A Casa da Cultura Digital (CCD), equipamento da Fundação de Ciência, Tecnologia e Inovação (Citinova), em parceria com o Instituto de Tecnologia e Treinamento do Nordeste (ITTN) está com inscrições abertas para curso de mobile game, que objetiva capacitar profissionais no uso da ferramenta Unity 3D no desenvolvimento de jogos para platafaforma mobile. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas diretamente na CCD, até sexta-feira (01/09). A aula inaugural ocorre no próximo dia 4 de setembro, às 16h. 

Com duração de 90 dias, o curso será oferecido em duas turmas, com 10 vagas cada. A primeira turma terá aulas às terças e quintas-feiras e a segunda turma às quartas e sextas-feiras, das 14h às 16h. O curso é disponível para maiores de 16 anos e exige conhecimento prévio em informática. As aulas serão ministradas pelo professor Edward Facundo, do ITTN.

Na matriz curricular do curso, o conteúdo a ser estudado é: Unity 3D e o mercado; Bases da Programação; Mundo Unity 3D; Scripting em Unity 3D; Implementando Jogos I; Física; Elementos 2D; Implementando
Jogos II; Sistema de Partículas; Level Design; Sound System; Deploy; Projeto Final.

Serviço:
Casa da Cultura Digital
Rua dos Pacajús, 33 – Praia de Iracema
Telefone para contato: 85 3219.5938

Publicado em Tecnologia
citinova
O especialista em cidades inteligentes Renato de Castros destacou a importância da comunicação, da democratização e da responsabilidade das pessoas

A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Fundação de Ciência, Tecnologia e Inovação (Citinova), realizou, nesta quinta-feira (24/08), o Workshop “Cidades Inteligentes e Humanas: Caminhos para Fortaleza”, que reuniu gestores do Município para discutir e compartilhar avanços tecnológicos e estratégias de soluções para as cidades, contemplando áreas como educação, saúde, segurança pública, transporte, energia, monitoramento ambiental, desenvolvimento sustentável, dentre outras.

O especialista em cidades inteligentes Renato de Castro citou diversos países e suas realidades, bem como a importância da comunicação, da democratização e da responsabilidade das pessoas. Para o especialista, “cidades inteligentes podem ser verdadeiros laboratórios para desenvolver, testar e aperfeiçoar os novos modelos de vida”.

Segundo o presidente da Citinova, Cláudio Ricardo, o Workshop é um momento de integração, inovação e planejamento da Prefeitura. “Queremos fazer com que a tecnologia seja um fator de redução de desigualdade social em nossa cidade”, ressaltou.

A programação também contou com um vídeo que mostrava crianças falando de suas visões para o futuro. Para a secretária de Urbanismo e Meio Ambiente, Àgueda Muniz, o conceito de cidades inteligentes tem um objetivo mais amplo, que é tornar a vida do cidadão mais fácil na cidade. “Queremos tornar Fortaleza em uma cidade de oportunidades”, explicou.

Publicado em Tecnologia

A Prefeitura de Fortaleza realiza, nesta quinta-feira (24/08), às 9h, no Paço Municipal, o workshop “Cidades Inteligentes e Humanas: Caminhos para Fortaleza”. O consultor Renato de Castro, especialista em Cidades Inteligentes (Smart Cities) e transformações digitais, vai tratar sobre os conceitos e oportunidades de negócios para as cidades inteligentes que podem ser aplicados em Fortaleza. O encontro, organizado pela Fundação de Ciência, Tecnologia e Inovação (Citinova), contará com a presença de gestores municipais.

Renato de Castro é idealizador e membro do conselho consultivo do projeto City SmartUp, que tem como objetivo promover promoção, negócios e investimentos entre Cidades Inteligentes. O palestrante vai tratar de temas como inclusão social, inclusão digital, hipercidades, inteligência artificial e Smart Cases pelo mundo.

A programação tem como um dos objetivos principais compartilhar avanços tecnológicos, aplicações, estratégias de governança e soluções para as cidades, contemplando áreas como educação, saúde, segurança pública, transporte, energia, monitoramento ambiental, desenvolvimento sustentável, dentre outras.

Serviço:
Workshop Cidades Inteligentes e Humanas: Caminhos para Fortaleza
Data: 24/08 (quinta-feira)
Horário: 9h às 12h
Local: Auditório Paço Municipal (Rua São José, 01 - Centro)

 

Publicado em Tecnologia
Inauguração
Solenidade ocorreu na noite de quinta-feira (17/08)

O prefeito Roberto Cláudio participou da inauguração do Centro de Tecnologia e Inovação Multilaser (CTIM), na noite desta quinta-feira (17/08). O CTIM desenvolverá projetos em parceria com instituições de pesquisa científica e tecnológica e universidades da região, criando novos talentos no âmbito da pesquisa e desenvolvimento na área de Tecnologia da informação e Comunicação (TIC) e incentivando o empreendedorismo por meio do fomento de startups. “Cada vez que abre um espaço como esse, para produzir conhecimento e novos negócios na área de TI, são criadas novas oportunidades, buscando soluções para os problemas da cidade. Essa é a grande motivação do envolvimento da Citinova junto a este Centro”, afirmou Roberto Cláudio.

Durante a solenidade, foi assinado o termo de cooperação entre a Citinova e o Instituto de Tecnologia e Treinamento do Nordeste (ITTN), visando à implementação de ações conjuntas no âmbito da pesquisa, desenvolvimento e inovação no município de Fortaleza e de capacitações na área de TIC. Inicialmente, um curso de capacitação para o desenvolvimento de jogos para dispositivos móveis será promovido nas instalações da Casa da Cultura Digital e beneficiará estudantes da rede pública de ensino.

De acordo com o presidente da Citinova, Cláudio Ricardo, o CTIM é importante para o crescimento da economia da cidade. “O Centro congrega as universidades, pesquisadores e o poder público, buscando soluções tecnológicas para a população”, explicou.

Publicado em Tecnologia
citinova
As inscrições estão abertas até o dia 20 de agosto

A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Fundação de Ciência, Tecnologia e Inovação (Citinova), abre, a partir do dia 14 de agosto, as inscrições para o preenchimento de 19 bolsas para o desenvolvimento na área tecnológica. Estas são mais oportunidades para quem quer atuar nos projetos da Rede Municipal de Qualificação, Plataforma de Gerenciamento de Ocorrências e alertas ao cidadão, estruturação da Internet das Coisas, entre outros. As inscrições serão realizadas até o dia 20 de agosto.

A seleção dos candidatos será por meio de processo seletivo simplificado, através de análise curricular e entrevista. Os interessados deverão encaminhar os currículos para o e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo., junto ao formulário da ficha de inscrição que se encontra em anexo ao Edital e a seguinte documentação: cópia do RG e CPF; cópia do comprovante de endereço (conta de energia ou IPTU); currículo e suas comprovações; certificado de cursos extracurriculares realizados a partir de 40h, se houver; declaração ou comprovante de experiência profissional na área de tecnologia a que pretende concorrer, com especificação de tempo, se houver.

As vagas para contratos temporários, que vão de 4 a 12 meses, variam de R$800 a 3,5 mil e são para programador web, programador mobile, web designer, analista de sistemas, gerente de projetos, administrador de banco de dados, designer, graduando na área de tecnologia, analista e programador mobile, designer de interação, modelagem.

Clique aqui para acessar o Edital nº 001/2017 – Seleção de Bolsistas para Projetos Inovadores e ter mais informações sobre requisitos, atribuições, cronograma e processo seletivo. Eventuais dúvidas poderão ser esclarecidas ligando para 3433.9344.

Publicado em Tecnologia
Angola
Solenidade contou com a participação do vice-prefeito Moroni Torgan e do governador Camilo Santana (Foto: Kiko Silva)

O vice-prefeito Moroni Torgan e o governador Camilo Santana participaram da solenidade que marca o início das obras do Data Center da empresa Angola Cables, inserida no Parque Tecnológico da Praia do Futuro, nesta segunda-feira (10/07).

A parceria da Prefeitura com a empresa Angola Cables resultou na instalação de duas estações de cabos submarinos de fibra óptica e um Data Center de porte internacional (tipo Tier 3), o primeiro deste porte nas regiões Norte/Nordeste do País. Com essa estrutura, Fortaleza passa a ter condições de exportar conteúdos digitais brasileiros para a América do Norte e, futuramente, para a África (Luanda). A expectativa é de que, em poucos anos, a Cidade esteja interligada aos continentes da Europa e Ásia, tornando-se um importante Hub do setor de Telecomunicações.

“Este é um momento ímpar para a Cidade. Com o Data Center, vamos colocar em Fortaleza uma vitrine para expor nossos produtos tecnológicos para todo o mundo, garantindo, inclusive, mais emprego e renda”, destacou Moroni Torgan.

O governador Camilo Santana afirmou que o empreendimento prevê investir US$ 50 milhões até o fim deste ano nos três projetos que possui em Fortaleza: construção de uma estação do South Atlantic Cable System (Sacs), o Data Center e o sistema Monet, cabo submarino com tecnologia de fibra óptica que liga Santos (SP) a Miami (EUA), passando por Fortaleza. “Em um momento tão difícil que o Brasil está vivendo, um investimento deste porte representa muito para a Cidade e para o Estado. Vamos deixar Fortaleza conectada com o mundo inteiro e abrir as portas de Fortaleza para as oportunidades e conectividade”, disse.

Em razão da sua posição geográfica privilegiada e estratégica, próxima dos continentes europeu e africano, assim como dos Estados Unidos, a capital cearense já conta com oito cabos submarinos de fibra óptica instalados, contabilizando 15 pontos de entrada e saída desses cabos. A perspectiva é transformar Fortaleza um dos principais centros de tecnologia do Brasil. “O objetivo é usar esse polo de comunicação para promover o surgimento de uma série de negócios com impactos diretos na economia local. O início da construção já trouxe visibilidade para outras empresas do Brasil descobrirem as vantagens para investirem também aqui”, explicou o secretário do Desenvolvimento Econômico de Fortaleza, Mosiah Torgan.

O Município possui um total de 52.710 empresas ativas, bem como o maior número de empresas ligadas à área de tecnologia na Região Nordeste, com 599 no total (RAIS/MTE, 2015). Esses dados reforçam a capacidade de atrair empresas do segmento, o que permitirá gerar mais empregos diretos de alta qualidade, além de incrementar a geração de tributos na Cidade, favorecendo seu desenvolvimento.

A atração de investidores do setor tecnológico em Fortaleza conta com a concessão de incentivos fiscais às empresas participantes do Programa de Apoio ao Desenvolvimento de Parques Tecnológicos e Criativos de Fortaleza (ParquFor), conforme prevê a Lei nº 205/2015.

O ParqFor tem como objetivo incentivar o desenvolvimento sustentável econômico e tecnológico do Município, por meio de apoio a empreendimentos produtivos que desenvolvam atividades econômicas de base tecnológica e criativa, instaladas nas áreas de incentivo do Programa, tais como as Áreas Parques, Zonas Especiais de Dinamismo Urbano Social (Zedus) e as Instituições de Ensino Superior conveniadas. Com isso, permite que a Cidade possa gerar novos ambientes para abrigar empresas inovadoras e gerar empregos mais qualificados para a população de Fortaleza. Atualmente, o ParqFor possui oito Instituições de Ensino Superior e quatro áreas cadastradas como áreas Parques Tecnológicos e Criativos (Praia do Futuro, campus e entorno da Uece, Centroe Francisco Sá), além de nove empresas inscritas no Programa que geraram 1.002 empregos diretos e com arrecadação de ISSQN na ordem de 1,7 milhão, dados de 2016.

Saiba Mais
As empresas que se interessarem em aderir ao do ParqFor devem se dirigir à sede da Secretaria Municipal do Desenvolvimento Econômico (Rua Tibúrcio Cavalcante, 1233 – Aldeota) e apresentar os formulários de inscrição na Coordenadoria de Projetos e Desenvolvimento Econômico. Para mais informações, enviar e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ou 3452.6236.

Sobre a Angola Cables
Angola Cables é uma empresa de telecomunicações, fundada em 2009, tendo como acionistas as principais operadoras de telecomunicações angolanas. A companhia dedica-se à comercialização de capacidade em circuitos internacionais de voz e dados por cabos submarinos de fibra óptica. O mais recente projeto da empresa é a construção de um cabo, o Monet, que vai ligar Angola e Brasil aos Estados Unidos até 2017. Com a instalação de uma Estação de Cabos Submarinos em Fortaleza a empresa inicia também o processo de implementação do Projeto SACS – South Atlantic Cables System, cabo submarino de fibra óptica, que ligará o Brasil ao continente Africano, por meio das cidades de Fortaleza e Luanda. A empresa é associada ao projeto Kitabanga, que busca a conservação de tartarugas marinhas, além de apoiar o esporte náutico, por meio do patrocínio a embarcações de vela, como o barco Mussulo III, que está ancorado no Brasil, participando dos principais campeonatos de regatas do País. Para mais informações, acesse: www.angolacables.co.ao.

Publicado em Economia

A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Secretaria Municipal do Desenvolvimento Econômico (SDE), participará nesta segunda-feira (10/07), às 15h30, na Praia do Futuro, da solenidade que marca o início das obras do Data Center da empresa Angola Cables, inserida no Parque Tecnológico da Praia do Futuro. 

A parceria da Prefeitura com a empresa Angola Cables resultou na instalação de duas estações de cabos submarinos de fibra óptica e um DataCenter de porte internacional (Data Center tipo Tier 3), o primeiro deste porte nas regiões Norte/Nordeste do País. Com essa estrutura, Fortaleza passa a ter condições de exportar conteúdos digitais brasileiros para a América do Norte e, futuramente, para a África (Luanda). A expectativa é de que, em poucos anos, a Cidade estará interligada aos continentes da Europa e Ásia, tornando-se um importante Hub do setor de Telecomunicações.

Em razão da sua posição geográfica privilegiada e estratégica, próxima dos continentes europeu e africano, assim como dos Estados Unidos, a capital cearense já conta com oito cabos submarinos de fibra óptica instalados, contabilizando 15 pontos de entrada e saída desses cabos. A perspectiva é transformar Fortaleza um dos principais centros de tecnologia do Brasil. “O objetivo é usar esse polo de comunicação para promover o surgimento de uma série de negócios com impactos diretos na economia local”, explica o secretário do Desenvolvimento Econômico de Fortaleza, Mosiah Torgan.

O Município possui um total de 52.710 empresas ativas, bem como o maior número de empresas ligadas à área de tecnologia na Região Nordeste, com 599 no total (RAIS/MTE, 2015). Esses dados reforçam a capacidade de atrair empresas do segmento, o que permitirá gerar mais empregos diretos de alta qualidade, além de incrementar a geração de tributos na Cidade, favorecendo seu desenvolvimento.

A atração de investidores do setor tecnológico em Fortaleza conta com a concessão de incentivos fiscais às empresas participantes do Programa de Apoio ao Desenvolvimento de Parques Tecnológicos e Criativos de Fortaleza (ParquFor), conforme prevê a Lei nº 205/2015.

O ParqFor tem como objetivo incentivar o desenvolvimento sustentável econômico e tecnológico do Município, por meio de apoio a empreendimentos produtivos que desenvolvam atividades econômicas de base tecnológica e criativa, instaladas nas áreas de incentivo do Programa, tais como as Áreas Parques, Zonas Especiais de Dinamismo Urbano Social (Zedus) e as Instituições de Ensino Superior conveniadas. Com isso, permite que a Cidade possa gerar novos ambientes para abrigar empresas inovadoras e gerar empregos mais qualificados para a população de Fortaleza. Atualmente, o PARQFOR possui oito Instituições de Ensino Superior e quatro áreas cadastradas como áreas Parques Tecnológicos e Criativos (Praia do Futuro, campus e entorno da Uece, Centroe Francisco Sá), além de nove empresas inscritas no Programa que geraram 1.002 empregos diretos e com arrecadação de ISSQN na ordem de 1,7 milhão, dados de 2016.

Saiba Mais
As empresas que se interessarem em aderir ao do ParqFor devem se dirigir à sede da Secretaria Municipal do Desenvolvimento Econômico (Rua Tibúrcio Cavalcante, 1233 – Aldeota) e apresentar os formulários de inscrição na Coordenadoria de Projetos e Desenvolvimento Econômico. Para mais informações enviar email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ou 3452.6236.

Sobre a Angola Cables
Angola Cables é uma empresa de telecomunicações, fundada em 2009, tendo como acionistas as principais operadoras de telecomunicações angolanas. A companhia dedica-se à comercialização de capacidade em circuitos internacionais de voz e dados por cabos submarinos de fibra óptica. O mais recente projeto da empresa é a construção de um cabo, o MONET, que vai ligar Angola e Brasil aos Estados Unidos até 2017. Com a instalação de uma Estação de Cabos Submarinos em Fortaleza a empresa inicia também o processo de implementação do Projeto SACS – South Atlantic Cables System, cabo submarino de fibra óptica, que ligará o Brasil ao continente Africano, por meio das cidades de Fortaleza e Luanda. A empresa é associada ao projeto Kitabanga, que busca a conservação de tartarugas marinhas, além de apoiar o esporte náutico, por meio do patrocínio a embarcações de vela, como o barco Mussulo III, que está ancorado no Brasil, participando dos principais campeonatos de regatas do País. Para mais informações, acesse: www.angolacables.co.ao

Serviço
Solenidade de assinatura de contrato de parceria com a empresa Angola Cables
Dia: Segunda-feira (10/07)
Horário: 15h30
Local: Rua Trajano de Medeiros, 1851 – Praia do Futuro

Publicado em Economia

A Casa da Cultura Digital divulga a programação de junho. Entre as atividades ofertadas, destaca-se o programa Educar Digital, que recebe alunos da Rede Municipal de Ensino, às segundas e quartas–feiras. Os jovens terão acesso ao conhecimento de ferramentas tecnológicas, programas educativos, introdução a softwares, conhecimento e noções básicas de hardwares, princípios de metarreciclagem em tecnologias, cultura maker e novas mídias. Além disso, eventos, palestras e oficinas em tecnologia acontecem durante o mês, enriquecendo o conhecimento do público em geral. As inscrições são gratuitas e devem ser feitas presencialmente na Casa da Cultura Digital, que fica localizada na Praia de Iracema.

O programa "Letramento Digital", que ocorre dias 22 e 28 de junho, é voltado para crianças a partir de 5 anos e visa estimular a criatividade, leitura, linguagem, raciocínio lógico, pensamento crítico e a socialização.

No dia 27 de junho, alunos e professores da Universidade Estácio do Ceará (FIC) conhecerão o desenvolvimento de jogos e cultura digital. Para encerrar o mês, o São João Digital marcará as festividades juninas, com apresentações tecnológicas em animação 3D e pescaria digital.

Serviço:
Casa da Cultura Digital
Endereço: Rua dos Pacajus, 33 – Praia de Iracema
Informações: (85) 3219.5938

Programação completa

Dia 07 de junho das 8h às 12h – Semana Nacional do Meio Ambiente - Visita guiada com o tema "Meio Ambiente e Tecnologia", voltada para os alunos do curso de Tecnologia da Escola Estadual de Educação Profissional Presidente Roosevelt

Dia 12 de junho das 8h às 16h – Programa Educar Digital - cursos de tecnologia

Dia 13 de junho das 14 às 17h – Palestra Marketing Digital - "Como construir uma estratégia para aquisição de novos clientes", voltada para empreendedores, universitários, entusiastas e empresários

Dia 19 de junho dás 8h às 16h – Programa Educar Digital - cursos de tecnologia

Dia 20 de junho das 8h às 12h – Semana Nacional do Meio Ambiente - Visita guiada com o tema "Meio Ambiente e Tecnologia", voltada para os alunos do curso de Tecnologia da Escola Estadual de Educação Profissional Julia Giffoni

Dia 21 de junho das 8h às 16h – Programa Educar Digital - cursos de tecnologia

Dia 22 de junho das 14 às 17h – Programa Letramento Digital - aividade com a utilização da tecnologia, de forma lúdica, a estimular a criatividade, a leitura, a linguagem, o desenvolvimento do raciocínio lógico

Dia 24 de junho das 8h às 16h – Casa Mágica- Evento de cultura digital, jogos, RPG, animes e quadrinhos

Dia 26 de junho das 8h às 16h – Programa Educar Digital - cursos de tecnologia

Dia 27 de junho das 14 às 17h – Hub de Jogos - Encontro da comunidade de desenvolvimento de jogos, alunos e professores

Dia 28 de junho das 8h às 16h – Programa Educar Digital - cursos de tecnologia

Dia 28 de junho das 14 às 17h – Programa Letramento Digital - atividade com a utilização da tecnologia, de forma lúdica, a estimular a criatividade, a leitura, a linguagem, o desenvolvimento do raciocínio lógico

Dia 30 de junho das 19h às 22h - 1º São João da Casa da Cultura Digital - Uma noite com atividades juninas e apresentações tecnológicas em animação 3D e pescaria digital, na área externa da Casa da Cultura Digital, em parceria com a Comunidade Local e Centro Cultural Belchior.

 

Publicado em Tecnologia

O Dia Mundial da Internet é comemorado dia 17 de maio e para lembrar a data a Casa da Cultura Digital realizará uma extensa programação local. Nesta quarta-feira, o equipamento da Prefeitura de Fortaleza, vinculado à Fundação de Ciência Tecnologia e Inovação, promoverá diversas atividades para festejar a data. O Dia da Internet foi estabelecido pela Organização das Nações Unidas, em 2006, na data em que anteriormente se comemorava o Dia Internacional das Telecomunicações e o Dia Mundial da Sociedade de Informação. Seu objetivo é proporcionar uma reflexão sobre as potencialidades e desafios das novas tecnologias na vida dos cidadãos.

Com o apoio do Instituto de Tecnologia, Inovação e Cultura Digital (ITIC), serão realizadas palestras com os seguintes temas: "história da internet" e "a internet das coisas". Também serão exibidos vídeos sobre a evolução da rede mundial de computadores. As palestras acontecerão de 8h às 12h. No período da tarde, das 14h às 19h, a Casa da Cultura Digital acolhe o "Scrath Day", nova linguagem de programação que permite ao usuário criar suas próprias histórias interativas, animações, jogos, música e arte. O evento reúne jovens da comunidade Scratch para que compartilhem projetos e troquem experiências digitais.

Na quinta-feira (18/05), a programação ocorre de 8h às 16h com palestras e exibição de vídeos. Já na sexta-feira (19/05), a Casa da Cultura Digital será palco do Google I/O Extended, evento mundial que apresenta os novos produtos e tecnologias desenvolvidos pelo Google. Segundo Neto Muniz, gerente de Cidadania Digital, da Citinova e responsável pela Casa, o objetivo do evento é “promover o ativismo digital, o engajamento e a colaboração, visando a disseminação dos valores digitais”. O Google I/0 também recebe o apoio do ITIC.

Serviço:
Dia Mundial da Internet
Quarta-feira (17/05)
8h às 12h – Palestras: História da internet, a internet das coisas e exibição de vídeos sobre a evolução da rede mundial de computadores
14h às 19h - Scrath Day
Quinta-feira (18/05)
8h às 16h – Palestras: História da internet, a internet das coisas e exibição de vídeos sobre a evolução da rede mundial de computadores
Sexta-feira (19/05)
8h às 16h - Google I/O Extended

 

Publicado em Tecnologia

Seminário
O secretário do Desenvolvimento Econômico de Fortaleza, Mosiah Torgan,ministrou palestra para mais de 400 profissionais (Foto: Thiago Gaspar)
Fortaleza como hub internacional de telecomunicação e serviços de nuvem: incentivos e vocação da cidade. Esse foi o panorama apresentado na última quarta-feira (05/04), durante o 6° Congresso RTI de Provedores de Internet e o 8° Congresso RTI de Data Centers, no Hotel Praia Centro & Convenções. O evento é apoiado pela Prefeitura de Fortaleza, por meio da Secretaria Municipal do Desenvolvimento Econômico (SDE).

Na abertura do evento, o secretário do Desenvolvimento Econômico de Fortaleza, Mosiah Torgan, ministrou palestra para mais de 400 profissionais, a maioria provedores de Internet do Ceará e estados vizinhos, além de gerentes de tecnologia da informação  (TI) e data centers de grandes empresas da região, como bancos, órgãos públicos e indústrias.

Além de dados econômicos da Cidade, que apresenta o segundo maior PIB da região Nordeste, com um total de R$ 49,7 bilhões, Fortaleza também possui a maior concentração de cabos submarinos de fibra óptica da América. Em razão da sua posição geográfica privilegiada e estratégica, próxima dos continentes europeu e africano, assim como dos Estados Unidos, a capital cearense já conta com 13 pontos de entrada e saída desses cabos submarinos. A perspectiva é transformar Fortaleza em um Hub de comunicação digital na América Latina e um dos principais centros de tecnologia do Brasil. O objetivo é usar esse polo de comunicação para promover o surgimento de uma série de negócios com impactos diretos na economia local.

O Município possui um total de 52.710 empresas ativas, bem como o maior número de empresas ligadas à área de tecnologia na Região Nordeste, com 599 no total (RAIS/MTE, 2015). Esses dados reforçam a capacidade de atrair empresas do segmento, o que permitirá gerar mais empregos diretos de alta qualidade, além de incrementar a geração de tributos na cidade, favorecendo seu desenvolvimento.

A atração de investidores do setor tecnológico em Fortaleza conta com a concessão de incentivos fiscais às empresas participantes do Programa de Apoio ao Desenvolvimento de Parques Tecnológicos e Criativos de Fortaleza (PARQFOR), conforme prevê a Lei nº 205/2015.

Durante o Congresso, Mosiah Torgan apresentou as parcerias na atração de investimentos para instalações de novos cabos submarinos, além dos cabos Monet e Sacs da empresa Angola Cables. Conforme o secretário, mais quatro cabos submarinos interligará a cidade de Fortaleza com a América Central, Nova York, São Paulo, Luanda, Lisboa e Kribi. Outra parceria foi desenvolvida com a empresa Microsoft para fortalecer o mercado de startups e empreendedorismo do Município.

“O Parque Tecnológico de Fortaleza já possui oito Instituições de Ensino Superior e três áreas cadastras como áreas Parques Tecnológicos e Criativos, além de nove empresas inscritas no programa que geraram 1.002 empregos diretos e uma arrecadação na ordem de 1,7 milhões de Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza ISSQN, em 2016. ”, ressaltou o titular da pasta.

No primeiro dia de evento, o secretário de Telecomunicações do Ministério de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, André Müller Borges, apresentou as iniciativas do Governo Federal para promover a inclusão digital no Brasil. “A rede de transporte de Fortaleza é bastante robusta, com vários serviços avançados, ainda assim, haverá projetos desenvolvidos no Estado. É uma tendência muito grande dos recursos serem direcionados para o Norte e Nordeste do país”, apontou.

Nesta quinta-feira (06/04), novas palestras serão apresentadas com temas mais específicos dos mercados de provedores e data centers, com a participação de empresas locais como Etice – Empresa de Tecnologia da Informação do Ceará, e operadoras Brisanet e Wirelink. Também haverá palestras de especialistas de São Paulo, caso da palestra da Netflix.

O evento conta ainda com uma feira paralela com 40 empresas, fabricantes de cabos ópticos, sistemas de energia, software e outros equipamentos para a infraestrutura de redes e data centers. Serão realizados dois minicursos sobre projeto e instalação de fibra óptica, voltados para os técnicos das empresas.

A grade completa pode ser acessada no site www.arandanet.com.br.

Publicado em Economia