Cidadã utilizando os serviços do Ecoponto
Os Ecopontos recebem pequenas proporções de entulho, restos de poda, móveis, estofados velhos, óleo de cozinha, papelão, plásticos, vidros e metais

A Prefeitura de Fortaleza possibilitou, até agora, que a população realizasse o descarte correto de mais de 270 mil toneladas de recicláveis em 86 Ecopontos implantados em todas as Regionais. Iniciado em dezembro de 2015, este modelo de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos completa cinco anos de atividades neste mês, já tendo distribuído, até agora, mais de mais de R$ 5,6 milhões pela troca de recicláveis, entulhos e volumosos, a partir dos programas Recicla Fortaleza e E-Carroceiro, incentivando cada vez mais as comunidades a participarem da limpeza urbana na cidade.

Concebidos a partir de uma parceria entre a Autarquia de Regulação, Fiscalização e Controle de Serviços Públicos de Saneamento Ambiental (AcFor) e a Secretaria Municipal da Conservação e Serviços Públicos (SCSP), com o apoio da Ecofor Ambiental, os Ecopontos são locais adequados para o recebimento de pequenas proporções de entulho, restos de poda, móveis e estofados velhos, além de óleo de cozinha, papelão, plásticos, vidros e metais.

Os Ecopontos oferecem à população o acesso ao benefício do Programa Recicla Fortaleza, que gera desconto na conta de energia pela troca de resíduos recicláveis. Além disso, estes equipamentos também disponibilizam o programa E-Carroceiro, que beneficia a população pelo descarte correto de entulhos, restos de poda e móveis velhos, gerando crédito para ser utilizado nos estabelecimentos comerciais cadastrados de cada região.

Ao todo, ao longo destes cinco anos, os Ecopontos já implantados na cidade coletaram mais de 276 mil toneladas de materiais. Como resultado, para além da limpeza na cidade, os programas Recicla Fortaleza (iniciado em abril de 2016) e E-Carroceiro (iniciado em agosto de 2017) geraram um benefício total de mais de R$ 5,6 milhões, distribuídos para mais de 30.000 usuários e 1.600 carroceiros cadastrados no sistema.

Desse total, em 2020, de janeiro até agora, já foram recebidas cerca de 136.390 toneladas de materiais e foram entregues 19 Ecopontos em Fortaleza, atendendo os bairros Floresta, Presidente Kennedy, Vila Velha, Barra do Ceará, São Gerardo, Autran Nunes, Rodolfo Teófilo, Bela Vista, Itaoca, Fátima, Itaperi, José Walter, Barroso (Conjunto João Paulo II), Jangurussu (Conjunto Santa Filomena), Messejana, Cidade dos Funcionários, Sapiranga e Jardim das Oliveiras (Lagoa da Zeza), além das áreas no entorno.

Levando em consideração os recicláveis, atualmente, os Ecopontos que mais recebem esse tipo de resíduo são Sapiranga, Fátima, Varjota, Messejana, Leste Oeste e Barra do Ceará. Já em relação a entulhos e volumosos, os Ecopontos da Leste-Oeste, Cristo Redentor e Barra do Ceará são os que mais recebem esses resíduos.

Todos os Ecopontos funcionam de segunda-feira a sábado, sempre de 8h às 12h e de 14h às 17h. Para atender à população nos Ecopontos, funcionários da Ecofor Ambiental, concessionária da Prefeitura de Fortaleza, responsável pela gestão de resíduos sólidos urbanos, transmitem orientações, recebem o material e atestam a quantidade de resíduos depositados em cada contêiner.

Para ter acesso aos benefícios, é simples. Basta que o fortalezense procure um dos Ecopontos mais próximos para fazer o cadastro. Daí, é separar os resíduos recicláveis, entulhos e volumosos e levá-los até o Ecoponto para pesagem, lembrando de armazená-los sem sobra de alimentos ou produtos para não atrair insetos e gerar mau cheiro. Nos Ecopontos, o cidadão confere a tabela de valores dos resíduos, pois o crédito será calculado de acordo com o peso e os tipos de materiais, levando em consideração o mercado.

Confira a lista de Ecopontos aqui.

Publicado em Meio ambiente
Ciclistas utilizando a Ciclofaixa de Lazer
A Ciclofaixa de Lazer consolida-se como uma importante opção de lazer e esporte aos domingos na capital

A Prefeitura de Fortaleza realiza a 279ª edição da Ciclofaixa de Lazer neste domingo (06/12), de 7h às 13h, com três percursos em direção à Praia de Iracema. As Rotas Leste, Oeste e Sul funcionarão conectando os bairros Cocó, São Gerardo e Montese por meio de trajetos ligando os pontos de apoio instalados no Anfiteatro do Parque do Cocó, na Praça Jonas de Freitas, na Praça da Igreja Nossa Senhora Aparecida e em frente à Igreja São Pedro, na Praia de Iracema.

Coordenada pela Secretaria Municipal da Conservação e Serviços Públicos (SCSP), por meio do Plano de Ações Imediatas de Transporte e Trânsito de Fortaleza (PAITT), a Ciclofaixa de Lazer vai oferecer aos participantes o acompanhamento e suporte de agentes da Guarda Municipal e da Autarquia Municipal de Transporte e Cidadania (AMC). Além disso, no ponto de apoio localizado no Parque do Cocó, será disponibilizado aluguel de bicicletas e distribuição de mudas de plantas nativas.

Idealizada em dezembro de 2014, a Ciclofaixa de Lazer consolida-se como uma importante opção de lazer e esporte aos domingos na capital e incentiva o hábito saudável da prática esportiva.

Mapa das Rotas da Ciclofaixa de Lazer aqui.

Rota Leste
A Rota Leste sairá do início da ciclovia da Avenida Washington Soares em direção à Praia de Iracema, passando pelo Ponto de Apoio do Anfiteatro do Parque do Cocó. O percurso seguirá pela Av. Sebastião de Abreu, Av. Padre Antônio Tomás, Av. Senador Virgílio Távora, Av. Antônio Justa, Av. Abolição, Av. Historiador Raimundo Girão, Av. Beira Mar, até o início da Rua dos Tabajaras, na Igreja São Pedro, onde estará o novo ponto de apoio na Praia de Iracema.

Rota Oeste
A Rota Oeste vai ligar a Praça Jonas Freitas, conhecida como Praça dos Animais ou Praça do North Shopping, no bairro São Gerardo (Regional I), à Praia de Iracema. O circuito passará pela Rua Braz de Francesco, Av. Bezerra de Menezes, Rua Justiniano de Serpa, Av. Domingos Olímpio, Av. Antônio Sales e Rua Carlos Vasconcelos, seguindo para o Aterro, onde se conectará com a Rota Leste, em direção à Praia de Iracema.

Rota Sul
A Rota Sul vai ligar a Praça da Igreja Nossa Senhora Aparecida, no bairro Montese (Regional IV), à Praia de Iracema. O percurso partirá da Av. Professor Gomes de Matos, Rua Jorge Dumar, Av. Eduardo Girão, Av. dos Expedicionários, Rua Barão do Rio Branco, Av. Domingos Olímpio, onde se conectará com a Rota Oeste, em direção à Praia de Iracema.

Publicado em Esporte e Lazer
Veterinário atendendo cachorro no VetMóvel
O VetMóvel oferece os serviços de castração, consultas clínicas, vacinação antirrábica, exames de triagem para Calazar, exames de hemograma, implantes de microchips, palestras, rodas de conversa e distribuição de material educativo

A Prefeitura de Fortaleza oferece, a partir desta quinta-feira (03/12), os serviços do VetMóvel no Cuca Jangurussu (Regional VI). O equipamento itinerante vai realizar atendimentos no local, sempre das 8h às 12h e das 13h às 17h, com serviços gratuitos destinados aos animais da região. Os agendamentos para castrações de animais de moradores do Jangurussu são feitos, exclusivamente, de forma presencial no equipamento. Já para os tutores de outros bairros, os agendamentos são feitos na Central de Atendimento da AMC no Shopping Benfica.

Gerido pela Coordenadoria Especial de Proteção e Bem-Estar Animal (Coepa), que é vinculada à Secretaria Municipal da Conservação e Serviços Públicos (SCSP), o VetMóvel faz parte do plano de ações programadas com o objetivo de conscientizar a população de Fortaleza contra os maus tratos e o abandono de animais.

O VetMóvel oferece os serviços de castração, consultas clínicas, vacinação antirrábica, exames de triagem para Calazar, exames de hemograma, implantes de microchips, palestras, rodas de conversa e distribuição de material educativo. Atuam no VetMóvel médicos veterinários, clínicos gerais, anestesista e cirurgiões.

Todos os dias, a partir de 7h, são distribuídas 20 fichas para atendimento clínico pela manhã e outras 20 são distribuídas às 12h para atendimento à tarde. Já a vacinação antirrábica e os testes para diagnósticos de Calazar também ocorrem todos os dias, mas até as 15h.

Para realização da esterilização para castração, os tutores que agendaram o atendimento pela manhã devem chegar com os animais ao VetMóvel até as 8h e, no período da tarde, devem comparecer até as 12h, com tolerância de uma hora em cada turno. Os animais devem estar banhados, sem carrapatos e em jejum hídrico e sólido.

Serviço:
VetMóvel no Cuca Jangurussu
Horário: da 8h às 12h e da 13h às 17h
Endereço: Av. Governador Leonel Brizola, próximo à Av. Jornalista Tomaz Coelho – Jangurrusu
* Agendamento presencial no local para castrações de animais do bairro
* Agendamento para castrações de animais de outros bairros: Shopping Benfica (Av. Carapinima, 2200 – 2º piso)

Publicado em Fortaleza
Nova estação do Bicicletar na Praça Monsenhor Linhares, no bairro Amadeu Furtado
A Praça Monsenhor Linhares, no bairro Amadeu Furtado (Regional III), recebeu uma das cinco novas estações

A Prefeitura de Fortaleza dá início, neste sábado (15/08), à operação de cinco novas estações do Bicicletar nos bairros Rodolfo Teófilo, Amadeu Furtado, Vila União, Montese e Messejana. Com a iniciativa, a Cidade passa a contar com 145 estações do sistema de bicicleta compartilhada, permitindo mais alternativas de deslocamento sustentável para o uso da população.

Desenvolvido pela Secretaria Municipal da Conservação e Serviços Públicos (SCSP), por meio do Plano de Ações Imediatas de Transporte e Trânsito de Fortaleza (PAITT), o Bicicletar está expandindo o sistema de compartilhamento de bicicletas para novas regiões da Capital, tornando-se o maior sistema de bicicleta compartilhada do Brasil em número de estações por habitantes e o terceiro em números absolutos, atrás somente do Rio de Janeiro e de São Paulo. Além disso, este novo modelo está ampliando, modernizando e trazendo mais conforto ao sistema, com estações maiores e oferecendo mais vagas para as bicicletas, entre outras melhorias.

As novas estações fazem parte da expansão do sistema que está chegando a bairros como Rodolfo Teófilo, Amadeu Furtado, Vila União, Montese, Parreão, Luciano Cavalcante, Messejana, Paupina, Edson Queiroz, Jardim das Oliveiras, Sapiranga, Cidade dos Funcionários, Parque Manibura, Parque Iracema e Cambeba.

Neste ano, o sistema também já foi ampliado para o corredor Oeste de Fortaleza, com estações implantadas do Centro até as Regionais I e III, beneficiando cerca de 400 mil pessoas nos bairros Barra do Ceará, Cristo Redentor, Pirambu, Jacarecanga, Carlito Pamplona, Álvaro Weyne, Presidente Kennedy, Monte Castelo, São Gerardo, Centro, Farias Brito, Benfica, Parquelândia, Pici, Antônio Bezerra, Padre Andrade, Moura Brasil e Vila Ellery.

De janeiro deste ano até agora, já foram implantadas 65 das 130 novas estações previstas até o final de 2020, quando Fortaleza passará a contar com um total de 210 estações, o que representará uma ampliação em mais de 160%.

Até o momento, o Bicicletar já possibilitou a realização de mais de 3,1 milhões de viagens e o sistema conta com mais de 260 mil usuários cadastrados, sendo cerca de 94% dos cadastros ativos utilizando o Bilhete Único. O Bicicletar é um dos sistemas mais utilizados do Brasil, apresentando uma maior procura em dias úteis. Após sua consolidação, foi registrada uma média de 2.600 viagens em dias úteis e, aos finais de semana e feriados, a maior média verificada foi de 2.100 viagens por dia.

As novas estações

141 – Terminal de Messejana (Av. Jornalista Tomaz Coelho - entre o Terminal e o Vapt Vupt)
149 – Etufor (Av. dos Expedicionários, 5677)
151 – Alan Kardec (Rua Alan Kardec, em frente ao estabelecimento 888)
153 – Center Box (Av. Humberto Monte, 254 - em frente ao Center Box)
155 – Praça Monsenhor Linhares (Rua Professor Érico Mota, esquina com a Rua Cônego Pena Forte)

Expansão do Bicicletar

Até o final de 2019, Fortaleza contava com 80 estações do Bicicletar, que eram e permanecem sendo patrocinadas pela Unimed Fortaleza, ou seja, a gestão municipal não teve nenhum custo com o programa. Já estes 130 novos equipamentos que estão sendo implantados ao longo de 2020 são custeados com recursos municipais oriundos da arrecadação da Zona Azul, resultando num sistema completamente renovado, mais moderno e confortável, com estações maiores e oferecendo mais vagas para as bicicletas, entre outras melhorias.

As novas estações estão sendo implantadas enquanto as que já existiam também estão sendo gradativamente renovadas e ampliadas. A empresa Serttel permanece como operadora e responsável pela manutenção técnica dos equipamentos.

Melhorias no sistema

Novidades como câmeras de videomonitoramento e alarme sonoro em todas as estações, botões individuais para solicitar conserto de bicicletas, escolha de bicicleta a partir da modalidade Bilhete Único, monitoramento por GPS e central de atendimento gratuito por telefone também estão entre as melhorias. O sistema permanece gratuito para quem utiliza Bilhete Único para viagens até 1 hora de segunda a sábado ou 1h e 30 minutos aos domingos e feriados.

Regras de uso

1 – Baixe o aplicativo Bicicletar no smartphone e faça o cadastro ou cadastre-se pelo site www.bicicletar.com.br 

2 – Após o cadastro, habilite seu passe Bicicletar no site ou no aplicativo:
• Passe com Bilhete Único é gratuito
• Passe diário: R$ 5,00
• Passe mensal: R$ 20,00
• Passe anual: R$ 80,00

3 – Retire uma bicicleta utilizando o aplicativo, por telefone (08005009901) ou com seu Bilhete Único;

4 – Após utilizar a bicicleta, devolva em uma das posições livres da estação do seu destino;

Podem ser feitas gratuitamente quantas viagens quiser de até 1 hora (segunda a sábado) e até 90 min (domingos e feriados), desde que sejam realizadas com intervalos de pelo menos 15 minutos.

Malha cicloviária em Fortaleza

A Prefeitura de Fortaleza chegou à marca de 307,5km de infraestrutura cicloviária, proporcionando cada vez mais opções de deslocamentos seguros para a utilização da bicicleta na Cidade. Nessa conta, são 185,8 km de ciclofaixas, 111,1km de ciclovias, 10,4km de ciclorrotas e 0,2km de passeio compartilhado. Isso significa que o Município, somente no período da atual gestão, bateu um recorde histórico, ampliando em cerca de 351% a rede cicloviária na Capital, visto que, ao final de 2012, Fortaleza contava apenas com cerca de 68,1km de malha cicloviária. Além disso, em 2018, já havia sido ultrapassada a meta estabelecida pelo Plano Diretor Cicloviário Integrado (PDCI) para 2020, que era de cerca de 236 km de rede para deslocamento de ciclistas.

Outro resultado importante do projeto é que, segundo o Instituto de Políticas de Transporte e Desenvolvimento (ITDP Brasil), Fortaleza é a cidade brasileira onde as pessoas vivem mais próximas à infraestrutura cicloviária (https://itdpbrasil.org/pnb/). O estudo revela que a capital cearense está no topo da lista dentre as 20 maiores cidades brasileiras com este perfil e o indicador percentual PNB (sigla em inglês para People Near Bike) mostra que 36% dos fortalezenses moram a menos de 300 metros de uma ciclovia, ciclofaixa, ciclorrota ou passeio compartilhado, ficando à frente de locais como Belém (29%), Distrito Federal (27%), Recife (24%), Aracaju (21%), Salvador (20%), São Paulo (19%) e Rio de Janeiro (19%), entre outras. Esses dados evidenciam também que Fortaleza é a única cidade com mais de 30% da população morando a 300m de alguma infraestrutura cicloviária.

Mapa das estações do Bicicletar

Mapa da Malha Cicloviária

Publicado em Mobilidade

A Prefeitura de Fortaleza oferta, por meio da Coordenadoria Especial de Políticas Públicas de Juventude (CEPPJ), neste mês de agosto, 1.515 vagas para 43 cursos on-line em diversas áreas de conhecimento, como formação e tecnologia, artes, comunicação e empregabilidade. As matrículas iniciam na terça-feira (04/08). O objetivo do uso de ferramentas on-line é adaptar os sonhos e perspectivas dos jovens à nova realidade durante a pandemia do novo coronavírus.

Alguns dos cursos disponibilizados são: Fotografia de produtos; Criando sua série de TV; Técnicas de desenho; Ballet Clássico; Planeje seu curta-metragem; Assistente administrativo e muito mais.

Clique e confira a lista completa de cursos 

Clique e se inscreva

Os interessados podem se inscrever pelo Canal da Juventude e cada aluno poderá participar de um curso por mês. Durante os cursos, é utilizada a metodologia de ensino presencial virtual, por meio do qual o professor permanece em interação com os alunos.

Sobre a Rede Cuca

A Rede Cuca é uma rede de proteção social e oportunidades formada por três Centros Urbanos de Cultura, Arte, Ciência e Esporte (Cucas), mantidos pela Prefeitura de Fortaleza, por meio da Coordenadoria Especial de Políticas Públicas de Juventude.

Geridos pelo Instituto Cuca, os Cucas Barra, Mondubim e Jangurussu atendem, prioritariamente, jovens de 15 a 29 anos, oferecendo cursos, práticas esportivas, difusão cultural, formações e produções na área de comunicação e atividades que fortalecem o protagonismo juvenil e realizam a promoção e a garantia de direitos humanos.

Além disso, a Rede Cuca também visa levar para a periferia de Fortaleza possibilidades e alternativas de fruição cultural por meio da realização de eventos estratégicos, festivais, mostras, exposições e programação permanente de shows, espetáculos e cinema.

Publicado em Juventude

peça de divulgação

A Prefeitura de Fortaleza abre inscrições, por meio da Coordenadoria Especial de Políticas Públicas de Juventude, para o segundo edital de Jovens Monitores em Psicossocial da Rede Cuca. Serão selecionados 27 jovens, com idade entre 16 e 29 anos, para atuar no programa de Monitoria pelo período de cinco meses. As atividades serão realizadas nos três equipamentos da Rede Cuca (Barra, Jangurussu e Mondubim). As inscrições são gratuitas e devem ser realizadas até o dia 30 de julho, exclusivamente, por meio de formulário eletrônico disponibilizado no Canal da Juventude.

Clique para se inscrever

Para participar é necessário ter experiência comprovada em cursos e projetos da Rede Cuca, além de não ser beneficiado com bolsa ou ajuda de custo em decorrência de qualquer outro edital da Rede Cuca.

O Programa de Jovens Monitores em Psicossocial é um laboratório de ensino-aprendizagem em que os selecionados participarão de vivências profissionais junto à rotina da equipe de Atendimento Psicossocial e Promoção de Saúde e promoverão ações em conjunto com a equipe técnica da Rede Cuca.

O processo seletivo contará com duas etapas de classificação. A primeira consiste em uma análise curricular e a segunda em entrevistas. O resultado preliminar da primeira fase será divulgado no dia 04 de agosto. Já o resultado final do edital será publicado no dia 11 de agosto.

Saiba mais


A Rede Cuca conta com três equipamentos localizados nos bairros Barra do Ceará, Jangurussu e Mondubim, e oferta, todos os meses, uma média de 5 mil vagas entre as 28 modalidades esportivas e mais de 60 cursos distribuídos em oito áreas de formação para jovens entre 15 e 29 anos, prioritariamente.

A Rede também leva para a periferia de Fortaleza a oportunidade de participação em eventos culturais como festivais, mostras, exposições, sessões de cinema e espetáculos, além de atividades voltadas ao psicossocial.

Publicado em Juventude

Peça de Divulgação

A Prefeitura de Fortaleza divulga, por meio da Coordenadoria Especial de Políticas Públicas de Juventude (CEPPJ), nesta sexta-feira (17/07), o resultado final da terceira edição do concurso de vídeos, que este ano foi voltado à temática da violência como resultado das discriminações. A votação aconteceu na plataforma internacional do projeto, entre os dias 16 e 30 de junho.

Clique aqui para conferir o resultado
Clique aqui para acessar o edital

O objetivo da iniciativa foi selecionar e premiar os melhores produtos audiovisuais elaborados por alunos das escolas públicas de Fortaleza e que são atendidos pelo projeto Recognize and Change (Reconhecer e Mudar), promovendo, assim, a sensibilização sobre o tema da discriminação e suas implicações na sociedade.

Este ano, o concurso foi dividido nas categorias vídeo e playlist, e contou com iniciativas mais amplas para a execução dos vídeos como flashmobs em casa e peças teatrais, em virtude do isolamento social. Os alunos puderam, ainda, contar com videoaulas de professores de audiovisual da Rede Cuca, que foram exibidos por meio da JuvTv, o canal Youtube produzido pelos jovens comunicadores.

Com vídeos de duração entre 30 segundos e três minutos, os participantes do concurso concorreram a uma premiação para os três produtos com maior número de votos na plataforma internacional do projeto e ainda com maior pontuação de uma banca de jurados, sendo o resultado final composto 60% por intermédio dos votos do público e 40% por intermédio dos votos de um júri especial nomeado pela Coordenadoria de Juventude. Foram quatro vídeos inscritos na categoria vídeos.

O terceiro lugar receberá um prêmio no valor de R$ 1.200,00, o segundo de R$ 1.600,00 e o primeiro lugar, o valor de R$ 2.000,00.

Sobre a Premiação

Nos próximos dias, a organização do projeto entrará em contato com os jovens para agendar, de maneira individual, por equipe, uma data para a premiação simbólica que acontecerá na Coordenadoria Especial de Juventude e contará com a presença do coordenador de Juventude, Luis Fernando. Na ocasião, os jovens deverão portar as cópias e originais do RG, CPF e comprovante de residência, junto com o termo de responsabilidade do representante legal e conta bancária que está no anexo I do edital. Os valores serão repassados aos jovens nos dias seguintes mediante a correta apresentação dos documentos necessários.  

Saiba mais

O projeto Recognize and Change (Reconhecer e Mudar), com duração de três anos, tem por objetivo ampliar a divulgação de uma cultura baseada na pluralidade de identidades e no reconhecimento mútuo entre os jovens, além de promover uma conscientização sobre os Direitos Humanos, o combate ao bullying e às diferentes formas de violência e discriminações. Ao redor do mundo, o Recognize and Change atua simultaneamente na Itália, Brasil, Bulgária, Cabo Verde, França, Grécia, Portugal, Romênia e Espanha.

Publicado em Juventude
peça de divulgação
A Rede Cuca é uma rede de proteção social e oportunidades formada por três Centros Urbanos de Cultura, Arte, Ciência e Esporte (Cucas) mantidos pela Prefeitura de Fortaleza

A Prefeitura de Fortaleza oferta, por meio da Coordenadoria Especial de Políticas Públicas de Juventude (CEPPJ), neste mês de julho, 1.080 vagas para cursos on-line em diversas áreas de conhecimento, como tecnologia, artes, comunicação e empregabilidade. As matrículas iniciam na próxima terça-feira (07/07).

O objetivo do uso de ferramentas on-line é adaptar os sonhos e perspectivas dos jovens à nova realidade durante a pandemia do novo coronavírus.

Alguns dos cursos disponibilizados são: Produção de vídeos para Internet; Inglês básico; Desenho para iniciantes; Violão para iniciantes; Teatro; Assistente administrativo; Departamento Pessoal e muito mais.

Clique para conferir a lista completa de cursos

Clique aqui para se inscrever

Os interessados podem se inscrever pelo Canal da Juventude e cada aluno poderá participar de um curso por mês. Durante os cursos, é utilizada a metodologia de ensino presencial virtual, por meio do qual o professor permanece em interação com os alunos.

Sobre a Rede Cuca

A Rede Cuca é uma rede de proteção social e oportunidades formada por três Centros Urbanos de Cultura, Arte, Ciência e Esporte (Cucas), mantidos pela Prefeitura de Fortaleza, por meio da Coordenadoria Especial de Políticas Públicas de Juventude.

Geridos pelo Instituto Cuca, os Cucas Barra, Mondubim e Jangurussu atendem, prioritariamente, jovens de 15 a 29 anos, oferecendo cursos, práticas esportivas, difusão cultural, formações e produções na área de comunicação e atividades que fortalecem o protagonismo juvenil e realizam a promoção e a garantia de direitos humanos.

Além disso, a Rede Cuca também visa levar para a periferia de Fortaleza possibilidades e alternativas de fruição cultural por meio da realização de eventos estratégicos, festivais, mostras, exposições e programação permanente de shows, espetáculos e cinema.

Publicado em Juventude

peça de divulgação

A Prefeitura de Fortaleza lança, por meio da Coordenadoria Especial de Políticas Públicas de Juventude (CEPPJ), a campanha Meu Arraiá da Juventude. A atividade começa nesta terça-feira (16/06) e segue até a quarta-feira (24/06).

Para participar, os interessados devem decorar um espaço da própria casa com o tema junino e postar no feed do Instagram pessoal com a hashtag #meuarraiadajuventude. Desta forma, as pessoas participarão da ação de forma segura.

A disputa conta com a curadoria do coordenador de Comunicação Popular da Rede Cuca, João Bento, da coordenadora de Formação e Tecnologia da Rede Cuca, Zoraia Nunes, e do coordenador de Cultura da Rede Cuca, Mapurunga Júnior.

A foto vencedora receberá uma cesta de comidas típicas de São João e mais alguns brindes. O objetivo da campanha é continuar difundindo e fortalecendo a tradição cultural junina do Estado.

Devido ao isolamento social, neste ano de 2020, acontecerá uma edição especial do Arraiá da Juventude on-line. O resultado da campanha Meu Arraiá da Juventude será divulgado no dia 27 de junho, durante o encerramento da programação do evento on-line.

Saiba mais

Na edição virtual do Arraiá da Juventude 2020, o púbico poderá acompanhar, durante a programação, uma banda ao vivo tocando músicas juninas, vídeos dos vencedores de 2019, entrevistas com rainhas de quadrilhas, webinários sobre culinária junina e muito mais.

Serviço:
Rede Cuca lança campanha Meu Arraiá da Juventude on-line
Período: 16 a 24 de junho 
Local: Instagram oficial da Coordenadoria de Juventude (@juventudefortaleza)

Publicado em Juventude

peça de divulgação

A Prefeitura de Fortaleza realiza neste mês de junho, por meio da Coordenadoria Especial de Políticas Públicas da Juventude (CEPPJ), a campanha Abra Suas Asas. A programação será realizada por meio da plataforma digital, como forma de respeitar o isolamento social em virtude da pandemia do novo coronavírus.

Clique para acessar a programação

A iniciativa faz referência ao Junho da Diversidade, mês em que se comemora o Dia Internacional do Orgulho LGBTI+. A programação especial da campanha contará com lives de artistas LGBTQIA, bate-papo sobre hormonoterapia e violação dos direitos LGBTs, entre outros.

O Dia Internacional do Orgulho LGBT é comemorado dia 28 de junho. A data é utilizada para enfatizar a conscientização social sobre a cultura de combate à homofobia e também para reforçar o orgulho das orientações sexuais de cada um.

Serviço:
Prefeitura promove campanha online Abra Suas Asas 
Data: 04 a 26 de junho
Local: YouTube.com/juvtv e no Instagram @juventudefortaleza

Publicado em Juventude