Peça gráfica residência coreográfica

A Escola de Dança da Vila das Artes abre inscrição para a residência coreográfica “Dança e Mitologia Pessoal”, com a bailarina e coreógrafa cearense Silvia Moura. As aulas gratuitas ocorrerão nas terças e quintas-feiras de março e abril, na Vila das Artes, equipamento da Prefeitura de Fortaleza.

Os interessados precisam ter mais de 16 anos e estarem disponíveis para o movimento expressivo proposto pela residência coreográfica. A proposta visa exercitar e construir partituras coreográficas a partir das histórias pessoais dos integrantes.

Bailarina e coreógrafa cearense com mais de 40 anos de dança, Silvia Moura busca desenvolver um trabalho que explora o movimento expressivo baseado na vivência singular e individual, ao qual denomina Mitologia Pessoal. Esta proposta fala da vida, do dia a dia, da Cidade, daquilo que se enfrenta, das situações que se apresentam e são contadas por meio de histórias dançadas.

Serviço
Residência Coreográfica Dança e Mitologia Pessoal
Data: a partir do dia 05/03, terças e quintas-feiras de março e abril
Horário: 11h30 às 13h
Link: http://bit.ly/2CqTaL7
Período de inscrições: 16/02 a 02/03

Publicado em Cultura
Peça gráfica com as informações da oficina Política de Distribuição

A Escola Pública de Audiovisual da Vila das Artes lança, nesta segunda-feira (05/02), as inscrições para o curso livre Política de Distribuição, com o realizador carioca Cavi Borges. As inscrições vão até o dia 15 de fevereiro e são destinadas para pessoas maiores de 18 anos. A Vila das Artes é um equipamento da Prefeitura de Fortaleza e todas as suas atividades são gratuitas.

Com 30 vagas, o resultado da inscrição sai no dia 16 de fevereiro, e as aulas ocorrerão entre os dias 19 e 23 do mesmo mês, de 9h às 12h. O curso Política de Distribuição pretende proporcionar novas formas de produção por meio dos processos colaborativos, repensando o roteiro em função do orçamento, além de refletir sobre a criação de redes e parcerias como um caminho para a distribuição da produção audiovisual.

Cavi Borges é fundador da Cavideo, locadora referência dos cinéfilos cariocas, que agora também produz e distribui filmes. Como produtor, já realizou 96 curtas e 36 longas e como diretor já fez 32 curtas e seis longas, ganhando 168 premios em festivais nacionais e internacionais. Em 2010, participou do concorrido Festival de Cannes com o curta “A distração de Ivan” na Semana da Crítica.

Serviço
Data: 19 a 23/02
Horário: 9h às 12h
Link: http://bit.ly/2scHlsa
Período de inscrições: 5 a 15/02
Resultado: 16/02
Vagas: 30

Publicado em Cultura

A Escola Pública de Teatro da Vila das Artes prorroga as inscrições para oficina “Crianças em Cena – 1, 2, 3, Ação”, com Péricles Davy, para o dia 18 de janeiro. A atividade faz parte da iniciativa de cursos e oficinas de férias que acontecem no equipamento entre os meses de janeiro e fevereiro.

A oficina, que tem o objetivo de atingir o público infanto-juvenil, funcionando como uma iniciação no mundo do teatro, tem idade mínima de 9 anos. A ficha de inscrição está disponível neste link.

A oficina “Crianças em Cena – 1, 2, 3, Ação”, com Péricles Davy, busca proporcionar a vivência da prática teatral na infância a partir de jogos cênicos, estimulando o desenvolvimento da imaginação, as potencialidades criativas e o exercício da expressividade verbal e corporal.

Serviço
Oficina “Crianças em Cena – 1, 2, 3, Ação”, com Péricles Davy
Crianças a partir de 10 anos
Incrições: 04 a 18/01
Link para inscrição: http://bit.ly/2CoUz5U
Resultado: 19/01
Aulas: 22/01 a 2/02, de segunda a sexta-feira
Horário: 14h às 16h

Publicado em Cultura
Marca da Oficina de Malabares

A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Escola Pública de Circo da Vila das Artes promove as oficinas de Malabares e Acrobacia entre os dias 13 e 25 de novembro. As inscrições, que podem ser feitas pela internet ou na Vila das Artes, estão disponíveis a partir desta quinta-feira (9/11) e vão até o dia 13 de novembro.

A Oficina de Malabares, com foco no instrumento bambolê, será ministrada pela professora Irlana Melo, enquanto a Oficina de Acrobacia, onde serão trabalhados diversas modalidades dentro do eixo, será ministrada pelo professor Jaderson Nobre. Ambas oficinas possuem 30 horas de carga horária e têm como público-alvo pessoas interessadas em artes circenses que sejam acima de 12 anos.

Serviços
Link de inscrição da oficina de Malabares: http://bit.ly/2hibEpa
Link de inscrição da oficina de Acrobacia: http://bit.ly/2zqgVWk
Local: Vila das Artes – Rua 24 de Maio, 1221, Centro
Período de inscrição: 9 a 13 de novembro
Horário: Segunda, quarta e sexta, de 8h às 11h. Sábado e domingo de 8h às 11h e de 13h às 16h

Publicado em Cultura
Arte conceitual do projeto A Fortaleza Feminina

A Escola Pública de Audiovisual da Vila das Artes realiza a finalização do projeto “A Fortaleza Feminina – uma ontologia audiovisual”, nesta sexta-feira (27/10), às 18h30. A convocatória em abril de 2017 teve como objetivo homenagear Fortaleza pelo aniversário de 291 anos com o apoio de obras de audiovisual em que a titularidade e direção fossem de mulheres.

Os curtas a serem exibidos na finalização do projeto serão “Caixa de Costura”, com direção de Taís Brasil; “A Bancada Feminina”, com direção de Maria Larissa Falcão e “Arly – Eu sou Imensidão”, de Taciana Moura Morais.

Os projetos de curta-metragem contemplados, cuja temática gira em torno da resistência das mulheres negras, brancas, indígenas, lésbicas, cis e trans, tiveram a consultoria da Escola Pública de Audiovisual da Vila das Artes e o suporte técnico do Núcleo de Produção Digital nas etapas de pré-produção, produção e pós-produção.

Confira a sinopse dos filmes:

“Caixa de Costura”/ Diretora: Taís Brasil/ Sinopse: Grosseria do sujeito que recebe os pedidos de emprego, que, aliás, grita com prazer ao seu subordinado. Passa os olhos por nós, como por cavalos e diz: “Aquela não é forte”. Diz isso de uma garota de 20 anos que largou o serviço há três anos porque estava grávida...

“A Bancada Feminina”/ Diretora: Maria Larissa Falcão/ Sinopse: Cynara é a única a mulher a compor a bateria da G.R.E.S Leões da TUF, a Torcida Uniformizada do Fortaleza Esporte Clube. Através da sua narrativa repleta de dedicação ao clube e à torcida organizada, ela conta como faz da sua vida uma história de paixão pela arquibancada de futebol, um lugar de símbolos e emoções que revela diferentes formas de relação e representatividade da mulher no espaço público.

“Arly – Eu sou Imensidão”/ Diretora: Taciana Moura Morais/ Sinopse: Arly está presa, por sua livre e espontânea vontade. Ela poderia sair no seu carro, pegar a CE 040 e deixar para trás a barraca, legado da família e sua rotina intensa como dona de casa. Mas ela prefere viver seu mundo de sonho e fantasia onde está agora e um dia brilhar como uma grande diva e ser feliz com seu grande amor bem longe de tudo.

Serviço:
A Fortaleza Feminina – uma ontologia audiovisual
Data: Sexta-feira (27/10)
Horário: 18h30
Local: Vila das Artes, Rua 24 de Maio, 1221 – Centro, Fortaleza

Publicado em Cultura
Aluno do Audiovisual operando câmera
Produções do Ciclo Imagem e Cidade e do Ateliê Imagem e Alteridade serão exibidos no evento

Os filmes produzidos no Ciclo Imagem e Cidade e no Ateliê Imagem e Alteridade do curso de formação básica em audiovisual da Vila das Artes serão exibidos na Feira do Conhecimento – Ciência, Tecnologia, Inovação e Negócios, realizada entre os dias 26 e 29 de outubro, no Centro de Eventos do Ceará.

Durante quatro dias, a feira irá contar com programação gratuita, reunindo academia, empresas, governo e comunidade, mostrando o conhecimento produzido no Estado. Serão mais de 90 expositores das áreas de startups e empreendedorismo, inclusão digital, ensino superior e profissional, educação à distância, empresas de tecnologia da informação, energia, águas e clima, popularização da ciência, cultura e governo.

Filmes exibidos
Os filmes do Ciclo Imagem e Cidade a serem exibidos são: “Guararapes” – Direção: Leonardo Câmara e Polly Di; “Iracema”– Direção: Francisco Carneiro; “Memento Mori” – Direção: Íron Cauan; “Memórias do Subsolo” – Direção: Felipe Camilo; “Soturna” – Direção e Roteiro: Léia Ávila; “O Teto”– Direção: Darwin Marinho; “Liquida” – Direção: Clara Capelo e “Rua Rio Pardo” – Direção: Luciana Rodrigues.

Os filmes do ciclo Ateliê Imagem e Alteridade a serem exibidos são: "De dentro pra fora" – direção de Beatriz Tanabe; "Presente" –direção de Rodrigo Pedroza; "Especiarias Vubdas" – realização Ariel Volkova, Caio Ary, Gabi Trindade, Gustavo Carvalho, Indira Brígido, Leonardo Câmara, Lua Alencar, Renata Onofre, Taís Augusto e Tuan Fernandes e "Curimba" – direção de Paolla Menchetti.

Audiovisual na Vila das Artes
O Curso de Realização em Audiovisual é constituído de seis ciclos. Cada ciclo é composto por módulos, divididos nos seguintes eixos: histórico, teórico, linguagem, técnico, aproximativo e ateliê.

No Ciclo Imagem e Cidade, “os filmes produzidos apresentam aspectos históricos teóricos da relação entre imagem e cidade. Esse é o primeiro ateliê de realização, no qual surgem os primeiros experimentos de possibilidades que guardam estreita relação entre a linguagem experimental de caráter inventivo”, explica Kennya Mendes, coordenadora da Escola Pública de Audiovisual da Vila das Artes. Já o Ciclo Ateliê Imagem e Alteridade tem um diálogo com a linguagem do documentário e suas tensões com o cinema de ficção.

Sobre a Feira do Conhecimento
A Feira do Conhecimento terá cerca de 100 expositores, e a expectativa é receber 10 mil visitantes nos quatro dias, com entrada gratuita. Na programação, os destaques são as atividades de robótica, games, empreendedorismo, educação, tecnologia, inclusão digital e muito mais. As inscrições para participação podem ser feitas no site da feira ou por meio deste link.

Serviço
Feira do Conhecimento – Ciência, Tecnologia, Inovação e Negócios
Data: 26 a 29 de outubro
Local: Centro de Eventos do Ceará - Av. Washington Soares, 999 - Edson Queiroz
Horário: 10h às 21h

Publicado em Cultura
Peça gráfica Cineclube Telas Abertas

Em outubro, a Escola Pública de Audiovisual da Vila das Artes homenageia os 100 anos do cinema de animação com o cineclube Telas Abertas “Mostra Brasil – Japão: 100 anos de cinema de animação” , que ainda contará com debates especiais sobre a temática em todas as sessões. Os filmes serão exibidos às quartas-feiras, com entrada gratuita.

Com curadoria de Kamila Medeiros, Roberta Barroso e Raul Ferreira, a mostra pretende dar luz a duas expressões culturais semelhantes, nascidas em uma mesma época, porém, separadas por continentes distintos. Segundo a curadoria, “tanto o anime como a animação brasileira estão comemorando o centenário. Há cem anos, fora realizado o primeiro filme animado no Japão, hoje em dia, perdido por conta de um terremoto. E também há cem anos, foi feito o primeiro filme de desenho animado brasileiro”.

O objetivo principal dos debates que irão ocorrer sempre após as sessões é “falar da narrativa e dos métodos desse trabalho minucioso e paciente que é animar e toda a sua variedade de técnicas que foram reunidas durante o mês de comemoração da animação”, pontua a curadoria.

O cineclube Telas Abertas acontece sempre às quartas-feiras, às 18h30, no auditório. A programação é aberta ao público.

Vila das Artes
Telas Abertas (Cineclube gratuito)
“Mostra Brasil – Japão: 100 anos de animação”

Quando: quarta-feira (04/10) às 18h30
Programação: “Luz, anima, ação”(2013), direção de Eduardo Calvet /documentário / Livre
[Debate com a cineasta, gestora cultural, produtora e roteirista Mariana Medina]

Quando: quarta-feira (11/10) às 18h30
Programação: "A viagem de Chihiro" (2001), direção de Hayao Miyazaki / Livre
[Debate com a cineasta, colorista e dubladora Mariana Lage]

Quando: quarta-feira (18/10) às 18h30
Programação: Curtas brasileiros – 12 anos: ( “Campo branco”/ “Vida Maria”/ “Guida”/
“Animais”/ “VIDA”/ “ Faroeste: Um Autêntico Western”/ “Castelos de vento”/ “Passo”/ “Até a China”)
[Debate com o técnico em cinema de animação e gestor da Casa Amarela Euselio Oliveira, Gustavo Belo]

Quando: quarta-feira (25/10) às 18h30
Programação: “Princesa Mononoke” (1999), direção de Hayao Miyazaki / Livre
[Debate com o diretor ilustrador e animador cinematográfico, Levi Magalhães]

Publicado em Cultura
Cineclube na Vila das Artes
Interessados podem participar, gratuitamente, do cineclube Telas Abertas, na quarta-feira (27/9), e do cineclube 24 Quadros na sexta-feira (29/09), ambos realizados na Vila das Artes (Foto: Jordênia Custódio)

Festival de comida nordestina, apresentação de chorinho, contação de histórias, meditação e exposições de arte fazem parte da programação cultural da Secretaria da Cultura de Fortaleza (Secultfor), desta semana, de segunda-feira (25/9) a domingo (01/10).

O projeto Bom de Fortaleza ocorre, neste sábado (30/9), com uma programação cultural gratuita, em praças das sete Regionais da capital cearense. Os eventos possibilitam a utilização dos espaços públicos e seus entornos, como lugares para manifestações artísticas, culturais e de diferentes segmentos relacionados à economia criativa.

As ações são realizadas no Polo de Lazer da Sargento Hermínio (Regional I), Praça do Mirante- Morro Santa Terezinha (Regional II), Praça Rodolfo Teofílo (Regional III) , Praça Argentina Castelo Branco (Regional IV), Praça Padre Cícero (Regional V) , Praça Igreja de Messejana (Regional VI) e Praça dos Leões (Regional Centro).

A programação cultural da Prefeitura de Fortaleza traz ainda nesta semana, o cineclube Telas Abertas, na quarta-feira (27/9), e o cineclube 24 Quadros na sexta-feira (29/09), ambos gratuitos e abertos ao público.

Confira a programação

Bom de Fortaleza
Programações culturais gratuitas em praças espalhadas por toda a cidade, essa é a proposta do projeto Bom de Fortaleza, realizado a partir deste sábado (16/9), nas sete regionais.
Quando: Sábado (30/9), às 16h
Locais:
Polo de Lazer da Sargento Hermínio (Regional I)
Praça do Mirante- Morro Santa Terezinha (Regional II)
Praça Rodolfo Teofílo (Regional III)
Praça Argentina Castelo Branco (Regional IV)
Praça Padre Cícero (Regional V)
Praça Igreja de Messejana (Regional VI)
Praça dos Leões (Regional Centro)

Passeio Público
Passeio Instrumental
O almoço ao som da música instrumental nas alamedas do Passeio Público é uma das melhores pedidas para o fim de semana. Todos os sábados e domingos no Café Passeio.
Quando: Sábado (30/9), às 12h30
Atração: Samuel Rocha Especial De Samba Instrumental
Quando: Domingo (01/10), às 12h30
Atração: Mateus Farias E Convidados
Local: Passeio Público de Fortaleza (Rua Dr. João Moreira, 198-250 - Centro)
Gratuito

Mercado Cultural dos Pinhões (Anexo)
Festival de comida nordestina
Renomados chefs de cozinha apresentam seus petiscos da culinária nordestina.
Local: Praça Visconde de Pelotas, S/N, Centro
Data: Sexta-feira, sábado e domingo (29 e 30/9, e 01/10), às 18h
Acesso gratuito

Biblioteca Municipal Dolor Barreira
Contação de histórias
O projeto incentiva os leitores a ouvir, ler e contar histórias, proporcionando reflexão e
discussão sobre as obras contadas, com o contador de histórias Chicão Oliveira .
Quando: terça e quinta-feira (26 e 28/9), às 9h e às 14h
Gratuito

Biblioteca Além do Espaço Físico
O projeto oferece apresentação cênica de contos, poesias, crônicas de autores universais, com o ator Cícero Teixeira Lopes. Atendemos em bibliotecas, escolas, universidades, etc.
Quando: De segunda a sexta-feira, de 8h as 20h. (mediante agendamento)
Para agendamento: Av. Da Universidade, 2572 – Benfica, Fone/Fax: (85) 3105.1299,
e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
Gratuito

Leitura Performática Gauche
Leitura performática de poemas de Carlos Drummond de Andrade, por Cícero Teixeira Lopes.
Quando: Quarta-feira (27/09), às 16h
Gratuito

Curso de Geofilosofia e Meditação
Realizado pela Associação de Geofilosofia (AGEAC), o projeto apresenta a Filosofia nas diversas culturas antigas, além de Aulas Práticas de Meditação.
Quando: Quinta-feira (28/9), às 17h
Tema: “Como Aprender a Escultar”
Quando: Quinta-feira (28/9), às 18h30
Tema: “Yoga Tibetana do Rejuvenescimento”
Gratuito

Visita guiada
A visita guiada apresenta e situa o usuário dentro do espaço físico da Biblioteca. O serviço oferecido é a porta de entrada para mostrar os recursos disponíveis que a Biblioteca oferece de estrutura e serviço para os usuários.
Quando: Segunda a sexta-feira, de 8h as 20h
Para agendamento: Av. Da Universidade, 2572 – Benfica, Fone/Fax: (85) 3105.1299,
e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
Gratuito

Centro Cultural Belchior
Exposição abertas
Horário de funcionamento: De terça a sexta-feira, de 10h às 21h; e no fim de semana de 15h às 21h. Gratuito
Local: R. dos Pacajús, 123 - Praia de Iracema
Telefone para informações: (85) 3105.1358

1) Exposição Cores e Cantos
Acervo com a temática do cantor e compositor cearense Belchior, com curadoria do artista plástico Tota

2) Exposição com obras de Aldemir Martins
Obras do artista plástico cearense Aldemir Martins estão disponíveis em uma exposição no Centro Cultural Belchior

3) Abertura da exposição “Recortes da Paisagem” de Ronaldo Cavalcante
A exposição “Recortes da Paisagem: Desenhos e Esculturas”, traz obra do artista Ronaldo Cavalcante para o Centro Cultural Belchior. A visitação segue até o dia 17 de outubro.

Vila das Artes
Telas Abertas (Cineclube Gratuito)
O Cineclube Telas Abertas, com exibição todas às quartas-feiras, realiza em setembro a Mostra de Cinema Africano com a curadoria de Rodrigo Coelho. A mostra exibirá quatro filmes produzidos no continente africano.
Quando: Quarta-feira (27/09) às 18h30
Filme: A Luz (1987), Mali/Burkina Faso. Classificação indicativa 10 anos
Local: Rua 24 de Maio, 1221 – Centro
Gratuito

Cineclube 24 Quadros (Cineclube gratuito)
“Império dos Sonhos: O surrealismo no cinema”
O Cineclube coordenado pelos alunos da Vila das Artes, 24 Quadros exibe todas às sextas-feiras filmes temáticos. Em setembro o tema gira em torno de filmes influenciados pelo movimento surrealista.
Quando: sexta-feira (29/09) às 18h30
Filme: Cidade dos Sonhos (2001), EUA. Classificação indicativa 16 anos

Publicado em Cultura
Contorcionista circense
Artistas credenciados irão participar do programa Circo de Todas as Artes

A Secretaria da Cultura da Fortaleza (Secultfor) prorrogou até 22 de setembro o edital para credenciamento de artistas que irão participar do programa Circo de Todas as Artes, atividade desenvolvida na Vila das Artes.

Podem se inscrever pessoas físicas ou jurídicas, maiores de 18 anos e que sejam profissionais capacitados em ministrar oficinas circenses, com qualificação técnica e experiência comprovada de no mínimo dois anos nas seguintes modalidades: malabarismo, monociclismo, capatazia circense, acrobacias aéreas, acrobacia cômica, mágica, direção de arte, faquirismo e confecção e manipulação de bonecos (marionetes).

Cada profissional ou empresa pode inscrever um artista em até três modalidades. Os interessados deverão apresentar envelope com documentação e formato exigidos pelo edital (clique aqui) até 22 de setembro, das 8h às 16h30, no setor de Protocolo da Central de Licitações da Prefeitura de Fortaleza (CLFOR).

O credenciamento funciona como um banco de dados e não como um vinculo de contratação imediata. Os profissionais selecionados ficarão condicionados à definição da programação dos eventos, bem como de previsão orçamentária.

Circo de Todas As Artes

O Programa “Circo de Todas as Artes” é a principal ação da Secultfor de valorização da linguagem do Circo, atuando junto às famílias circenses de modo itinerante e possibilitando a troca e difusão dos saberes do circo tradicional.

O edital irá possibilitar dar início ao processo de implantação da Escola Pública de Circo da Vila das Artes, ofertando oficinas básicas de circo para atores circenses e demais interessados.

Serviço
Edital de Credenciamento para Artistas Circenses
Inscrições: De 15 a 22 de setembro, de 8h às 16h30
Local para entrega de documentação: Setor de Protocolo da Central de Licitações da Prefeitura de Fortaleza - CLFOR (Rua do Rosário, número 77, Edifício Comandante Vital Rolim – Centro)
Confira o edital neste link

Publicado em Cultura
Arte sobre o cineclube Telas Abertas

O cineclube Telas Abertas realiza em setembro a Mostra Cinema Africano, com curadoria de Rodrigo Coelho. O projeto temático é realizado mensalmente pela Escola Pública de Audiovisual da Vila das Artes, equipamento da Secretaria Municipal da Cultura (Secultfor) e com programação aberto ao público.

O objetivo da temática de setembro do cineclube Telas Abertas busca entender e refletir as dicotomias presentes na estrutura social africana, bem como apresentar seus pontos de vista acerca de temas como a exploração colonial, segregação racial e as relações de poder e ancestralidade existentes na região.

A mostra irá exibir quatro filmes: A Viagem da Hiena (1973, Senegal) , A Negra De... (1966, Senegal/França) , Estação do Cairo (1958, Egito) e A Luz (1987, Mali/Burkina Faso). Todos os filmes foram produzidos no continente africano e realizados por cineastas africanos. Confira programação detalhada.

Telas Abertas (Cineclube Gratuito)
“Mostra de Cinema Africano”

A Viagem da Hiena (1973), Senegal. Classificação indicativa: 12 anos
Quando: Quarta-feira (06/09) às 18h30

A Negra De... (1966), Senegal/França. Classificação indicativa:12 anos
Quando: Quarta-feira (13/09) às 18h30

Estação do Cairo (1958), Egito. Classificação indicativa:12 anos
Quando: Quarta-feira (20/09) às 18h30

A Luz (1987), Mali/Burkina Faso. Classificação indicativa 10 anos
Quando: Quarta-feira (27/09) às 18h30

Local: Rua 24 de Maio, 1221 – Centro

Publicado em Cultura