Comunidade participa de plantio de mudas em espaço revitalizado que era usado como ponto irregular de lixo
Comunidade do Jardim América participou do plantio de mudas durante a ação de revitalização de ponto irregular de lixo (Fotos: Marcos Moura)

A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Coordenadoria Especial de Limpeza Urbana (Colimp) vinculada à Secretaria Municipal da Conservação e Serviços Públicos (SCSP), realizou ação de revitalização na comunidade Brasília, no bairro Jardim América, promovendo conscientização sobre o descarte correto do lixo e recuperando espaços antes usados como ponto irregular de lixo. Além da requalificação, a Prefeitura também deu início à coleta domiciliar com motocicleta.

Crianças aprendem a plantar mudas em ação de revitalização de ponto irregular de lixo, no Jardim América
As crianças aprenderam a plantar mudas  

Apesar da instalação de contêiner para o descarte de resíduos na comunidade, muitos moradores colocavam lixo em local irregular, o que causava acúmulo de sujeira, com risco de proliferação de doenças. Na última semana, no local, foi construída calçada, recebendo revitalização com plantação de mudas, que contou com a participação da população, e estilização em grafite. Também houve distribuição de brindes e informativos sobre educação ambiental.

Coleta de lixo

Devido ao difícil acesso às ruas da comunidade Brasília, a região vai passar a contar com coleta domiciliar feita por moto gari. O trabalho é realizado por um profissional em uma moto que passa em frente às casas recolhendo o lixo e logo depois o descarta em contêiner instalado em uma área onde há acesso para o caminhão tradicional de coleta, que, por sua vez, faz o recolhimento dos resíduos.

Para atender toda a Capital, adaptando-se às diversas realidades, a Prefeitura de Fortaleza conta com diferentes modalidades de coleta domiciliar. O modal é escolhido de acordo com a necessidade da região, podendo ser caminhão compactador, o mais tradicional, moto gari e, ainda, gari comunitário, quando uma pessoa da própria comunidade é capacitada para atuar na coleta.

O trabalho realizado na comunidade Brasília teve início em abril, com visitas técnicas e diálogo com os moradores, buscando um diagnóstico da situação para promover as melhorias necessárias. As atividades promovidas entre abril e julho tiveram parceria da Ecofor, Secretaria Municipal da Gestão Regional (Seger) e Secretaria Municipal de Urbanismo e Meio Ambiente (Seuma).

Publicado em Meio ambiente
Informativo sobre coleta e descarte de lixo no Mercado dos Peixes
Prefeitura distribuiu informativos sobre coleta e descarte de lixo no Mercado dos Peixes aos permissionários (Fotos: Rodrigo Carvalho)

Equipes técnicas da Prefeitura de Fortaleza visitaram o Mercado dos Peixes, equipamento de lazer e gastronomia e um dos principais pontos turísticos da Capital, na Beira-Mar, para orientar e conscientizar os permissionários quanto a utilização das lixeiras subterrâneas do local. A atividade teve atuação de técnicos da Coordenadoria Especial de Limpeza Urbana (Colimp) da Secretaria Municipal da Conservação e Serviços Públicos (SCSP), e equipe ambiental da Ecofor.

lixeiras do mercado dos peixes
Mercado dos Peixes conta com quatro lixeiras subterrâneas

Os agentes públicos percorreram os corredores do Mercado conversando com os profissionais, distribuindo e fixando nos boxes informativos sobre a coleta de lixo e utilização dos equipamentos instalados.

O Mercado dos Peixes dispõe de quatro lixeiras subterrâneas, cada uma com um container, totalizando cerca de 5 m³ de capacidade. A coleta dos resíduos destinados aos equipamentos ocorre diariamente, duas vezes durante a semana, e três vezes aos fins de semana. Além disso, é feita uma lavagem nas lixeiras às segundas e sextas-feiras. Por mês, a Ecofor coleta cerca de 70 toneladas de lixo naquela região.

Atualmente, a Capital possui 19 lixeiras subterrâneas, elas estão instaladas nos bairros Barra do Ceará, Cristo Redentor, Pirambu, Jacarecanga, Meireles, Centro, Cais do Porto, e Mucuripe.

Publicado em Fortaleza
Coleta de lixo
Aproximadamente, 120 mil toneladas recolhidas no primeiro quadrimestre deste ano são provenientes do lixo descartado de maneira irregular em pontos de lixo em toda a Cidade (Foto: Marcos Moura)

O trabalho contínuo de coleta de lixo feito pela Prefeitura de Fortaleza, por meio da Secretaria Municipal da Conservação e Serviços Públicos (SCSP) e da Secretaria da Gestão Regional (Seger), já resultou no recolhimento de quase 800 mil toneladas de lixo entre janeiro e abril deste ano. Foram recolhidas mais de 234 mil toneladas de entulhos, recicláveis, lixo irregular, podas e volumosos, e quase 230 mil toneladas de lixo domiciliar, além de 308 mil toneladas de resíduos de serviços de saúde.

Desse montante, aproximadamente 120 mil toneladas são provenientes do lixo descartado de maneira irregular em pontos de lixo em toda a Cidade. Para se ter uma ideia, a quantidade equivale à carga de 20.000 caminhões basculantes, usados no transporte do lixo em Fortaleza. Se levarmos em conta o total de resíduos recolhidos no primeiro quadrimestre (800 mil toneladas), é o equivalente a mais de 145.000 caminhões basculantes.

“Nós que fazemos a Prefeitura de Fortaleza temos nos empenhado muito para deixar a cidade cada vez mais limpa e mais agradável de se viver, mas essa é uma luta que precisa da parceria dos fortalezenses, de mais conscientização da população para fazer o descarte correto do lixo. Fortaleza tem uma das melhores coletas domiciliares do país, além de equipamentos como os Ecopontos, oferecendo toda a condição necessária para que o cidadão descarte seu resíduo de maneira correta e segura. Portanto, é contando com o apoio da população que vamos ter, cada vez mais, uma cidade mais saudável e melhor”, ressalta o secretário Ferruccio Feitosa, titular da SCSP.

A gestão municipal, por meio da Seger, já realizou a revitalização de 185 pontos, antes usados para descarte irregular, em toda a capital cearense. Vale ressaltar que em cada ação, a gestão municipal realiza um trabalho de educação ambiental e conscientização dos moradores e comerciantes do entorno de cada um dos locais, orientando sobre a revitalização do espaço e sobre o descarte adequado dos resíduos.

"A população deve adotar atitudes simples no combate ao acúmulo de resíduos nas ruas, como por exemplo, colocar o lixo nas suas calçadas apenas nos dias de coleta domiciliar e direcionar materiais de grande volume, como móveis velhos, estofados, colchões, restos de poda e entulhos a um dos 90 Ecopontos espalhados pela cidade”, explica Arcelino Lima, secretário executivo da Seger.

Já nos Ecopontos, equipamentos instalados pela Prefeitura de Fortaleza para receber lixo reciclável e resíduos grandes, a população descartou 42.467,6 toneladas entre janeiro e abril. Sendo 388 toneladas de resíduos passíveis de reciclagem, como papel, plástico, metal, vidro, óleos e gorduras residuais.

A Capital possui 90 Ecopontos, oferecendo estrutura para o descarte correto dos resíduos e benefícios em troca do lixo descartado, com desconto na conta de energia ou crédito no comércio local, por meio dos programas Recicla Fortaleza e E-Carroceiro. Somente nos primeiros quatro meses de 2022, esses programas registraram quase 700 novos cadastros, sendo 577 no Recicla Fortaleza e 121 no E-Carroceiro. E, juntos, já distribuíram R$ 793.935,49 em benefícios este ano.

Trabalho reforçado

Vale destacar que a Prefeitura de Fortaleza lançou na última terça-feira (10/05) um pacote de R$ 60 milhões em investimentos para recuperação de vias, incluindo orçamento de R$ 28 milhões destinado para a limpeza urbana. Ao todo, vinte equipes atuarão na limpeza de espaços públicos da Capital, executando serviços de varrição e capinação em vias, praças e areninhas, por exemplo. A ação contemplará 208 logradouros, sendo 90 deles de maior fluxo. A operação terá início nas principais avenidas, passando, posteriormente, aos espaços públicos, e, por fim, às vias secundárias.

Recursos hídricos

A Prefeitura de Fortaleza também trabalha na preservação dos recursos hídricos a partir da limpeza constante dos mananciais da cidade. Só no primeiro quadrimestre de 2022, já foram recolhidas mais de 32 mil toneladas de lixo e aguapés em recursos hídricos como canais, lagoas e bocas de lobo. A ação tem como objetivo manter os recursos hídricos limpos e conter riscos de inundação e alagamento. Neste período, foram limpos 144 canais e lagoas e desobstruídas 2.657 bocas de lobo.

Os serviços são executados por equipes de trabalhadores e o auxílio de retroescavadeiras, escavadeiras hidráulicas e caminhões multiuso. Além de lixo, as ações de limpeza recolhem móveis velhos, dejetos, recicláveis e aguapés.

População parceira

A Prefeitura alerta para a importância da parceria entre poder público e população, já que há locais específicos para o acondicionamento adequado do lixo. A gestão municipal realiza a coleta domiciliar de maneira sistemática, três vezes por semana em todos os bairros da Capital, ocorrendo às segundas, quartas e sextas-feiras ou nas terças, quintas e sábados. A população pode verificar o dia correto da coleta no seu bairro pelo aplicativo Fortaleza + Limpa.

Atitudes conscientes como essas podem mudar a realidade da Cidade, já que o descarte irregular do lixo gera impactos negativos ao meio ambiente e à população, contribuindo para problemas como entupimentos de canais e redes de esgotos, e, consequentemente, alagamentos, além da proliferação de doenças devido ao acúmulo de sujeira.

Publicado em Fortaleza
Aterro da Praia de Iracema após a operação de limpeza.
Aterro da Praia de Iracema após a operação de limpeza Révillon 2020.

A Prefeitura Municipal de Fortaleza finalizou, na tarde desta quarta-feira (01/01), a operação de limpeza por ocasião do Réveillon 2020. A ação, coordenada pela Secretaria Regional II e pela Secretaria de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), contou com reforços nos serviços de limpeza urbana e conservação ao longo da orla da cidade e no Aterro da Praia de Iracema. Ao todo, foram recolhidas 80 toneladas de lixo do Aterro da Praia de Iracema, numa extensão de 169.831 m².

Durante a operação, agentes realizaram trabalhos de capinação, varrição e catação de resíduos sólidos nas áreas de galerias de sarjeta, calçada e faixa de areia. A mobilização é um complemento dos serviços que a Prefeitura já realiza sistematicamente todos os dias da semana na região. As intervenções aconteceram em toda a extensão da Avenida Beira Mar, desde o Mercado dos Peixes, Náutico Atlético Cearense, passando pelo Aterro da Praia de Iracema e finalizando no Centro Cultural Dragão do Mar.

A ação contou com um contingente operacional de 477 colaboradores. Foram utilizados equipamentos como pá mecânica, varredeira, compactador, microcoletor, carro pipa, caçamba e contêineres. Com uma mão de obra redobrada, o processo de limpeza foi intensificado nos principais trechos da Praia de Iracema (faixa de areia, calçadão, aterro, Beira Mar, Avenida Historiador Raimundo Girão, Abolição e Monsenhor Tabosa).

Publicado em Fortaleza
Ilha de Reciclagem
O novo pacote de melhorias prevê a ampliação da infraestrutura

O prefeito Roberto Cláudio apresenta, nesta terça-feira (03/12), às 9h, durante coletiva de imprensa no Paço Municipal, o novo programa de ações de coleta seletiva e limpeza urbana a ser implantado ao longo de 2020 em Fortaleza. Também será apresentado um balanço dos avanços alcançados com as melhorias implantadas na cidade durante a atual gestão municipal no sentido de tornar a cidade cada vez mais consciente quanto ao descarte correto de recicláveis e resíduos sólidos.

Coordenado pela Secretaria Municipal da Conservação e Serviços Públicos (SCSP), o novo pacote de melhorias prevê a ampliação da infraestrutura, campanhas de conscientização e aperfeiçoamento dos projetos sociais, com o objetivo de oferecer para a população mais alternativas para a correta destinação de resíduos e mitigar os impactos dos resíduos no meio ambiente.

Dentro desse projeto para a melhoria da limpeza na cidade e conscientização da população, já em execução desde 2015, Fortaleza já conta ao todo com 65 Ecopontos implantados em todas as Regionais, oferecendo ao cidadão o benefício do programa Recicla Fortaleza, que dá crédito para desconto na conta de energia elétrica pela troca de resíduos recicláveis.

Com os 65 Ecopontos em funcionamento, até o momento, já foram coletadas mais de 120 mil toneladas de materiais recicláveis. Como resultado, o programa Recicla Fortaleza gerou um benefício total de R$ 613.706,37 distribuídos na conta de energia para um total de 26.507 usuários cadastrados no sistema. Levando em consideração os recicláveis, atualmente, os Ecopontos que mais recebem esse tipo de resíduo são Sapiranga, Fátima, Varjota, Messejana, Leste Oeste e Barra do Ceará.

Serviço
Anúncio de novas ações de coleta seletiva e limpeza urbana para Fortaleza
Data: 03/12 (terça-feira)
Horário: 9h
Local: Paço Municipal – Auditório (Rua São José, 01 – Centro)

Publicado em Meio ambiente
O residencial está com 98% de obras concluídos
Além das 1.111 unidades da primeira etapa, a segunda etapa terá outros 317 apartamentos

Começa nesta semana um trabalho de requalificação do entorno do residencial Alto da Paz, no Vicente Pinzón (Regional II). A intervenção, que envolve as ruas Ismael Pordeus e José Setúbal Pessoa, contará com a instalação de um ecoponto, reestruturação de calçadas e construção de equipamentos de esportes e lazer, além de limpeza permanente da área, que será a primeira ação do projeto.

A requalificação do entorno do residencial foi definida em reunião, na última na sexta-feira, (11/10), com representantes das secretarias municipais do Desenvolvimento Habitacional (Habitafor), da Infraestrutura (Seinf), da Conservação e Serviços Públicos (SCSP) e da Autarquia, Regulação, Fiscalização e Controle dos Serviços Públicos de Saneamento Ambiental (AcFor), além de dirigentes da Ecofor e Forvias.

No encontro, eles definiram o cronograma das atividades, que começa com a limpeza do local e a elaboração do projeto, para em seguida, iniciar as ações estruturais. “Com a concessionária, a gente avaliará sobre a remoção dos containers dessa área e garante total acesso à coleta de lixo. Se houver alguma situação por falta de informação, nós entraremos com a educação ambiental. E, no segundo momento, com o ciclomonitoranento”, afirmou o diretor de resíduos da AcFor, Valdemberg Lima.

A requalificação do entorno do residencial Alto da Paz prevê também orientações e ajuda no descarte do lixo, reforço na iluminação pública, plantio de mudas de árvores e opções de diversão com a instalação de equipamentos de esporte e lazer.

Publicado em Habitação
homem pesa duas garrafas de cerveja em uma balança
Ecoponto ofererece o benefício do programa Recicla Fortaleza, que dá desconto na conta de energia pela troca de resíduos recicláveis

O prefeito Roberto Cláudio inaugura, nesta sexta-feira (14/06), às 18h, o ecoponto do bairro Aerolândia (Regional VI), atendendo os moradores da região. O novo equipamento é o 59º implantado na cidade e fica localizado na Rua Tenente Roma, esquina com a BR-116, oferecendo o benefício do programa Recicla Fortaleza, que dá desconto na conta de energia pela troca de resíduos recicláveis.

O Ecoponto Aerolândia é o 13º equipamento de incentivo à reciclagem de materiais implantado na área da Regional VI, que também conta com Ecopontos nos bairros Cidade dos Funcionários, Dias Macedo, Edson Queiroz, Jangurussu, Messejana, Parque Dois Irmãos, Paupina, São Bento, Sapiranga, Sítio São João e Tancredo Neves. O equipamento foi concebido a partir de uma parceria entre a Autarquia de Regulação, Fiscalização e Controle de Serviços Públicos de Saneamento Ambiental (AcFor) e a Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP).

Assim como os demais, o novo Ecoponto é um local adequado para o recebimento de pequenas proporções de entulho, restos de poda, móveis e estofados velhos, além de óleo de cozinha, papelão, plásticos, vidros e metais. É lá onde a população pode ter acesso ao benefício do Programa Recicla Fortaleza, que gera desconto na conta de energia pela troca de resíduos recicláveis.

Todos os Ecopontos contam com caçambas para coleta e estrutura administrativa de trabalho para as equipes de limpeza urbana, fiscalização e monitoramento. Os locais oferecem espaço adequado para o descarte correto de pequenas proporções de entulho, restos de poda, móveis e estofados velhos, além de óleo de cozinha, papelão, plásticos, vidros e metais. O funcionamento é de segunda-feira a sábado, sempre de 8h às 12h e de 14h às 17h.

Com o novo equipamento, a Cidade conta agora com 59 Ecopontos, beneficiando todas as Regionais. Até o final da gestão do prefeito Roberto Cláudio, a expectativa é que Fortaleza conte com um Ecoponto em cada bairro, incentivando cada vez mais o comportamento sustentável.

Serviço
Inauguração do Ecoponto Aerolândia
Data: 14/06 (sexta-feira)
Horário: 18h
Endereço: Rua Tenente Roma, esquina com a BR-116

Publicado em Meio ambiente
População contará com mais esse suporte para facilitar o descarte adequado de lixo.
População contará com mais esse suporte para facilitar o descarte adequado de lixo

Como forma de estimular a educação ambiental e promover práticas de sustentabilidade, a Prefeitura de Fortaleza instalou quatro lixeiras subterrâneas no Mercado dos Peixes, tradicional cartão postal da Cidade localizado no Mucuripe. A implantação das lixeiras, que possuem capacidade de armazenar 4 mil litros, visa tornar o ambiente mais limpo e agradável.

A Prefeitura permanece diariamente realizando duas varrições, coletas de resíduos e, semanalmente, duas higienizações completas no ambiente. Além disso, são realizadas intervenções pontuais de drenagem para limpeza e desobstrução das caixas coletoras de esgotamento sanitário. Também está sendo desenvolvido um trabalho de conscientização com os profissionais que atuam na área, no sentido de orientar o descarte correto e de forma ordenada.

Visando qualificar o atendimento e os produtos comercializados, periodicamente são realizadas dedetizações em todos os boxes. No ano passado, um profissional da Secretaria Regional II foi nomeado para gerenciar e garantir o pleno funcionamento do equipamento. “Essa iniciativa integra um dos eixos da política ambiental da Prefeitura de Fortaleza, que busca facilitar e também educar a população em relação ao descarte adequado do lixo", comentou o titular da Secretaria Regional II, Ferruccio Feitosa.

Publicado em Fortaleza

O prefeito Roberto Cláudio inaugura neste sábado (16/02), a partir das 9h, o Ecoponto do bairro Álvaro Weyne (Regional I). O 55º equipamento da Cidade está localizado na Rua José Acioli, esquina com Avenida Tenente Lisboa, e oferece o benefício de descontos na conta de energia pelo programa Recicla Fortaleza pela troca de resíduos recicláveis.

Com a inauguração do novo Ecoponto, a Regional I conta com 11 equipamentos deste tipo para incentivar a reciclagem de material da região e adjacências. Foi concebido a partir de uma parceria entre a Autarquia de Regulação, Fiscalização e Controle de Serviços Públicos de Saneamento Ambiental (AcFor) e a Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP). O local conta com caçambas para coleta e estrutura administrativa de trabalho para as equipes de limpeza urbana, fiscalização e monitoramento.

Assim como os demais, o novo equipamento oferece local adequado para o descarte correto de pequenas proporções de entulho, restos de poda, móveis e estofados velhos, além de óleo de cozinha, papelão, plásticos, vidros e metais. O funcionamento é de segunda-feira a sábado, sempre de 8h às 12h e de 14h às 17h.

Com o novo equipamento, Fortaleza conta com 55 Ecopontos na cidade, beneficiando todas as Regionais. Até o final da gestão do prefeito Roberto Cláudio, a expectativa é que Fortaleza conte com um Ecoponto em cada bairro, incentivando cada vez mais o comportamento sustentável na cidade.

Serviço
Inauguração do Ecoponto Álvaro Weyne
Data: 16/02 (sábado)
Endereço: Rua José Acioli, esquina com Avenida Tenente Lisboa
Horário: 9h

Publicado em Fortaleza

 

Durante o mutirão, serão realizados plantios de mudas em calçadas do bairro.
Durante o mutirão, serão realizados plantios de mudas em calçadas do bairro

A Prefeitura de Fortaleza promove, nesta sexta-feira (14/12), às 9h30, um mutirão de limpeza e educação ambiental, no bairro Varjota. A ação acontecerá na Rua Frei Mansueto próximo ao Supermercado Frangolândia. A região é um ponto reincidente de depósito irregular de lixo.

Durante o mutirão, uma equipe de colaboradores realizará intervenções de melhorias urbanas, tais como serviços de limpeza com capinação, varrição, pintura de meio fio e retirada de lixo. Após essa força tarefa, educadores ambientais junto com a comunidade farão o plantio de mudas. No local, também serão colocados pneus reciclados.

Em locais com desafios de limpeza urbana, as equipes atuarão focadas na orientação dos moradores sobre horários de coleta e formas corretas de descartar ou acondicionar o lixo.

Na programação, também está prevista visitação às residências e comércios com abordagem educativa com orientações sobre o manuseio correto do lixo e práticas adequadas de manutenção e limpeza urbana. O objetivo é inibir a destinação irregular de resíduos, promover a educação ambiental da população e informar aos órgãos competentes das irregularidades encontradas. A ação tem impacto direto no combate às arboviroses.

A iniciativa ocorre graças a uma parceria entre a Secretaria Regional II, a Secretaria Municipal de Urbanismo e Meio Ambiente (Seuma) e a Secretaria de Conservação e Serviços Públicos (SCSP).

 

Publicado em Fortaleza