade de reserva da bicicleta por cinco minutos, funcionalidade que não era disponível anteriormente. Para informações sobre utilização, cadastro no sistema, download do app e localização das estações, basta acessar o site www.bicicletar.com.br.

Malha Cicloviária

Hoje, Fortaleza conta com cerca de 405,6 km de malha cicloviária. Desse total, a AMC já implantou 58,4 km durante a atual gestão. A mais recente foi implantada no trecho compreendido entre as avenidas Desembargador Moreira com Abolição. Até o fim da gestão do prefeito Sarto, a estimativa é implantar mais 100 km de ciclovias e ciclofaixas, chegando a uma malha total de 500 km. Toda a infraestrutura cicloviária fez de Fortaleza a capital brasileira onde as pessoas vivem mais próximas a ciclovias e ciclofaixas, segundo o Instituto de Políticas de Transporte e Desenvolvimento (ITDP Brasil). Conforme a pesquisa, mais de 50% dos habitantes moram a menos de 300 metros de alguma ciclovia, ciclofaixa, ciclorrota ou passeio compartilhado.

Publicado em Mobilidade
Rua iluminada com luz branca
O entorno da Areninha da Praça Deputado Paulo Benevides e a Rua Luis Carlos Lopes Ribeiro, em Messejana, receberam melhorias de iluminação

Com serviços de requalificação e manutenção constantes, a Prefeitura de Fortaleza segue melhorando a iluminação pública na cidade. Este trabalho é realizado pela troca dos equipamentos antigos de luz amarela para equipamentos mais modernos com luz branca, incluindo também a manutenção de pontos apagados à noite ou acesos durante o dia. Como resultado, hoje o parque de iluminação da cidade é composto por cerca de 95,6% de luz branca, proporcionando mais qualidade de vida para a população na cidade, incentivando assim a ocupação saudável dos espaços públicos e a convivência entre as pessoas.

Desenvolvido pela Secretaria Municipal da Conservação e Serviços Públicos (SCSP), por meio da Coordenadoria Especial de Iluminação Pública, este trabalho ininterrupto possibilitou, de janeiro a outubro deste ano, a requalificação de 4.174 pontos de iluminação, que antes eram compostos por luz amarela e agora possuem luz branca, e outros 2.165 novos pontos de luz foram implantados em diversos bairros. Com esse avanço, hoje o Parque de Iluminação de Fortaleza conta com um total de 205.073 pontos de luz, dos quais 196.155 são de iluminação branca.

São exemplos de intervenções de iluminação concluídas recentemente neste ano o entorno do Parque das Crianças e da Praça Coração de Jesus, no Centro (Regional 12); as Areninhas da Lagoa do Urubu e do Beira Rio, nos bairros Floresta e Vila Velha (Regional 1); o Campo na Rua Nilton Montenegro (Campo do Leite), no Siqueira (Regional 5); a Areninha da Praça Deputado Paulo Benevides, em Messejana, e em trechos do bairro Lagoa Redonda (Regional 6); a Mini Areninha da Rua C, no Parque Dois Irmãos, e a Praça da Rua Cristais Paulistas, no Passaré (Regional 8); e o Campinho do Esperança III, no Mondubim (Regional 10), além do Polo de Lazer do bairro João XXIII (Regional 11) e da Praça do Bisão, na Av. Beira Mar (Regional 2). Outros locais da cidade seguem recebendo intervenções de melhoria da iluminação.

Em 2021, também foram implantados projetos de iluminação específicos e também integrados a intervenções de mobilidade urbana, como na Avenida Mozart Pinheiro de Lucena, no bairro Vila Velha (Regional 1); nas Areninhas da Praça Deputado Paulo Benevides e do Estádio Murilão, em Messejana (Regional 6); no viaduto do Makro, bairro Dias Macedo (Regional 8); além das avenidas Desembargador Moreira e Beira Mar, nos bairros Aldeota e Meireles (Regional 2).

O serviço é constante e é feito por quadriláteros, sendo realizado em praças, no entorno de equipamentos públicos, binários, novas faixas para pedestres, estações de bicicletas compartilhadas, pontos de ônibus, Areninhas e avenidas. São elaborados projetos elétricos que compreendem a substituição das luminárias antigas por outras mais modernas e eficientes, equipadas com vidros policurvos, que distribuem melhor a luz e minimizam os espaços escuros entre os postes, os chamados “zebramentos”.

Além disso, os técnicos fazem a adequação de potência das lâmpadas de vapor metálico (luz branca) direcionadas para a demanda de cada localidade e espaço específico. A requalificação ou implantação de nova iluminação também é feita em áreas a serem urbanizadas ou construídas pela Prefeitura, como novas Areninhas, praças, túneis, viadutos, avenidas e lagoas, dentre outros.

Manutenção da Iluminação Pública

Em casos de pontos apagados à noite ou acesos durante o dia, a orientação é que a população telefone gratuitamente para o número 156 ou acesse o aplicativo Central 156 pelo celular e abra protocolo de solicitação de serviço. 

Publicado em Fortaleza
Veterinário atendendo gato no VetMóvel
Todos os profissionais atuantes no local usam máscaras e o VetMóvel restringe o acesso a apenas uma pessoa com animal em atendimento no consultório

A Prefeitura de Fortaleza realiza, a partir desta quinta-feira (18/11), as atividades do VetMóvel ao lado do CRAS Vila União, que fica na Rua do Avião, s/n, próximo à Praça da Lagoa do Opaia (Regional 4). O equipamento itinerante vai atender no local, sempre de segunda-feira a sexta-feira, de 8h às 12h e de 13h às 17h, com serviços gratuitos destinados aos cães e gatos pertencentes a moradores da região. O agendamento para castrações de animais é realizado exclusivamente pelo telefone 156.

Gerido pela Secretaria Municipal da Conservação e Serviços Públicos (SCSP), por meio da Coordenadoria Especial de Proteção e Bem-Estar Animal (Coepa), o VetMóvel oferece os serviços de castração, consultas clínicas, vacinação antirrábica, exames de triagem para calazar e exames de hemograma. Atuam no VetMóvel médicos veterinários, clínicos gerais, cirurgiões e anestesista.

Neste ano, o VetMóvel já passou também pelos bairros Granja Portugal, Vicente Pinzón, Mondubim, Messejana, Praia do Futuro, Vila Velha, Panamericano e Demócrito Rocha, tendo proporcionado, de janeiro a outubro, mais de 43 mil atividades em benefício aos animais. Foram realizadas 7.397 consultas clínicas, 6.324 castrações, 5.337 vacinações antirrábicas, 4.612 exames de triagem de calazar, 1.241 hemogramas e mais 18.310 palestras, rodas de conversa e distribuição de material educativo.

Criado em junho de 2018, ao todo, o VetMóvel já proporcionou mais de 156 mil atividades, sendo 28.357 consultas clínicas, 25.147 vacinações antirrábicas, 19.084 castrações, 18.042 exames de triagem de calazar, 5.895 hemogramas e mais 58.074 palestras, rodas de conversa e distribuição de material educativo.

Atendimento

O agendamento para castrações de animais é realizado exclusivamente pelo telefone 156. Já para o atendimento clínico, todos os dias, a partir de 8 horas, são distribuídas 20 fichas pela manhã e outras 20 são distribuídas às 12 horas para atendimento à tarde. A vacinação antirrábica e os testes para diagnósticos de Calazar ocorrem todos os dias. Para realização da esterilização para castração, os tutores que agendaram o atendimento pela manhã devem chegar com os animais ao VetMóvel até às 8 horas e, no período da tarde, devem comparecer até às 12 horas, com tolerância de uma hora em cada turno. Os animais devem estar banhados, sem carrapatos e em jejum hídrico e sólido.

Medidas de prevenção à Covid

Todos os profissionais atuantes no local usam máscaras e o VetMóvel disponibiliza álcool em gel 70% para higienização das mãos e restringe o acesso a apenas uma pessoa com animal em atendimento no consultório. Seguindo a orientação do distanciamento entre as pessoas, são oferecidas 10 cadeiras para as pessoas em cada bloco de serviço e com o controle de um atendimento por vez. O uso da máscara é obrigatório e está proibida a presença de crianças no local.

Serviço
VetMóvel no bairro Vila União
Período: a partir do dia 18/11 (quinta-feira)
Atendimento: segunda a sexta-feira
Horário: de 8h às 12h e de 13h às 17h
Local: Rua do Avião, s/n, ao lado do CRAS Vila União (próximo à Praça da Lagoa do Opaia)
* Agendamento de castrações exclusivamente pelo telefone 156

Publicado em Fortaleza
Garis recolhendo lixo domiciliar
A coleta domiciliar do lixo doméstico, aquele produzido em casa, é realizada, no mínimo, três vezes por semana em todos os bairros de forma ininterrupta e dentro do calendário programado para cada região (Foto: Marcos Moura)

A Prefeitura de Fortaleza realiza em toda cidade o serviço de coleta do lixo domiciliar de forma programada. Somente neste ano, de janeiro até outubro, já foram mais de 505 mil toneladas de resíduos recolhidos porta a porta, proporcionando mais qualidade de vida para a população.

A coleta domiciliar do lixo doméstico, aquele produzido em casa, é realizada, no mínimo, três vezes por semana nos bairros de forma ininterrupta e dentro do calendário programado para cada região. A ação é coordenada pela Secretaria Municipal da Conservação e Serviços Públicos (SCSP), com o apoio da Ecofor Ambiental, concessionária responsável pela limpeza urbana na cidade.

O secretário da Conservação e Serviços Públicos, Ferruccio Feitosa, alerta que, para alcançar um bom resultado, o trabalho também exige empenho da população. “Somente com o apoio, envolvimento e consciência dos cidadãos conseguiremos uma cidade mais limpa e melhor para se viver. Por isso, o descarte correto deste tipo de resíduo produzido diariamente nas nossas casas deve ser feito apenas nos dias e horários definidos para cada bairro, colocando o lixo ensacado nas calçadas, em frente a cada residência, no sentido de não deixar nossa cidade suja”.

Para obter informações sobre os dias e horários da coleta domiciliar nos bairros, basta acessar pelo celular o aplicativo Fortaleza + Limpa, que é mantido pela Ecofor Ambiental.

Publicado em Fortaleza
Veterinário atendendo cachorro na Clínica Veterinária
No local, ocorrem atendimentos de urgências, emergências, exames de imagem, consultas clínicas, cirurgias de esterilização, entre outros serviços (Foto: Kiko Silva)

A Prefeitura de Fortaleza já realizou mais de 104 mil atividades e serviços gratuitos destinados ao bem-estar de cães e gatos na cidade por meio da Clínica Veterinária Jacó. O equipamento, que completou o primeiro ano está localizado no bairro Passaré (Regional 8). 

Gerida pela Secretaria Municipal da Conservação e Serviços Públicos (SCSP), por meio da Coordenadoria Especial de Proteção e Bem-Estar Animal (Coepa), a Clínica Veterinária Jacó foi inaugurada em outubro de 2020 e não parou o atendimento, apesar do atual contexto da pandemia.

Neste ano, de janeiro até agora, a Clínica Veterinária Jacó possibilitou a realização de mais de 87 mil atividades e serviços, dentre eles 28.089 aplicações de medicamentos, 26.103 exames laboratoriais, 10.915 consultas, 8.323 aplicações de medicamentos para anestesia, 6.681 procedimentos ambulatoriais, 3.386 cirurgias gerais e 4.363 exames de imagens.

No local, ocorrem atendimentos de urgências, emergências, consultas clínicas, especialidades médicas (cardiologista, endocrinologista, dermatologista, oncologista, ortopedista e neurologista), cirurgias gerais (tecidos moles e ortopédicas) e cirurgias de esterilização, além de exames de imagem (raio-x e ultrassom), exames laboratoriais, aplicação de medicamentos e soroterapia.

O secretário da Conservação e Serviços Públicos, Ferruccio Feitosa, destaca o atendimento gratuito aos animais. “A Clínica Veterinária representa uma alternativa em atendimento gratuito de saúde dos animais, aliviando a sua dor e restabelecendo sua qualidade de vida. Os serviços envolvem várias ações, desde vacinas antirrábicas e castrações até distribuição de material de conscientização da população para os cuidados com os animais”, afirma Ferruccio.

Já o coordenador especial de Proteção e Bem-Estar Animal, Marcel Girão, registra que a clínica tem sido modelo para outras gestões. “O equipamento tem servido de exemplo para os demais municípios do interior e estados do Nordeste, recebendo constantemente visitas de gestores para conhecer nosso trabalho em Fortaleza", informa.

O horário de funcionamento da Clínica Veterinária Jacó é de segunda-feira a sexta-feira, de 8h às 17h. A entrega das senhas de atendimento tem início às 8h, sendo 31 senhas diárias individuais ao todo para distribuição aos tutores com seus animais. Os atendimentos de emergência são imediatos, sob avaliação, e o retorno ocorre com agendamento prévio.

Medidas de combate ao novo coronavírus
Todos os profissionais atuantes neste equipamento usam máscaras e é disponibilizado álcool em gel 70% para higienização das mãos no local. Seguindo a orientação do distanciamento entre as pessoas, o acesso está restrito, com o controle de um atendimento por vez. O uso da máscara é obrigatório e está proibida a presença de crianças.

Serviço
Clínica Veterinária Pública de Fortaleza – Jacó
Atendimento: segunda a sexta-feira 
Horário: de 8h às 12h e de 13h às 17h
Endereço: Av. da Saudade, esquina com a Av. dos Paroaras – Passaré

Publicado em Fortaleza
Animais no Abrigo São Lázaro
A iniciativa vai possibilitar melhores condições de vida para os 1.200 animais que se encontram abrigados na ONG

O prefeito de Fortaleza, José Sarto, liberou, na manhã desta terça-feira (19/10), um repasse anual de R$ 300 mil para o Abrigo São Lázaro, que é a maior e mais conhecida entidade da cidade que auxilia no tratamento de cães e gatos abandonados. A iniciativa vai possibilitar melhores condições de vida para os 1.200 animais que se encontram abrigados na ONG, localizada na Avenida Luiz Montenegro, 599, no bairro Siqueira (Regional 5).

“Com o repasse, a Prefeitura de Fortaleza busca contribuir para que o Abrigo São Lázaro mantenha suas atividades, acolhendo animais em situação de abandono, tratando doenças e fazendo um trabalho que também é importantíssimo, de incentivo à adoção responsável”, afirmou o prefeito.

Durante a reunião, que contou com a participação do secretário da Conservação e Serviços Públicos, Ferruccio Feitosa, também foi determinada a elaboração de um projeto de lei para estabelecer uma bolsa de proteção animal para quem se dedica à causa. “O projeto de lei está sendo desenvolvido e conterá os requisitos para que os protetores cadastrados pela gestão municipal sejam contemplados para ajudar nesta missão com os animais”, explica Ferruccio.

O projeto de lei que vai criar a bolsa de proteção animal está sendo desenvolvido pela Secretaria Municipal da Conservação e Serviços Públicos (SCSP), por meio de sua Coordenadoria Jurídica e da Coordenadoria de Proteção e Bem-Estar Animal (Coepa). Em breve, o edital deverá estar público.

Publicado em Fortaleza
Veterinário atendendo no VetMóvel
Todos os profissionais atuantes no local usam máscaras e o VetMóvel restringe o acesso a apenas uma pessoa com animal em atendimento no consultório

A Prefeitura de Fortaleza inicia, a partir desta segunda-feira (18/10), as atividades do VetMóvel na Praça Marupiara, localizada no bairro Demócrito Rocha (Regional 11). O equipamento itinerante vai atender no local, que fica na Rua Alagoas, esquina com a Rua Goiás, sempre de segunda-feira a sexta-feira, de 8h às 12h e de 13h às 17h, com serviços gratuitos destinados aos cães e gatos pertencentes a moradores da região. O agendamento para castrações de animais é realizado exclusivamente pelo telefone 156.

Gerido pela Secretaria Municipal da Conservação e Serviços Públicos (SCSP), por meio da Coordenadoria Especial de Proteção e Bem-Estar Animal (Coepa), o VetMóvel oferece os serviços de castração, consultas clínicas, vacinação antirrábica, exames de triagem para calazar e exames de hemograma. Atuam no VetMóvel médicos veterinários, clínicos gerais, cirurgiões e anestesista.

Neste ano, o VetMóvel já passou pelos bairros Granja Portugal, Vicente Pinzón, Mondubim, Messejana, Praia do Futuro, Vila Velha e Panamericano, tendo proporcionado mais de 39 mil atividades em benefício aos animais. De janeiro a setembro, foram realizadas 6.860 consultas clínicas, 5.810 castrações, 4.903 vacinações antirrábicas, 4.497 exames de triagem de calazar, 1.180 hemogramas e mais 16.710 palestras, rodas de conversa e distribuição de material educativo.

Criado em junho de 2018, ao todo, o VetMóvel já proporcionou mais de 156 mil atividades, sendo 27.820 consultas clínicas, 24.713 vacinações antirrábicas, 18.570 castrações, 17.927 exames de triagem de calazar, 5.834 hemogramas, 3.300 implantes de microchips e mais 58.074 palestras, rodas de conversa e distribuição de material educativo.

Atendimento
O agendamento para castrações de animais é realizado exclusivamente pelo telefone 156. Já para o atendimento clínico, todos os dias, a partir de 8 horas, são distribuídas 20 fichas pela manhã e outras 20 são distribuídas às 12 horas para atendimento à tarde. A vacinação antirrábica e os testes para diagnósticos de Calazar ocorrem todos os dias. Para realização da esterilização para castração, os tutores que agendaram o atendimento pela manhã devem chegar com os animais ao VetMóvel até às 8 horas e, no período da tarde, devem comparecer até às 12 horas, com tolerância de uma hora em cada turno. Os animais devem estar banhados, sem carrapatos e em jejum hídrico e sólido.

Medidas de prevenção à Covid
Todos os profissionais atuantes no local usam máscaras e o VetMóvel disponibiliza álcool em gel 70% para higienização das mãos e restringe o acesso a apenas uma pessoa com animal em atendimento no consultório. Seguindo a orientação do distanciamento entre as pessoas, são oferecidas 10 cadeiras para as pessoas em cada bloco de serviço e com o controle de um atendimento por vez. O uso da máscara é obrigatório e está proibida a presença de crianças no local.

Serviço
VetMóvel no bairro Demócrito Rocha
Período: a partir do dia 18/10 (segunda-feira)
Horário: de 8h às 12h e de 13h às 17h (de segunda a sexta-feira)
Local: Praça Marupiara (Rua Alagoas, esquina com a Rua Goiás, s/n – Demócrito Rocha)
* Agendamento de castrações exclusivamente pelo telefone 156

Publicado em Fortaleza
Veterinário atendendo gato no VetMóvel
Todos os profissionais atuantes no local usam máscaras e o VetMóvel restringe o acesso a apenas uma pessoa com animal em atendimento no consultório

Dando continuidade às atividades veterinárias na cidade, a Prefeitura de Fortaleza realiza, a partir desta quinta-feira (23/09), as atividades do VetMóvel na Praça Mauá, que fica no bairro Panamericano (Regional 11). O equipamento itinerante vai atender no local, sempre de segunda a sexta-feira, de 8h às 12h e de 13h às 17h, com serviços gratuitos destinados aos cães e gatos pertencentes a moradores da região. O agendamento para castrações de animais é realizado exclusivamente pelo telefone 156.

Gerido pela Secretaria Municipal da Conservação e Serviços Públicos (SCSP), por meio da Coordenadoria Especial de Proteção e Bem-Estar Animal (Coepa), o VetMóvel oferece os serviços de castração, consultas clínicas, vacinação antirrábica, exames de triagem para calazar e exames de hemograma. Atuam no VetMóvel médicos veterinários, clínicos gerais, cirurgiões e anestesista.

Neste ano, o VetMóvel já passou pelos bairros Granja Portugal, Vicente Pinzón, Mondubim, Messejana, Praia do Futuro e Vila Velha, tendo proporcionado mais de 29 mil atividades em benefício aos animais. Nesse período, foram realizadas 5.343 consultas clínicas, 4.704 castrações, 3.424 exames de triagem de calazar, 3.327 vacinações antirrábicas, 979 hemogramas e mais 11.428 palestras, rodas de conversa e distribuição de material educativo.

Criado em junho de 2018, ao todo, o VetMóvel já proporcionou mais de 145 mil atividades, sendo 26.303 consultas clínicas, 23.607 vacinações antirrábicas, 17.464 castrações, 16.854 exames de triagem de calazar, 5.633 hemogramas, 3.300 implantes de microchips e mais 52.792 palestras, rodas de conversa e distribuição de material educativo.

Atendimento

O agendamento para castrações de animais é realizado exclusivamente pelo telefone 156. Já para o atendimento clínico, todos os dias, a partir de 8 horas, são distribuídas 20 fichas pela manhã e outras 20 são distribuídas às 12 horas para atendimento à tarde. A vacinação antirrábica e os testes para diagnósticos de Calazar ocorrem todos os dias. Para realização da esterilização para castração, os tutores que agendaram o atendimento pela manhã devem chegar com os animais ao VetMóvel até às 8 horas e, no período da tarde, devem comparecer até às 12 horas, com tolerância de uma hora em cada turno. Os animais devem estar banhados, sem carrapatos e em jejum hídrico e sólido.

Medidas de prevenção à Covid
Todos os profissionais atuantes no local usam máscaras e o VetMóvel disponibiliza álcool em gel 70% para higienização das mãos e restringe o acesso a apenas uma pessoa com animal em atendimento no consultório. Seguindo a orientação do distanciamento entre as pessoas, são oferecidas 10 cadeiras para as pessoas em cada bloco de serviço e com o controle de um atendimento por vez. O uso da máscara é obrigatório e está proibida a presença de crianças no local.

Serviço
VetMóvel no bairro Panamericano
Período: a partir do dia 23/09 (quinta-feira)
Atendimento: segunda a sexta-feira
Horário: de 8h às 12h e de 13h às 17h 
Local: Praça Mauá (Rua Guanabara, entre a Rua Piauí e a Travessa Paraná, s/n - Panamericano)
* Agendamento de castrações exclusivamente pelo telefone 156

Publicado em Fortaleza
a foto foi tirada do alto do viaduto do makro e mostra a iluminação branca dos postes na BR-116
Os projetos de iluminação pública também são integrados a intervenções de mobilidade urbana, a exemplo do viaduto do Makro sobre a BR-116 (Fotos: Rodrigo Carvalho)

Com serviços de manutenção e melhorias constantes, a Prefeitura de Fortaleza segue requalificando a iluminação pública na cidade, realizando a troca dos equipamentos antigos, com luz amarela, para equipamentos mais modernos com luz branca. Este trabalho inclui também a manutenção de pontos apagados à noite ou acesos durante o dia. Como resultado, hoje o parque de iluminação da cidade é composto por 95,6% de luz branca ou em tecnologia LED, proporcionando mais qualidade de vida para a população na cidade e a convivência entre as pessoas, incentivando assim a ocupação saudável dos espaços públicos.

Desenvolvido pela Secretaria Municipal da Conservação e Serviços Públicos (SCSP), por meio da Coordenadoria Especial de Iluminação Pública, este trabalho ininterrupto possibilitou, de janeiro a julho deste ano, a requalificação de 3.874 pontos de iluminação, que antes eram compostos por luz amarela e agora possuem luz branca, e outros 2.116 novos pontos de luz foram implantados em diversos bairros. Com esse avanço, hoje o Parque de Iluminação de Fortaleza conta com um total de 204.724 pontos de luz, dos quais 195.764 são de iluminação branca.

Desde janeiro, além dos serviços de manutenção em toda a cidade, também foram implantados projetos de iluminação específicos para cada local e também integrados a intervenções de mobilidade urbana, como nas Areninhas da Praça Deputado Paulo Benevides e do Estádio Murilão, em Messejana (Regional 6); na Avenida Mozart Pinheiro de Lucena, no bairro Vila Velha (Regional 1); no viaduto do Makro, bairro Dias Macedo (Regional 8); além das avenidas Desembargador Moreira e Beira-Mar, nos bairros Aldeota e Meireles (Regional 2).

O secretário da Conservação e Serviços Públicos, Ferruccio Feitosa, explica que as intervenções de iluminação também permitem a requalificação dos espaços públicos. “Estamos seguindo a orientação do prefeito Sarto para que possamos deixar a cidade de Fortaleza cada vez mais iluminada, segura e melhor de se viver. Uma melhor iluminação proporciona mais visibilidade à noite, por exemplo, em vias, praças e Areninhas, resultando em benefícios para todos”, afirma o gestor.

a foto mostra pessoas caminhando na avenida desembargador moreira
Em locais como a Av. Desembargador Moreira, a iluminação incentiva a ocupação saudável dos espaços públicos à noite

O serviço é constante e é feito por quadriláteros, sendo realizado em praças, no entorno de equipamentos públicos, binários, novas faixas para pedestres, estações de bicicletas compartilhadas, pontos de ônibus, Areninhas e avenidas. Desde janeiro, já foram beneficiados os bairros Aerolândia, Aeroporto, Autran Nunes, Barra do Ceará, Barroso, Bela Vista, Benfica, Bonsucesso, Cajazeiras, Carlito Pamplona, Centro, Cidade dos Funcionários, Dias Macedo, Dom Lustosa, Engenheiro Luciano Cavalcante, Farias Brito, Fátima, Granja Lisboa, Itaperi, Jacarecanga, Jardim das Oliveiras, Jóquei Clube, José de Alencar, José Walter, Meireles, Messejana, Mondubim, Mucuripe, Olavo Oliveira, Papicu, Parque Santa Maria, Planalto Ayrton Senna, Praia de Iracema, Praia do Futuro I, Presidente Kennedy, São João do Tauape, Sapiranga, Varjota, Vila Ellery e Vila Velha.

São elaborados projetos elétricos que compreendem a substituição das luminárias antigas por outras mais modernas e eficientes, equipadas com vidros policurvos, que distribuem melhor a luz e minimizam os espaços escuros entre os postes, os chamados “zebramentos”. Além disso, os técnicos fazem a adequação de potência das lâmpadas de vapor metálico (luz branca) direcionadas para a demanda de cada localidade e espaço específico. A requalificação ou implantação de nova iluminação também é feita em áreas a serem urbanizadas ou construídas pela Prefeitura, como novas Areninhas, praças, túneis, viadutos, avenidas e lagoas, dentre outros.

Manutenção da Iluminação Pública
Em casos de pontos apagados à noite ou acesos durante o dia, a orientação é que a população telefone gratuitamente para o número 156 ou acesse o aplicativo Central 156 e abra protocolo de solicitação de serviço.

Publicado em Fortaleza
Página 1 de 26