Consolidada como a maior micareta fora de época do País, o Fortal já integra o calendário cultural e turístico da Cidade trazendo grandes nomes do axé, sertanejo e forró em quatro dias de pura diversão. E neste ano, mais uma vez, a Prefeitura de Fortaleza, por meio da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) e Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor), dará todo o suporte operacional ao avento, controlando o tráfego e assegurando o ir e vir do público durante a festa.

Para facilitar o acesso dos foliões, um efetivo diário de 108 agentes e orientadores cidadãos atuará nas proximidades da Cidade Fortal. Quarenta e cinco ônibus extras reforçarão a frota de coletivos para atender a demanda, fazendo a ligação direta entre o Terminal do Papicu e o local do evento.

Trânsito
A operação de trânsito será iniciada a partir de meio-dia com o monitoramento do tráfego e coibição de estacionamento irregular na Av. Aldy Mentor e nos principais rotas de chegada e saída da Cidade Fortal. Agentes e orientadores cidadãos irão trabalhar em conjunto para otimizar o deslocamento do público.

Como não está prevista nenhuma interdição viária, os condutores poderão deixar seus veículos no estacionamento privado disponível no próprio local do evento. Dependendo da estimativa do público, a Autarquia poderá desviar o tráfego da Av. das Castanholeiras para a Av. Santos Dumont no intuito de desafogar o trânsito. Dois reboques estarão à disposição dos agentes, caso haja cometimento de infração.

A AMC orienta que os foliões utilizem táxi ou transporte coletivo para chegar à Cidade Fortal e alerta, aos que optarem por utilizar veículo particular, que não dirijam sob efeito de álcool, estacionem apenas em locais permitidos e saiam de casa com antecedência para evitar maiores transtornos.

Operação Cidadã
A organização do Fortal foi uma das primeiras a aderir a “Operação Cidadã”, que estabelece a contratação de orientadores de tráfego para auxiliar os agentes de trânsito durante eventos com grande demanda de público. Portanto, esses profissionais vão auxiliar a travessia de pedestres e o disciplinamento da circulação devidamente supervisionados pelos agentes da AMC.

Transporte Coletivo
A Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) intensificará a frota de ônibus com o acréscimo de 45 carros reservas que irão fazer a ligação direta do Terminal do Papicu ao local do evento. A operação começa a partir de 14h na próxima quinta-feira (20/07) e vai até domingo (23/07).

Nos dias do evento, a Etufor ampliará os horários de 11 linhas e prolongará o itinerário de três linhas em direção à Cidade Fortal: 831- Papicu/Hospital Geral/Cidade 2000, 832- Papicu/Cidade 2000 e 833- Cidade 2000/Centro. Além disso, a linha Especial 840 - Papicu/Fortal entrará em operação a fim de atender a demanda, interligando o Terminal Papicu e a Cidade Fortal. Os ônibus da linha especial ficarão à disposição do controle operacional do Terminal do Papicu.

Durante o período do evento, a Divisão de Operações (Diope) da Etufor coordenará a operação dos carros reservas nos terminais. O atendimento ao evento será realizado por meio da ligação direta do Terminal de Integração do Papicu à Cidade Fortal e o prolongamento de onze linhas que interligam os Terminais de Integração, uma vez que o Sistema de Transporte Coletivo permite, por meio da integração física e tarifária, uma boa mobilidade.

Prolongamentos provisórios dos horários de 11 (onze) linhas nos dias de evento:

027 - Siqueira/Papicu/Aeroporto
028 - Antônio Bezerra/Papicu
030 - Siqueira/Papicu/13 de Maio
041 - Parangaba / Oliveira Paiva / Papicu
042 - Antônio Bezerra/Francisco Sá/Papicu
045 - Cj Ceará/Papicu/Montese
051 - Grande Circular I
052 - Grande Circular II
076 - Cj Ceará/Aldeota
092 - Antônio Bezerra / Papicu / Praia de Iracema
804 - Aldeota

Os veículos das linhas abaixo deverão cumprir o seguinte prolongamento de itinerário:

831- Papicu/Hospital Geral/Cidade 2000
832- Papicu/Cidade 2000
833- Cidade 2000/Centro

Linhas Corujões que atendem no horário de 00h às 04h e integram no Terminal do Papicu:

023 – Corujão/Edson Queiroz/Papicu
034 – Corujão/Av. Paranjana I
035 – Corujão/Av. Paranjana II
036 – Corujão/Conjunto Ceará/Montese
037 – Corujão/Conjunto Ceará/Aldeota
048 – Corujão/Parangaba/Papicu
054 – Corujão / Praia do Futuro / Caça e Pesca
055 – Corujão / Grande Circular I
056 – Corujão / Grande Circular II

Publicado em Mobilidade

Como parte da campanha “Se beber, não dirija”, lançada pela Prefeitura de Fortaleza em parceria com a Bloomberg Philanthropies, a Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) está intensificando a fiscalização para coibir a prática arriscada de misturar álcool e direção. O objetivo é demonstrar que mesmo uma pequena dose de bebida alcoólica pode comprometer os reflexos e a concentração do condutor, contribuindo para a ocorrência de acidentes graves e fatais. No ano passado, 278 pessoas morreram no trânsito de Fortaleza.

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), um condutor que desrespeita a lei com um copo de cerveja, por exemplo, tem três vezes mais chance de morrer em um acidente do que um condutor sóbrio. Portanto, ao aplicar as leis de trânsito, espera-se promover uma maior conscientização da população e o mais importante: preservar vidas.

Durante a fiscalização, equipes itinerantes percorrem pontos de maior concentração de bares e áreas de grande acidentalidade viária coibindo a irregularidade. As ações são contínuas, devendo ocorrer de segunda a domingo por meio de um trabalho em conjunto que envolve a AMC, Departamento Estadual de Trânsito (Detran), Polícia Rodoviária Estadual (PRE), Polícia Rodoviária Federal (PRF), Policiamento Ostensivo da Capital e Guarda Municipal.

De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB) a tolerância de álcool é zero. Conduzir veículo automotor sob influência de álcool é uma infração de natureza gravíssima X 10, multa no valor de R$ 2.934,70, recolhimento e suspensão da habilitação por 12 meses e retenção do veículo até apresentação de outro condutor habilitado apto a conduzir o veículo. Se a concentração for igual ou superior a 0,30 miligramas de álcool por litro de ar alveolar ou o motorista tenha sinais que indiquem alteração de capacidade psicomotora, o mesmo ainda poderá ser preso. A pena varia de seis meses a três anos.

Em 2016, foram autuados pelos órgãos de trânsito de Fortaleza, AMC, Detran e PRE, um total de 8.718 condutores por dirigir sob efeito do álcool ou por se recusar a fazer o teste do bafômetro.

Ação educativa
Além da fiscalização, haverá abordagem educativa em bares e restaurantes da cidade para alertar o público sobre os riscos dessa combinação perigosa. Educadores de trânsito visitarão locais devidamente identificados distribuindo informativos e esclarecendo as principais dúvidas dos clientes.

Segundo o superintendente do órgão, Arcelino Lima, essa é uma tentativa de aproximar cada vez mais a AMC da população, destacando o papel do educador de trânsito diante de uma temática de extrema importância para a sociedade. “O condutor precisa ter em mente que, sob a ingestão do álcool, ele tanto pode causar um acidente como também ser vítima. O trabalho educativo vem sendo intensificado justamente para promover uma maior conscientização nas pessoas e evitar que mais vidas se percam”, defende.

Publicado em Mobilidade

Tradicional festa que integra o calendário cultural da cidade, o São João de Fortaleza começa nesta sexta-feira (23/06) e vai até domingo (25/05) com a promessa de animar o público com diversos estilos musicais no Aterro da Praia de Iracema. Para controlar o tráfego no entorno do evento e garantir a segurança dos pedestres, a Prefeitura de Fortaleza, por meio da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC), disponibilizará um efetivo diário de 52 agentes.

Com início previsto para 6h, a primeira ação do órgão será coibir o estacionamento na Av. Historiador Raimundo Girão, em frente ao Aterro, no trecho compreendido entre a Rua Ildefonso Albano e Av. Rui Barbosa. A mesma operação acontecerá nas vias transversais situadas dentro desse limite.

A previsão de bloqueio é às 15h, mas pode mudar conforme a demanda dos participantes. Os agentes de trânsito vão interditar a Av. Historiador Raimundo Girão, entre a Rua Ildefonso Albano e Av. Rui Barbosa, assim como os cruzamentos da Av. Monsenhor Tabosa com as vias Carlos Vasconcelos e Barão de Aracati.

A opção de desvio para quem segue no sentido Centro/Aldeota é pela Ildefonso Albano. Já para quem trafega no sentido contrário, Aldeota/Centro, a alternativa é utilizar a Av. Rui Barbosa. Ao final do evento, o efetivo da AMC permanecerá distribuído no local para auxiliar os condutores e promover o controle do fluxo veicular.

Transporte coletivo
Em virtude da realização do São João de Fortaleza, a Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) organiza, de 16h até às 6h do dia seguinte, uma programação especial de 95 ônibus extras nos terminais de integração. Reforçando as 20 linhas que passam pelo local, serão reservados 29 ônibus no Terminal da Parangaba e Antônio Bezerra, 12 no Siqueira, 13 no Papicu, dois para o Terminal da Lagoa e do Conjunto Ceará e oito na Messejana. Os usuários podem utilizar o transporte coletivo, evitando dirigir-se ao local em veículo particular, usufruindo da integração por meio de Bilhete Único. 

Publicado em Mobilidade
Em virtude do alto índice de acidentes registrados no cruzamento das avenidas Abolição com Desembargador Moreira, a Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) está implantando um projeto de circulação viária que inclui nova sinalização e readequação das faixas de tráfego para aumentar a segurança de quem costuma trafegar pelo trecho.
 
Uma marca de canalização, que separa e ordena o fluxo, foi implantada para evitar os conflitos veiculares neste cruzamento. Como parte do projeto, o órgão também  readequou a faixa exclusiva de ônibus existente na Av. Abolição. "No quarteirão que compreende as avenidas Oswaldo Cruz e Desembargador Moreira não haverá mais faixa exclusiva. Portanto, os coletivos que tiverem que seguir pela própria Abolição em direção ao Mucuripe devem migrar da faixa da direita para a faixa central", explica o superintendente da AMC, Arcelino Lima.
 
Tais medidas foram avaliadas tecnicamente e apontadas como alternativa para promover deslocamentos mais seguros na região. "Registrávamos muita colisão. Era um ponto de conflito entre os ônibus, que circulavam pela faixa da direita e precisavam continuar pela própria Av. Abolição em direção ao Mucuripe, e dos demais veículos, que vinham pela faixa da esquerda e do meio e desejavam seguir em frente na Rua Antônio Justa ou dobrar à direita na Av. Desembargador  Moreira", reforça. 
 
A marca de canalização, conhecida popularmente como zebrado, é justamente para quem está na faixa da direita não conseguir ir para a Av. Abolição, forçando o condutor a seguir direto pela Rua Antônio Justa ou fazer a conversão à direita na Av. Desembargador Moreira.
 
Como se trata de uma medida recente e ainda em conclusão, os motoristas estão sendo auxiliados  nos primeiros dias por agentes de trânsito e orientadores de tráfego do Via Livre. Não haverá multa enquanto os condutores não estiverem habituados com a intervenção.
 
Segundo dados da AMC, somente neste ano aconteceram 19 acidentes no referido cruzamento. No ano passado esse número chegou a 48. Com esse projeto, a expectativa é que o número zere e as pessoas possam se deslocar com mais segurança.
 
Publicado em Mobilidade

O prefeito Roberto Cláudio anuncia, nesta sexta-feira (19/05), às 15h, na Escola de Mobilidade Urbana da AMC, uma nova parceria com a fundação norte americana Bloomberg Philanthropies. Fortaleza passará a fazer parte da "Parceria por Cidades Saudáveis" (Partnership for Healthy Cities, em inglês), uma rede de 50 cidades de todo o globo que soma esforços à política da Prefeitura de Fortaleza de encontrar soluções saudáveis, seguras e sustentáveis para a mobilidade urbana. A nova parceria tem ainda o apoio da Organização Mundial da Saúde (OMS). Hoje a cidade já participa da "Iniciativa Bloomberg de Segurança Viária Global" que apoia a política de segurança no trânsito desenvolvida pela Prefeitura.

Ainda como parte das ações da campanha "Maio Amarelo", o prefeito Roberto Cláudio apresenta também o projeto "Condutor da Esperança", uma iniciativa que aproxima os setores empresariais e industriais da cidade para o fomento do uso sustentável do espaço público. A ação, realizada em parceria com o Estar Urbano, apresenta a Escola de Mobilidade Urbana da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) como laboratório e espaço para discussão de novas soluções para uma cidade mais humana, democrática e acessível.

Serviço:
Lançamento da "Parceria por Cidades Saudáveis" e do projeto "Condutor da Esperança"
Local: Escola de Mobilidade Urbana da AMC – Rua Major Virgílio Borba, S/N – Dionísio Torres, ao lado do Parque Adahil Barreto
Data: 19/05 (sexta-feira)
Horário: 15h

Publicado em Mobilidade
AMC
AMC disciplinará tráfego durante partida válida pelo Campeonato Cearense

A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC), controlará o tráfego no entorno da Arena Castelão durante o segundo jogo da final do Campeonato Cearense, que acontece nesta quarta-feira (03/05), às 21h45. Será disponibilizado um efetivo operacional de 30 agentes para otimizar o acesso dos torcedores que forem assistir ao jogo entre Ceará e Ferroviário.

A operação de trânsito terá início às 13h com a coibição de estacionamento nas avenidas do Contorno, Alberto Craveiro, Paulino Rocha e demais vias de acesso à praça esportiva. Dentre as providências a serem adotadas, o órgão fará um controle do comércio ambulante, em parceria com a Regional VI e Polícia Militar, além de efetuar ações de disciplinamento do tráfego nos cruzamentos próximos. A equipe montará, ainda, dispositivos de redução de velocidade para aumentar a segurança em frente ao estádio.

A AMC orienta que os condutores saiam de casa com, pelo menos, duas horas de antecedência e procurem também outras opções para estacionar que não seja apenas no estacionamento do Castelão, como a Av. Juscelino Kubitschek. O automóvel estacionado irregularmente estará passível de remoção, uma vez que a intervenção contará com dois guinchos.

Após o término do jogo, dependendo da demanda, os cruzamentos das avenidas Alberto Craveiro e R. Pedro Dantas serão operados pelos agentes de trânsito de modo a facilitar a saída do público. A AMC lembra que é providencial o respeito à sinalização e às leis de trânsito por parte dos condutores, garantindo, assim, um trânsito mais organizado e seguro para todos.

Transporte
Em virtude do jogo, a Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) reforçará a frota das 17 linhas que trafegam pelo local com 10 coletivos extras nos terminais Parangaba, Messejana, Siqueira, Lagoa e Antônio Bezerra. 



Publicado em Mobilidade
Guardas municipais no auditório do Detran
Com essa turma serão quase 700 guardas aptos para as ações de trânsito

A Prefeitura, em parceria com o Governo do Estado, vem promovendo a capacitação de guardas municipais para atuarem no trânsito de Fortaleza. A ação é desenvolvida, por meio da Secretaria Municipal da Segurança Cidadã (Sesec), em convênio com a Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC), Departamento Estadual de Trânsito (Detran) e Escola de Gestão Pública do Estado.

Atualmente, 62 servidores passam por treinamento na sede do Detran, localizada na Maraponga. A capacitação é composta de cerca de 140 horas, entre aulas teóricas e práticas. “Com essa nova turma, chegaremos ao número de 682 agentes da Guarda Municipal habilitados para ajudar nas ações de orientação, ordenamento e fiscalização do tráfego na cidade”, destaca o responsável pela Célula de Segurança Viária da Sesec, inspetor Henrique Martins.

As 140 horas/aula estão distribuídas entre disciplinas que tratam de legislação de trânsito, ética no serviço público, atendimento ao público, postura profissional, noções básicas de perícia e primeiros socorros, além de direção defensiva.

A Guarda Municipal no trânsito

A Guarda Municipal de Fortaleza vem atuando no trabalho de orientação, educação e fiscalização do trânsito na cidade desde novembro de 2015. Os trabalhos são desenvolvidos em vários pontos de Fortaleza, sempre em parceria com a Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania. Ano passado, agentes da AMC realizaram um treinamento para a utilização do etilômetro, popularmente conhecido como bafômetro, bem como para o uso e manejo de reboque. “Muito embora eles tenham visto no curso realizado no Detran, essa foi uma capacitação complementar voltada para estes equipamentos de uso diário na fiscalização trânsito”, ressalta Henrique Martins.

A Guarda Municipal está se adequando a Lei 13.022/2014 que prevê, dentre outras ações, a atuação no trânsito. Dentre os critérios estabelecidos para participar da formação estão: ter nível médio completo, possuir Carteira Nacional de Habilitação (CNH) A, B ou AB e estar, preferencialmente, em atividade operacional.

Publicado em Segurança Cidadã

 

agente amc 2015
Agentes da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) darão o suporte operacional à intervenção (Foto: Kaio Machado)

Dando andamento ao avanço das obras no trecho 1 do VLT Parangaba-Mucuripe, a Avenida Borges de Melo, no Bairro de Fátima, será bloqueada a partir deste sábado (12/11). A intervenção permitirá a execução das escavações do túnel. O trecho interditado fica entre as ruas Dr. Laudelino Coelho e Bartolomeu de Gusmão, no sentido leste-oeste (BR-116/Rodoviária).

Em virtude da interdição, o condutor que trafega na Avenida Borges de Melo deve entrar à direita na Rua Ipitanga, à direita na Rua Prof. Guilhon, à esquerda na Avenida Aguanambi (contrafluxo), à esquerda na Rua Bartolomeu de Gusmão, retornando para a Avenida Borges de Melo.

O sentido contrário da Avenida Borges de Melo permanece inalterado com o mesmo desvio de tráfego: à direita na Rua João Araripe, à esquerda na Rua Francisco Lorda, à direita na Rua Eng. Edmundo Almeida Filho, à esquerda na Rua 13 de Abril, à esquerda na Rua Via Láctea, voltando à Avenida Borges de Melo. Agentes da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) darão o suporte operacional à intervenção.

Segundo a Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor), as linhas de ônibus (032) Av. Borges de Melo II e (069) Lagoa/Papicu/Via Expressa terão o itinerário alterado seguindo o mesmo desvio de tráfego utilizado pelos demais veículos.

Clique aqui para ver o mapa com as alterações.

Sobre o VLT

Quando concluído, o VLT terá 13,4 quilômetros ligando os bairros Mucuripe e Parangaba. O Ramal atravessará 22 bairros, área que concentra mais de 500 mil moradores de Fortaleza. A previsão de demanda potencial do novo modal é de 90.000 passageiros por dia.

As obras do VLT estão com mais de 60% de execução. Os trabalhos foram divididos por trechos. O trecho 1 contempla a construção da passagem inferior da Avenida Borges de Melo, o trecho 2 fica entre as estações Borges de Melo e Parangaba e o trecho 3 compreende o percurso entre as estações Iate e Borges de Melo. Os serviços nos três trechos são executados pelo Consórcio VLT Fortaleza, formado pelas empresas AZVI S.A do Brasil e Construtora e Incorporadora Squadro Ltda.

Publicado em Mobilidade
Os semáforos serão instalados no cruzamento da av. Demétrio de Menezes com r. Antônio Gualberto de Sales e na av. Mister Hull

Em atendimento à solicitação da população, a Prefeitura de Fortaleza, por meio da Autarquia Municipal de Trânsito, Serviços Públicos e de Cidadania (AMC), implantará na noite desta sexta-feira (11/4) dois novos semáforos no entorno do Terminal do Antônio Bezerra. O objetivo é melhorar a acessibilidade local e garantir uma travessia mais segura aos pedestres e usuários de ônibus.


Os novos equipamentos serão instalados no cruzamento da av. Demétrio de Menezes com R. Antônio Gualberto de Sales e na av. Mister Hull. A implantação dos semáforos foi analisada previamente pelo órgão através de estudos técnicos, que comprovaram a dificuldade dos pedestres ao tentarem atravessar nestes locais em direção ao terminal de ônibus.


Além de auxiliar a travessia de pedestres, o semáforo situado no cruzamento da av. Demétrio de Meneses com r. Antônio Gualberto de Sales facilitará também o acesso dos ônibus ao terminal, já que irá operar com estágio exclusivo para os coletivos. Agentes de trânsito controlarão o tráfego durante a intervenção.


 

Publicado em Gestão
À medida que os últimos competidores forem chegando, serão desbloqueadas as vias

Em comemoração aos 288 anos de Fortaleza no próximo domingo, 13 de abril,  e aniversário do Exército Brasileiro, a partir das 6h30, será realizada a Meia Maratona de Fortaleza. O evento, que neste ano chega à 12º edição, contará com o apoio de 100 agentes da Autarquia Municipal de Trânsito, Serviços Públicos e de Cidadania de Fortaleza (AMC) para efetuar o controle do tráfego.


Visando garantir a segurança dos participantes durante todo o percurso, cuja largada acontecerá no Marina Park Hotel, serão interditados provisoriamente trechos das seguintes vias:


  • Av. Leste-Oeste, entre a r. Jacinto Matos e av. Dom Manoel


  • R. Barão do Rio Branco e r. Major Facundo, entre as ruas Pedro I e Dr. João Moreira


  • R. Pessoa Anta e av. Almirante Barroso. Neste caso, as vias serão bloqueadas apenas no sentido Aldeota/Leste-Oeste, ficando liberado apenas o sentido Leste-Oeste/Aldeota para a circulação de veículos. Em virtude desta mudança, quem estiver trafegando pela r. Almirante Jaceguai só poderá dobrar à direita. Já o condutor que vier pela av. Historiador Raimundo Girão com destino ao Centro terá que desviar à esquerda na r. Ildefonso Albano.   


  • Na av. Beira-Mar e na av. Vicente de Castro, o tráfego será compartilhado, ou seja, uma faixa será destinada à circulação de     veículos e a outra, do lado da praia, liberada para os competidores.    

   

A arena de chegada será no mesmo hotel. À medida que os últimos corredores completarem a prova, as vias serão desbloqueadas imediatamente para não comprometer a fluidez do tráfego.

 

Publicado em Esporte e Lazer