Guarda-vidas na areia em observação
Os guarda-vidas ficam em grupo de quatro a seis servidores

O trabalho preventivo realizado pela Prefeitura de Fortaleza, por meio da Inspetoria de Salvamento Aquático (ISA) da Guarda Municipal, garantiu um ano tranquilo em relação ao número de resgates. De janeiro a dezembro, foram registrados 302 resgates sem mortes, sendo a maior parte desses atendimentos na Barra do Ceará.

Segundo o assistente técnico da ISA, inspetor Antônio Vieira, as ações de prevenção foram fundamentais para o sucesso do trabalho em 2016. “Todos os nossos guarda-vidas são orientados a passar informações para os banhista, sobre as condições do mar e os melhores locais para banho. Além disso, temos a campanha constante do Projeto Vidas Seguras, que identifica crianças menores de 12 anos com uma pulseira que leva dados pessoais do responsável”, destaca.

Atualmente, 75 guarda-vidas formam a Inspetoria de Salvamento Aquático que atendem da Barra do Ceará ao Mucuripe, dividindo-se em seis pontos estratégicos de atuação na orla marítima de Fortaleza. A inspetoria também conta com viaturas e dois botes infláveis que facilitam os atendimentos.

Réveillon
De acordo com Antônio Vieira, foram registrados cerca de 20 atendimentos durante as atividades do Réveillon de Fortaleza, entre os dias 31 de dezembro e 2 de janeiro. Vieira afirma que foi realizada uma preparação especial para a virada de ano com intensificação do condicionamento físico dos servidores e reforço nos conhecimentos sobre atendimentos de primeiros socorros e resgate.

“Sabíamos dos desafios nessa grande festa, e o Réveillon das nossas equipes só acabou no segundo dia do ano. Estendemos o plano estratégico também para segunda-feira (02/01) para garantir tranquilidade para os banhistas”. O inspetor lembra os cuidados para o banho de mar seguro. “Evite adentar no mar após a ingestão de bebida alcoólica, bem como de comidas de difícil digestão, e procure tomar banho em locais próximos das nossas cabines de observação”, alerta.

Publicado em Segurança Cidadã
foto da fachada da nova sede da secretaria de segurança pública
Com mais de 1.000m², a nova sede, localizada próximo da Etufor, comporta cerca de 30 salas climatizadas, além de auditório para 150 pessoas e uma área de convivência coberta

A Secretaria Municipal da Segurança Cidadã (Sesec), órgão articulador das políticas públicas desenvolvidas pela Guarda Municipal e pela Coordenadoria Especial de Proteção e Defesa Civil de Fortaleza, está funcionando em novo endereço. A mudança, para Av. Dos Expedicionários 5571, no bairro Vila União, teve início na segunda metade de novembro.

Com mais de 1.000m², a nova sede, localizada próximo da Etufor, comporta cerca de 30 salas climatizadas, além de auditório para 150 pessoas e uma área de convivência coberta. Para Francisco José Veras, secretário municipal da Segurança Cidadã, a mudança dá uma identidade institucional para a pasta, assim como determina o seu papel nas ações de segurança do Município. “Tendo em vista que é uma secretaria nova, essa separação física da Guarda Municipal definirá bem a sua atuação como a gestora das políticas de segurança cidadã de Fortaleza. Também tem o objetivo de proporcionar uma melhor estrutura de trabalho para os nossos servidores”.

Mais

A Secretaria Municipal da Segurança Cidadã foi criada em 2013 com o objetivo de estabelecer as políticas, diretrizes e programas de segurança cidadã no Município de Fortaleza. O órgão também executa, por meio das suas vinculadas (Guarda Municipal e Defesa Civil), as políticas públicas de interesse da pasta, coordenando e gerenciando a integração com as políticas sociais do Município que, direta ou indiretamente, interfiram nos assuntos de segurança cidadã da cidade.

Pela Sesec, a atual gestão conseguiu criar os conselhos municipais de Segurança Cidadã e de Defesa Civil de Fortaleza, estabelecer parcerias com outras secretarias, como é o caso da de Educação, pela qual estruturou a Inspetoria de Segurança Escolar, que realiza um trabalho de prevenção e ostensividade nas mais de 500 escolas municipais. A Secretaria Municipal da Segurança Cidadã também foi responsável pelo processo de melhoria da Guarda Municipal, no qual aspectos como transporte, tecnologia e planejamento foram reestruturados, além da elaboração, articulação e execução, em parceria com a Universidade Estadual do Ceará, do maior concurso público da história do Ceará, com mais de 54 mil candidatos, para o preenchimento de 1.000 vagas para guardas municipais e agentes de Defesa Civil e de Segurança Institucional.

 
Publicado em Segurança Cidadã
Azevedo Vieira no plenário 13 de maio
Relatório apresentado traz recomendações para o aperfeiçoamento de políticas públicas

A Prefeitura de Fortaleza, representada pelo secretário executivo da Segurança Cidadã, Azevedo Vieira, participou da apresentação do relatório do Comitê Cearense pela Prevenção de Homicídios na Adolescência. O documento trouxe recomendações para o aperfeiçoamento de políticas públicas com o objetivo de diminuir o número de assassinatos entre jovens.

A sessão especial, realizada na manhã desta quarta-feira (14/12), no Plenário 13 de Maio, foi conduzida pelo presidente da Assembleia Legislativa, deputado Zezinho Albuquerque. Durante a reunião, o relator do Comitê, deputado Renato Roseno, destacou que as recomendações citadas no documento; como qualificação de espaços urbanos, ampliação da rede de programas sociais, prevenção contra as drogas, mediação de conflitos, oportunidades de trabalho e renda, entre outras, devem ter apoio das prefeituras para as suas efetivações nos municípios.

Para o secretário executivo Azevedo Viera, o estudo trouxe uma nova configuração para a morte de jovens em Fortaleza e alguns municípios do Ceará, com isso as autoridades, principalmente aquelas ligadas à Segurança e a Educação, podem redimensionar suas ações. De acordo com Azevedo, a Prefeitura de Fortaleza já desenvolve trabalhos que colaboram para uma cidade mais segura, bem como avançará em políticas públicas, sobretudo na área social, para dar melhores condições de vida para os jovens. “Com a revitalização de praças públicas e a implementação de luz branca em quase toda a Cidade, o prefeito Roberto Cláudio proporciona a várias comunidades a liberdade social. Com esse estudo, fica bem mais fácil para as secretarias entrarem nesses territórios com a certeza de dispor de um material de pesquisa bem elaborado por este comitê”, afirmou.

O evento também contou com as presenças da vice-governadora do Estado, Izolda Cela, e da defensora pública geral do Estado, Mariana Lobo, entre outras autoridades.

Publicado em Segurança Cidadã

 

Palestras falam para um público de jovens e estudantes de Direito no auditório
O debate ocorreu no auditório da Faculdade Direito da UFC

A Prefeitura de Fortaleza, por meio das secretarias municipais da Segurança Cidadã (Sesec) e da Educação (SME), participa do I Encontro Regional Interdisciplinar sobre os Direitos da Infância e Juventude, realizado na Semana Nacional da Justiça Juvenil Restaurativa.

O encontro, organizado entre os dias 12 e 15 de dezembro, pela Faculdade de Direito da Universidade Federal do Ceará e pela Terre des Hommes, tem como objetivo reunir experiências de práticas restaurativas no âmbito juvenil. Em Fortaleza, esse trabalho é desenvolvido pela Prefeitura, através da Sesec e SME, por meio das Células de Mediação de Escolar que estabelecerem procedimentos restaurativos e a construção de uma cultura de paz nas escolas municipais. “Essa parceria faz parte do Termo de Cooperação Técnica, firmado entre as duas secretarias, que prevê a implantação de técnicas de mediação de conflitos e práticas restaurativas em 12 escolas identificadas com maior vulnerabilidade social”, explica a gerente da Célula de Mediação Escolar da Sesec, Mara Siqueira.

Atualmente, 11 escolas seguem com o projeto-piloto estabelecido em 2014, no qual são aplicadas práticas circulares e círculos de resolução de conflitos com o intuito de fortalecer o empoderamento de jovens nas questões da violência para que, assim, possam fazer autorreconhecimento do papel deles na sociedade em que vivem. “A gente acredita que essas práticas podem gerar espaços escolares mais pacíficos e construtivos”, afirma Mara Siqueira.

De acordo com dados da Sesec, quase 700 atores do cenário acadêmico municipal, entre alunos, professores e coordenadores, já passaram por algum tipo de capacitação voltada para a promoção da cultura de paz. “Além dessas 11 preestabelecidas, as células atendem outras escolas de forma itinerante, à medida em que os parceiros nos acionam, para fazermos análise situacional e encaminhamento de demandas”, disse. A gerente também ressaltou a parceria com a Guarda Municipal, que mantém a Inspetoria de Segurança Escolar (ISE) atuando de forma preventiva, com palestras e teatro de fantoches que abordam assuntos como cidadania e respeito, e ostensiva com as rondas 24 horas. “Esse trabalho é superimportante, pois esses profissionais atuam na ponta e conseguem identificar mais oportunidades de gerenciamento de possíveis conflitos”.

Também estavam na atividade, a coordenadora de Mediação de Conflitos da Sesec, Tatiane Castro, Joelma Gomes, da Célula de Mediação da SME, e representantes do Poder Judiciário e Governo do Estado.

Publicado em Segurança Cidadã

Posse da Guarda
Com a cerimônia, a Prefeitura conclui a chamada das mil vagas previstas no edital do concurso (Foto: Kiko Silva)
A Prefeitura de Fortaleza empossou, na manhã desta quarta-feira (30/11), os 32 últimos candidatos aprovados para o cargo de guarda municipal. A cerimônia ocorreu no auditório da nova sede do Instituto de Previdência do Município (IPM) e contou com a presença de várias autoridades, formandos e familiares.

O evento concluiu a chamada para o preenchimento das mil vagas previstas no edital do concurso, que reuniu mais de 55 mil candidatos. “Essa turma completa o ciclo da vontade do nosso gestor Roberto Claudio, que teria mil novos guardas municipais capacitados para exercer as suas atividades. Estou emocionado, tendo em vista que talvez essa seja a última turma que prestigio como diretor-geral da Guarda Municipal de Fortaleza”, disse Edgar Fuques. O executivo da Secretaria Municipal da Segurança Cidadã (Sesec), Azevedo Vieira, reforçou o discurso, dizendo que os novos servidores não abraçam apenas um emprego, mas uma vocação. “Fortaleza precisa de vocês, e posso afirmar que apenas os vocacionados se destacarão. Agora, cabe aos inspetores, subinspetores e guardas mais antigos conduzirem esses novos com bom senso”, observou Azevedo.

Presente a solenidade, o secretário de Orçamento, Planejamento e Gestão, Philipe Nottingham, destacou o Prêmio Mérito Brasil de Governança e Gestão Pública, do Tribunal de Contas da União (TCU), recém-conquistado pela Prefeitura de Fortaleza. “Não foi fácil empossá-los aqui hoje, mas esse prêmio reflete o fechamento de quatro anos de gestão com todas as responsabilidades fiscais cumpridas, mesmo diante de tantas dificuldades que passa o Brasil. Parabéns a vocês e familiares pela conquista”, celebrou Nottingham.

Outro que fez questão de destacar o empenho da Prefeitura de Fortaleza nas ações de segurança cidadã, foi o secretário de Segurança Pública do Estado, Delcy Teixeira. Para ele, a integração entre Estado e Município é fundamental para uma Fortaleza mais segura. “Quando vemos ruas iluminadas e praças reformadas, a população retoma esses espaços públicos”, destacou.

O titular da Sesec, Francisco José Veras, fez um discurso no qual ressaltou a importância do servidor público, bem como os investimentos da atual gestão no aparelhamento de Guarda Municipal. “Entendam que a prestação do serviço público é das mais importantes atividades de uma sociedade, pois nenhum país, estado ou município funciona sem seu quadro de servidores. Lembrem-se, os senhores e as senhoras representam o que de melhor esse certame apurou”, ressaltou Veras. “Entre os anos de 2013 e 2015, foram investidos mais de R$ 14 milhões no aparelhamento e na realização desse concurso público. Esses investimentos foram aplicados na estrutura de transporte, no aspecto tecnológico, na compra de Equipamentos de Proteção Individual e na realização do maior concurso público municipal”, acrescentou. Antes de 2013, a Guarda Municipal tinha apenas 18 viaturas sucateadas, e agora são 65 carros novos, além de caminhões, trailers, botes infláveis e motos que fazem a Guarda Municipal ser vista na cidade.

Francisco Veras finalizou destacando o emprenho do prefeito Roberto Claudio em deixar o trânsito mais seguro e pacífico. “Em mais um ato de coragem e vontade de tornar Fortaleza uma cidade melhor, o prefeito emplacou a Guarda Municipal, em parceria com a AMC, no trabalho de trânsito, o que certamente, vai gerar um trânsito mais seguro, através de ações de prevenção e educação”.

Também estavam no evento, o delegado da Polícia Civil, Pedro Viana, o policial federal, Alexandre Mesquita, o superintendente substituto da PRF, Wilton Torquato, o superintendente da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), Rommel Almeida, o vereador Márcio Cruz, além do superintendente do IPM, Paulo Pinho, e do Cel. da PM, Geovane Pinheiro.

A posse também foi prestigiada por autoridades do Município, Estado e União.

Publicado em Segurança Cidadã

Segurança
Em 2015, a Prefeitura fez a primeira posse com 756 novos guardas municipais
A Prefeitura de Fortaleza dará posse aos 34 últimos candidatos aprovados para o cargo de guarda municipal nesta quarta-feira (30/11). O evento será no auditório do Instituto de Previdência do Município (IPM), a partir das 9h, e contará com a presença de várias autoridades do Município, Estado e União, principalmente ligados à área da segurança.

Com a posse desses novos servidores, conclui-se o certame realizado, em 2013, para o preenchimento de 1.000 vagas para a Guarda Municipal de Fortaleza (GMF). O concurso, organizado pela Universidade Estadual do Ceará (Uece), reuniu mais de 54 mil candidatos que, na primeira fase, passaram por prova objetiva, depois por um curso de formação específica para o exercício da função e, por fim, por exames e perícia médica.

Como forma de simbolizar a posse, os novos guardas municipais substituirão os bonés usados durante o curso de formação pela cobertura oficial da GMF (boina). “Esta atividade sela o compromisso firmado, em abril, pelo prefeito Roberto Cláudio de apresentar para população os 1.000 novos guardas municipais nas ruas de Fortaleza”, destaca o secretário municipal de Segurança Cidadã, Francisco José Veras.

Sobre a Guarda Municipal
A Guarda Municipal de Fortaleza foi criada, em julho de 1959, pelo prefeito general Manuel Cordeiro Neto. Atualmente, o órgão possui cerca de 2.200 servidores divididos em Inspetorias Especializadas e Cidadãs. Eles são responsáveis por cuidar do patrimônio público da Capital. A Guarda Municipal também auxilia a segurança pública com visão de policiamento comunitário, além de oferecer a proteção do patrimônio ecológico, cultural, arquitetônico e ambiental da cidade, adotando como estratégia as medidas educativas e preventivas. Estão sob a sua responsabilidade os parques, praças, prédios, praias, terminais de ônibus e segurança em eventos diversos.

Serviço
Posse de novos guarda municipais
Data: quarta-feira (30/11)
Horário: a partir das 9h
Local: auditório do Instituto de Previdência do Município (IPM) - Rua 24 de Maio 1479, Centro

Publicado em Segurança Cidadã
Quinta, 07 Novembro 2013 16:29

Guardas municipais ajudam em parto no Cocó

A guarda municipal Daylene Henrique Beserra, que ajudou no parto, segundo ela, um acontecimento maravilhoso

Durante o retorno de uma ocorrência nas imediações do Parque do Cocó na noite da segunda-feira, dia 4 de novembro, quatro guardas municipais prestaram socorro a uma mulher em trabalho de parto no meio da rua. Marileide, de sobrenome e idade não divulgados solicitou ajuda enquanto a equipe cruzava a rua Monsenhor Salazar, próximo à igreja do São João do Tauape. Os agentes acionaram o Samu e enquanto aguardavam buscaram apoio junto às famílias residentes na área e tentaram acalmar a parturiente, poucos instantes depois, nasceu um menino de aparência saudável.


O bebê veio ao mundo pelas mãos da guarda municipal Daylene Henrique Beserra e contou com a solidariedade de transeuntes, incluindo uma estudante do primeiro semestre da faculdade de Medicina. “A senhora que cedeu a varanda de sua casa fez a doação de lençol e de fralda. Os socorristas, de uma ambulância particular, que passavam na hora verificaram a pressão, colocaram oxigênio e doaram material descartável.Foi um momento maravilhoso” disse Daylene. Após o atendimento do Samu, a nova mãe foi encaminhada ao Gonzaguinha da Barra do Ceará.


Daylene tem seis anos de Guarda Municipal e já passou por diversas experiências. Presenciou conflitos e acidentes, mas ajudar uma criança a nascer foi, segundo ela, um acontecimento maravilhoso. Além de Daylene, a equipe era formada pelos guardas municipais Valcélio Vasconcelos e Antônio Martins e pelo subinspetor Francisco José Silva.

 

Publicado em Social
O curso e as oficinas são um convênio entre a Prefeitura de Fortaleza e a Secretaria Nacional de Segurança Pública

Aulas com técnicas de mediação de conflitos, sobre conservação do patrimônio público, de policiamento comunitário, entre outras. Essas são algumas disciplinas do curso Guarda Municipal, Segurança Pública e Direitos Humanos que será ministrado a 400 guardas municipais, subinspetores e inspetores. A ideia é fornecer conhecimentos teóricos e práticos de técnicas e procedimentos operacionais e de relações humanas para o cotidiano das atividades do agente de segurança pública.


O foco do trabalho deverá ser o policiamento comunitário de forma preventiva. A capacitação para os guardas terá início na próxima segunda-feira, 5 de agosto, e será realizada em duas turmas, com duração de 15 dias para cada uma.


Após o término do curso, no final de agosto, serão ofertadas 10 oficinas, aos sábados, com duração de oito horas, em 20 escolas públicas municipais. Nesta etapa, serão capacitados os guardas que participaram do curso e a comunidade escolar, totalizando 1.000 pessoas. Entre os temas das oficinas, estão: Uso Abusivo e Indevido de Drogas; Bullying; Noções de Segurança Pública para População em Situação de Vulnerabilidade Social e; Educação Ambiental.


O curso e as oficinas são um convênio da Prefeitura de Fortaleza, por meio da Guarda Municipal, e da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), vinculada ao Ministério da Justiça. A instituição executora dos cursos e das oficinas será a Universidade de Fortaleza (Unifor).

 

Publicado em Gestão
Os agentes estarrão nos bolsões de estacionamento, na Praia de Iracema, Pontos de Verificação Veicular e terminais

A Guarda Municipal de Fortaleza estará presente na Copa das Confederações reforçando a segurança de turistas e da população por meio de um efetivo de cerca de 200 guardas, subinspetores e inspetores. A ideia é estar presente nos principais pontos de concentração de torcedores, transeuntes e servidores para garantir a tranquilidade da festa do futebol.

Os guardas municipais estarão nos bolsões de estacionamento (Unifor, Centro de Eventos, Shopping Via Sul, Cambeba, Campus do Pici, supermercado Assaí Parangaba), no aterro da Praia de Iracema (Public View Area), Pontos de Verificação Veicular (PVVs) e terminais de ônibus urbanos (Antônio Bezerra, Conjunto Ceará, Lagoa, Messejana, Papicu, Parangaba e Siqueira). O horário de atuação, na maior parte dos locais, será das 9h às 21 horas. No Aterro, o efetivo estará presente das 13h às 23 horas.
 

Publicado em Fortaleza
Os novos veículos entregues nesta sexta-feira irão otimizar o patrulhamento da Cidade (Foto: Igor de Melo)

Nesta sexta-feira (14/6), em solenidade na Secretaria de Segurança Cidadã, a Prefeitura de Fortaleza entregou 81 novas viaturas para patrulhamento da Cidade. Um total de 35 destes carros será destinado a Autarquia Municipal de Trânsito, Serviços Públicos e de Cidadania (AMC) e os demais 41 veículos servirão a Guarda Municipal.

“Em condições de uso permanente, Fortaleza tinha apenas oito viaturas para o trabalho da Guarda e 12 para o trabalho dos agentes da AMC. Com o reforço da frota, a AMC passa a contar com 68 veículos e a Guarda Municipal com 97 automóveis”, destacou o prefeito Roberto Cláudio, informando ainda que até agosto deste ano pretende lançar edital de um concurso público para o preenchimento de mil vagas para o efetivo da Guarda Municipal. Hoje, o contingente do órgão possui pouco mais de 700 guardas.

A aquisição dos novos automóveis para a AMC irá dar maior agilidade ao monitoramento do tráfego na Capital. No caso da Guarda Municipal, o reforço na quantidade de carros permitirá maior eficiência da vigilância da cidade, sobretudo durante o período de jogos da Copa das Confederações.

Agentes jovens

Também nesta sexta-feira aconteceu a cerimônia de formatura de 350 agentes jovens AMC que irão desenvolver atividades durante a Copa das Confederações. A ação que faz parte do Projovem Trabalhador, confere oportunidade de inserção no mercado de trabalho para pessoas com idade entre 18 anos e 29 anos.

Os jovens que foram capacitados por meio da Secretaria Municipal de Trabalho, Desenvolvimento Social e Combate à Fome (Setra), em parceria com a AMC, estarão posicionados em lugares estratégicos, auxiliando no trabalho de educação do trânsito.

“Eu acredito que essa será uma experiência muito importante para o curriculum de cada jovem participante. Também mostra a visão inclusiva do prefeito ao querer beneficiar pessoas da rede pública de ensino”, afirmou o secretário de Trabalho, Cláudio Ricardo Gomes de Lima.

Publicado em Fortaleza