A Prefeitura de Fortaleza divulga, por meio da Secretaria Municipal da Educação (SME), nesta segunda-feira (18/04), o resultado da seleção dos alunos que atuarão como monitores do programa Bolsa Nota Dez neste ano letivo. Nesta etapa, foram selecionados 1.484 alunos, matriculados no 8º e 9º anos do Ensino Fundamental e na última etapa da Educação de Jovens e Adultos (EJA). Além destes, 16 alunos finalistas da X Feira Municipal de Ciências e Cultura de Fortaleza, realizada em 2021, também serão monitores do programa, totalizando 1500 estudantes contemplados.

Os estudantes aprovados devem procurar a direção da sua unidade escolar para iniciar as atividades como monitor. Cada aluno selecionado receberá uma bolsa de R$ 200.

Os alunos foram selecionados por uma comissão formada por representantes da comunidade escolar (representação de professores, funcionários, pais) podendo ser o Conselho Escolar. Foram observados aspectos como frequência escolar e as notas obtidas nas avaliações diagnósticas e internas.

Bolsa Nota Dez

O Programa Bolsa Nota Dez tem o objetivo de potencializar o conhecimento dos alunos, por meio da monitoria de atividades desenvolvidas, voltadas para o fortalecimento das ações pedagógicas e de projetos das unidades escolares.

A ação, que já ofertou 2.000 vagas em 2021, é um compromisso assumido no Plano de Governo e tem como propósito fortalecer o aprendizado e conceder bolsas de monitoria aos alunos do Ensino Fundamental.

A monitoria é realizada por meio de atividades de ensino e aprendizagem, que contribuem para a formação integral do estudante e despertam o interesse por uma maior absorção de conhecimento, além de contribuir no desempenho estudantil do aluno monitor e do aluno monitorado, visando o compartilhamento de conhecimento e colaboração mútua e, ainda, criando um networking entre os próprios alunos.

As atividades de monitoria do Programa Bolsa Nota Dez ocorrem no turno que o aluno está regularmente matriculado e/ou no contraturno das aulas escolares, com duração máxima de 12 horas semanais.

Informações sobre o programa e o resultado da seleção


Publicado em Educação
aluna usando máscara
O Programa Bolsa Nota Dez tem o objetivo de potencializar o conhecimento dos alunos, por meio da monitoria de atividades desenvolvidas (Foto: Alcides Freire)

A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Secretaria Municipal da Educação (SME), divulga, nesta sexta-feira (12/11), o resultado da seleção de alunos que atuarão como bolsistas do Programa Bolsa Nota Dez, por meio da atividade de monitoria nas unidades escolares que ofertam o Programa Integração Juventude Digital (JD 9º ano).

Os estudantes aprovados devem procurar a direção da sua unidade escolar para iniciar as atividades como monitor. Ao todo, foram selecionados 500 alunos, do 9º ano e última etapa da Educação de Jovens e Adultos (EJA), matriculados na Rede Municipal. Cada aluno selecionado receberá uma bolsa de R$ 200.

A seleção dos alunos foi realizada por uma comissão formada por representantes da comunidade escolar (representação de professores, funcionários, pais), na qual foram observados aspectos como frequência escolar e as notas obtidas nas avaliações diagnósticas e internas.

Mais informações: http://intranet.sme.fortaleza.ce.gov.br/

Bolsa Nota Dez

O Programa Bolsa Nota Dez tem o objetivo de potencializar o conhecimento dos alunos, por meio da monitoria de atividades desenvolvidas, voltadas para o fortalecimento das ações pedagógicas e de projetos das unidades escolares.

A monitoria será realizada por meio de atividades de ensino e aprendizagem, que contribuem para a formação integral do estudante e despertam o interesse por uma maior absorção de conhecimento, além de contribuir no desempenho estudantil do aluno monitor e do aluno monitorado, visando ao compartilhamento de conhecimento e colaboração mútua e, ainda, criando um networking entre os próprios alunos.

As atividades de monitoria do Programa Bolsa Nota Dez poderão ocorrer no turno que o aluno está regularmente matriculado e/ou no contraturno das aulas escolares, com duração máxima de 12 horas semanais.

Juventude Digital

O programa tem como foco a inclusão digital e a geração de emprego e renda. A meta é abrir 4 mil vagas para capacitação gratuita somente este ano e 12.500 por ano a partir de 2022. O programa é dividido em três eixos: JD 9º ano, voltado para alunos da rede municipal; JD Mercado, com cursos de programação e design; e JD Games, com cursos específicos na área de jogos digitais, em parceria com o Sebrae-CE. Todos serão gratuitos e realizados nos formatos on-line, presencial e híbrido.

No caso do JD 9º ano, os conteúdos voltados à tecnologia digital serão aplicados nas próprias escolas, onde já funcionam as Salas de Inovação Educação, em parceria com a Google. O conteúdo digital entra como componente curricular para iniciar antecipadamente a preparação do jovem para o mercado digital.

 

Publicado em Educação